TRANSPARENCIA GOV DEZ
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Aldeias do Pantanal - 25/04/2014 - 07h00

Índios rejeitam acordo e exigem solução para conflito em 6 dias




Por Aliny Mary Dias do Campo Grande News / Redação Pantanal News

O impasse envolvendo a Reserva Indígena Buriti, área de 15 mil hectares palco de conflito entre produtores rurais e índios em Sidrolândia, está previsto para terminar em junho. Essa é a data consenso entre ruralistas e representantes do Ministério da Justiça, mas, para os indígenas, o acordo nunca existiu e a data limite para a resolução do impasse é 30 de abril, ou seja, daqui seis dias.

O suposto acordo entre os ruralistas, Governo do Estado e o assessor do Ministério, Marcelo Veiga, ocorreu no final de fevereiro, quando o representante veio de Brasília a Campo Grande para acertar o cronograma de ações. Na época, o acordo era de que até 6 de junho todas as 31 fazendas seriam compradas pela União.

No entanto, dois meses se passaram e para os índios o prazo final para resolver os trâmites é 30 de abril e se nada acontecer novas ocupações de áreas serão registradas no Estado.

“Nós nunca aceitamos esse acordo. Na última conversa com o representante do ministro, nós dizemos que nosso prazo é 30 de abril e que se nada acontecer nós vamos fazer retomadas. Os caciques já estão conversando e estamos acertando tudo”, explica Lindomar Terena, líder indígena.

E ao que tudo indica, o prazo dos índios irá terminar, a morte de Oziel Gabriel, ocorrida em 30 de maio do ano passado, irá completar um ano e o problema não será resolvido. Tudo porque há divergências entre a avaliação das terras feita pelo Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), Funai (Fundação Nacional do Índio) e o que os produtores acreditam.

Na proposta apresentada pelo Ministério da Justiça, a região vale R$ 78 milhões, já um levantamento paralelo feito por uma empresa contratada pelos ruralistas o valor das 15 mil hectares é R$ 130 milhões.

Na última terça-feira (22), produtores do Estado foram até Brasília apresentar uma prévia do laudo e contestar mais uma vez o valor oferecido pelo Ministério. Os produtores também querem mais detalhes sobre a forma de pagamento da indenização, dinheiro ou TDA (Título da Dívida Agrária).

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
26/10/2017 - 07h05
MS: Cestas de alimentos beneficiam 2.855 mil famílias indígenas
05/05/2017 - 16h18
Campanha de vacinação dos povos indígenas 2017 começa nesta sábado
23/03/2017 - 10h58
Mato Grosso do Sul: Indígenas recebem cestas de alimentos da Conab
09/02/2017 - 10h14
Presidente nacional da Funai visita Dourados e áreas de conflito em MS
23/01/2017 - 07h27
Mitologia dos índios Guaranis vai representar o Brasil no Festival de Berlim
 
Últimas notícias do site
15/12/2017 - 16h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 39 milhões neste sábado
15/12/2017 - 16h02
Veado e tatu são resgatados e devolvidos a natureza
15/12/2017 - 12h35
Comandante e Subcomandante da PMA de Corumbá são homenageados
15/12/2017 - 12h01
PMA autua proprietário rural por armazenamento ilegal de embalagens de agrotóxicos
15/12/2017 - 10h56
Fazendeiro é autuado por armazenamento ilegal de madeira
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.