especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Ciência e Tecnologia - 20/11/2013 - 06h01

XXVII Prêmio Jovem Cientista anuncia vencedores

Com tema “Água: desafios da sociedade”, Prêmio bate recorde com mais de três mil projetos inscritos




Por Assessoria/Redação Pantanal News

Estudantes do Rio Grande do Norte, do Pará, de Minas Gerais, do Ceará, de São Paulo, do Paraná e do Rio Grande do Sul estão entre os vencedores da XXVII edição do Prêmio Jovem Cientista, que abordou o tema Água: desafios da sociedade. O anúncio dos vencedores aconteceu hoje (19/11) em Brasília, na sede do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), e foi feito pelo presidente da instituição, Glaucius Oliva, que em parceria com a Fundação Roberto Marinho, a Gerdau e a GE, promove o Prêmio.

Nesta edição, o Prêmio bateu um novo recorde de inscrições: foram 3.226 trabalhos. A escolha do tema reflete uma preocupação mundial com a conservação e o uso eficiente da água, que se torna cada vez mais ameaçada pelo desperdício e a poluição. Pensando nisso, o Prêmio Jovem Cientista incentivou o desenvolvimento de projetos relacionados ao aprimoramento da gestão de bacias hidrográficas; a tecnologias de tratamento e reúso da água, incluindo a dessalinização; ao uso da água para geração de energia; à melhoria do acesso e qualidade das águas em benefício da saúde pública, dentre outras linhas de pesquisa inovadoras.

Para envolver jovens estudantes na investigação científica e apoiar professores do ensino médio interessados em participar desta iniciativa, o Prêmio produziu e ofereceu gratuitamente kits pedagógicos sobre a água e ainda promoveu 34 oficinas, ministradas por educadores formados especialmente para essa função e realizadas em 13 estados brasileiros, com o objetivo de orientar professores e estudantes do ensino médio a realizar seus projetos científicos.

 

 CONHEÇA OS VENCEDORES DA XXVII EDIÇÃO DO PRÊMIO JOVEM CIENTISTA:

 

CATEGORIA MESTRE E DOUTOR

 

1º lugar              

Gustavo Meirelles Lima

Instituição: Universidade Federal de Itajubá – UNIFEI (MG)

Orientador: Augusto Nelson Carvalho Viana

Título da pesquisa: “Microgeração em sistemas de abastecimento de água”

 

2º lugar

Claudia Carolina Silva Evangelista

Instituição: Universidade de São Paulo – USP (SP)

Orientador: Thiago Campos Pereira

Título da pesquisa: “Reduzindo drasticamente nossa dependência de água na agricultura através da anidrobiose”

 

3º lugar              

Rodrigo Cauduro Dias de Paiva

Instituição: Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS (RS)

Orientador: Walter Collischonn

Título da pesquisa: “Hidrologia da bacia Amazônica: compreensão e previsão com base em modelagem hidrológica-hidrodinâmica e sensoriamento remoto”

 

 

CATEGORIA ESTUDANTE DO ENSINO SUPERIOR

 

1º lugar

José Leôncio de Almeida Silva

Instituição: Universidade Federal Rural do Semiárido – UFERSA (RN)

Orientador: José Francismar de Medeiros

Título da pesquisa: “Mistura de águas salinas como alternativa para a irrigação e produção de forragem no semiárido nordestino”

 

2º lugar

Osvaldo Assunção Mendonça

Instituição: Universidade Federal do Ceará – UFC (CE)

Orientador: Maria Eugênia Vieira da Silva

Título da pesquisa: “Desempenho do dessalinizador térmico com estágios de recuperação de calor, formado por uma unidade de produção, torre com canais metálicos e perfis termoplásticos, e uma unidade de aquecimento, com coletor solar de tubo evacuado”

 

3º lugar              

Nícolas Guerra Rodrigues Tão

Orientador: Frederico Yuri Hanai

Instituição: Universidade Federal de São Carlos – UFSCar (SP)

Título da pesquisa: “Estudo da viabilidade de implantação de um sistema de tratamento de First Flush nas áreas urbanas da Bacia Santa Maria do Leme, São Carlos, SP”

 

 

CATEGORIA ESTUDANTE DO ENSINO MÉDIO

 

1º lugar

Edivan Nascimento Pereira

Instituição: Escola Estadual de Ensino Médio Profª. Ernestina Pereira Maia (PA)

Orientador: Valdemar Carneiro Rodrigues Júnior

Título da pesquisa: “Carvão do caroço de açaí (Euterpe oleracea) ativado quimicamente com hidróxido de sódio (NaOH) e sua eficiência no tratamento de água para o consumo”

 

2º lugar

Thaís Rocha Arrighi

Instituição: Escola Estadual Professora Francisca Pereira Rodrigues (MG)

Orientador: Arlete Aparecida Marchioni Juste

Título da pesquisa: “Chiquita economizando água - Hábitos inadequados e hábitos adequados”

 

