especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Turismo - 26/12/2013 - 06h27

Com direito a lendas, Buraco das Araras é passeio imperdível em MS

História e beleza do local se confundem no atrativo turístico em Jardim. Dolina tem 100 metros de profundidade e 500 metros de circunferência.





Fabiano Arruda/G1 MS

Produtor rural conta como deixou pecuária para viver do turismo

Fabiano Arruda/G1 MS

Fazenda em Jardim tem turismo inexplorado
Por Fabiano Arruda do G1 MS/Redação Pantanal News

As histórias que cercam o Buraco das Araras em Jardim, a 239 km de Campo Grande, são parte do passeio. Os turistas que visitam o atrativo turístico ouvem dos guias as teorias para o surgimento da dolina, que pode ser definida como uma "colina ao contrário". São 100 metros de profundidade, 160 metros de diâmetro e 500 de circunferência.

Como este fenômeno ocorreu? Uma das lendas mais contadas diz que um meteoro caiu no município sul-mato-grossense formando o local, mas segundo informações do atrativo turístico, estudos mostram que o surgimento do Buraco das Araras começou há cerca 10 milhões anos, apesar de a dolina estar formada há 200 mil anos.

A formação começou com a infiltração da água da região nas fissuras da rocha arenítica, dissolvendo o calcário subterrâneo ao longo do tempo. Esse processo resultou no desmoronamento de uma camada superior formada pelo arenito e provocou o surgimento de dolinas em Jardim. Outro exemplo é a Lagoa Misteriosa.

Existem outras lendas que cercam o “buracão”. Josenildo Rodrigues Vasques, um dos monitores que acompanham os visitantes, conta que ali era considerado por pistoleiros e coronéis o local ideal para eliminar desafetos, afinal, seria praticamente impossível encontrar um corpo no local.

O produtor rural Modesto Sampaio, 72 anos, conta que comprou a área em 1986 com a finalidade de criar gado para o sustento da família. Ao adquirir a fazenda, diz que era motivo de piadas o fato de sua propriedade possuir o “buracão”.

“Acharam graça, mas aquilo é obra de Deus”, conta ele que, dez anos depois da compra, resolveu largar a pecuária para explorar o turismo, iniciando o processo de reflorestamento na propriedade, outra ideia considerada “de doido”, conta.

“Tiro o sustento da família sem destruir. Gero empregos e conheço gente do mundo todo”, afirma Modesto. Cerca de 20 mil turistas visitam o local por ano.

Localização
O “Buraco das Araras” fica na fazenda Alegria. A área tem 100 hectares, desses, 29 fazem parte da Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN).

Até 1999 era possível fazer rapel no local, mas a prática foi proibida para proteger o ecossistema. Apenas pesquisadores podem descer para exploração científica.

Na propriedade, o turista tem de percorrer cerca de 900 metros de trilha antes de chegar ao primeiro deck de contemplação da dolina, onde é possível apreciar o voo das araras e de outras 135 espécies de aves catalogadas.

Em seguida, o guia leva o visitante para mais uma caminhada na mata até o segundo deck, que permite outra visão da formação geológica.

Cerca de 50 casais de araras vivem nesta área, segundo Vasques. As aves adotaram o local ao longo dos anos por conta das fendas nas rochas do buraco, utilizadas como ninhos. As araras vermelhas são as mais vistas, mas as azuis também moram por ali.

No fundo dos 100 metros de colina, um casal de jacarés do papo amarelo e sucuris são os moradores. A existência deles no local, segundo informações dos guias turísticos, é desconhecida.

Na volta da trilha à sede do atrativo, conversar com “seo Modesto” e ouvir os “causos” sobre o Buraco das Araras é o encerramento do tour.

Há a possibilidade de contratar ainda o passeio de fotografia, em que o visitante fica o dia todo na propriedade para contemplação das aves.

Turismo em desenvolvimento
Além do “Buraco das Araras”, Jardim oferece a flutuação do Rio da Prata e a Lagoa Misteriosa como outros atrativos turísticos. Mas há locais pouco explorados na cidade que podem ganhar espaço neste roteiro nos próximos anos.

As propriedades Lagoa Grande e Córrego Azul são exemplos. Na primeira, uma espécie de praia foi formada na área e ainda não há exploração turística. O mesmo ocorre na Córrego Azul, uma fazenda em que o rio que corta o local é cristalino e praticamente inexplorado.

O prefeito da cidade, Erney Cunha (PT), afirma que a administração municipal já monitora o potencial destas propriedades e traça medidas para conceder incentivos fiscais aos proprietários interessados em apostar no turismo.

Segundo ele, o município precisa ganhar visibilidade no setor, a exemplo da vizinha Bonito. Cunha explica que, atualmente, o turismo corresponde a 1% do Produto Interno Bruto (PIB) da cidade. “O objetivo é fazer este percentual chegar de 3 a 5% até o fim do mandato”, disse.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
23/11/2017 - 15h31
No Ministério do Turismo, prefeito discute liberação de verbas para distrito turístico
22/07/2017 - 14h34
Bonito é eleito o melhor destino de ecoturismo do Brasil pela 14ª vez
17/07/2017 - 15h30
Bonito vence pela 14ª vez prêmio de melhor destino de ecoturismo
20/05/2017 - 11h35
Eventos e negócios impulsionam turismo em Mato Grosso do Sul
12/01/2017 - 11h16
Feriados vão movimentar R$ 21 bilhões no turismo
 
Últimas notícias do site
15/12/2017 - 16h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 39 milhões neste sábado
15/12/2017 - 16h02
Veado e tatu são resgatados e devolvidos a natureza
15/12/2017 - 12h35
Comandante e Subcomandante da PMA de Corumbá são homenageados
15/12/2017 - 12h01
PMA autua proprietário rural por armazenamento ilegal de embalagens de agrotóxicos
15/12/2017 - 10h56
Fazendeiro é autuado por armazenamento ilegal de madeira
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.