3º lugar              

Breno de Mello Dal Bianco

Instituição: Associação Franciscana de Ensino Senhor Bom Jesus (PR)

Orientador: Cornélio Schwambach

Título da pesquisa: “Dessalinização a partir de destilador solar” 

 

CATEGORIA MÉRITO CIENTÍFICO

Dr. Eugênio Foresti

Universidade de São Paulo (SP)

 

 

CATEGORIA MÉRITO INSTITUCIONAL

 

Ensino Médio  

Escola Técnica Estadual Monte Mor (SP)

 

Ensino Superior

Universidade de São Paulo (SP) 

 

 

SOBRE O PRÊMIO JOVEM CIENTISTA

 

O Prêmio Jovem Cientista é uma iniciativa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), em parceria com a Fundação Roberto Marinho, a Gerdau e a GE. Quatro categorias são premiadas: Mestre e Doutor, Estudante do Ensino Superior, Estudante do Ensino Médio e Mérito Institucional. Há ainda um prêmio de Mérito Científico para um pesquisador doutor que, em sua trajetória, tenha se destacado na área relacionada ao tema da edição. Os orientadores das três categorias principais e as escolas dos três classificados do Ensino Médio são agraciados com laptops, como forma de estimular e reconhecer a cadeia de aprendizagem.

 

Na categoria Mérito Institucional são premiadas as duas instituições – uma do ensino médio e outra do ensino superior – às quais estiver vinculado o maior número de trabalhos, com mérito científico, inscritos nas categorias Mestre e Doutor, Estudante do Ensino Superior e Estudante do Ensino Médio.

 

Premiações – São mais de R$ 700 mil em prêmios, além das bolsas de estudo concedidas pelo CNPq.

 

Na categoria Mestre e Doutor, os vencedores são agraciados com R$ 30 mil (1º lugar); R$ 20 mil (2º lugar) e R$ 15 mil (3º lugar). Para Estudantes do Ensino Superior, os valores são de R$ 15 mil (1º lugar), R$ 12 mil (2º lugar) e R$ 10 mil (3º lugar). Estudantes do Ensino Médio classificados em 1º, 2º e 3º lugares ganham modernos laptops. 

 

No Mérito Institucional, serão pagos R$ 35 mil para cada uma das duas instituições. O pesquisador indicado para receber o Mérito Científico receberá R$ 20 mil.

 

O CNPq concede bolsas de estudo desde a iniciação científica até o pós-doutorado.  Os vencedores receberão os prêmios no Palácio do Planalto, no mês de dezembro. Os primeiros lugares de cada categoria participam ainda da reunião anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência que, em 2014, acontece em Rio Branco, no estado do Acre.

 

Histórico – Criado em 1981, o Prêmio Jovem Cientista tem o objetivo de incentivar a pesquisa e a inovação no País e é considerado um dos mais importantes reconhecimentos aos cientistas brasileiros. A entrega da premiação é feita pelo Presidente da República, em cerimônia que reúne parceiros, educadores e expoentes da ciência e tecnologia.

 

Os temas escolhidos a cada edição buscam soluções viáveis e acessíveis para os desafios da sociedade brasileira. Entre os assuntos abordados em edições anteriores estão “Saúde da população e controle de endemias", "Oceanos: fonte de alimentos", “Cidades Sustentáveis” e “Inovação Tecnológica nos Esportes”.

 

Divulgação - O CNPq realizou lançamentos do Prêmio nas cinco regiões do país, e notadamente no Nordeste, por ocasião da 65ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que em 2013 aconteceu na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Além disso, o PJC também foi promovido durante visitas a Secretarias de Educação, escolas técnicas e do ensino médio, universidades e Fundações de Amparo à Pesquisa, com a participação de gestores estaduais de Ciência, Tecnologia, Inovação, Meio Ambiente, Educação e Recursos Hídricos.

 

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
22/11/2017 - 09h39
Projetos do IFMS conquistam principais prêmios de feira científica estadual
08/11/2017 - 15h17
Estudantes do IFMS vencem competição nacional de foguetes
25/10/2017 - 07h46
Reinaldo participa da abertura da Semana de Tecnologia nesta quarta-feira
21/08/2017 - 11h51
IFMS prorroga inscrições em Feiras de Ciência para setembro
22/06/2017 - 10h05
IFMS promove evento de tecnologia aberto à comunidade em Aquidauna
 
Últimas notícias do site
17/01/2018 - 13h28
Inmet coloca Capital e 31 municípios em alerta devido a risco de tempestade
17/01/2018 - 08h01
Fazendeiro é autuado em R$ 15 mil por armazenamento ilegal de embalagens de agrotóxicos
17/01/2018 - 07h52
Carnaval de Corumbá: continuam abertas inscrições para ambulantes e praça de alimentação
17/01/2018 - 07h49
Reinaldo participa da Showtec e Rose visita cidade atingida por chuva
17/01/2018 - 07h05
Carnaval de Corumbá: atrações tem até sexta-feira para realizar cadastro
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.