especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Aldeias do Pantanal - 29/10/2013 - 07h40

Índios e fazendeiros brigam por área de quase 10 mil hectares em MS




Por Globo Rural/Redação Pantanal News

Armados com flechas, lanças e facões, os índios da etnia guarani kaiowá não permitem que fazendeiros, trabalhadores rurais e a imprensa entrem nas fazendas ocupadas por eles.

Os produtores rurais afirmam que nos últimos 15 dias, os indígenas invadiram 14 propriedades no município deJaporã, à 477 quilômetros de Campo Grande. Atualmente, cerca de 5 mil indígenas moram na aldeia Porto Lindo, que fica ao lado das fazendas que foram ocupadas. Há 10 anos, eles reivindicam a demarcação de uma área de 9,4 mil hectares localizada nas proximidades do Rio Iguatemi.

Os fazendeiros entraram na Justiça com um pedido de reintegração de posse das áreas, mas enquanto o caso está sendo analisado, a Justiça determinou que a Polícia Federal fique na região para evitar conflitos.

Os fazendeiros só conseguem entrar nas propriedades que estão ocupadas pelos indígenas com escolta da Polícia Federal. Os trabalhadores rurais alimentam os animais que ficaram nas propriedades e depois deixam a terra novamente.

O presidente do sindicato rural da região, Hilário Parise, diz que a maioria dos produtores está com medo de retornar à propriedade.

A administração da Funai, em Ponta Porã, afirma que só tem a confirmação de quatro fazendas ocupadas pelos indígenas. "Essa terra vem sendo reivindicada há mais de 30 anos. O Governo Federal já demarcou em 2005, mas uma série de medidas judiciais estão impedindo a plena posse desses indígenas, que estão vendo muita demora nisso e então, eles estão usando desse artifício para chamar a atenção para o movimento e as necessidades que eles têm", diz Silvio Raimundo da Silva, coordenador regional da Funai.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
26/10/2017 - 07h05
MS: Cestas de alimentos beneficiam 2.855 mil famílias indígenas
05/05/2017 - 16h18
Campanha de vacinação dos povos indígenas 2017 começa nesta sábado
23/03/2017 - 10h58
Mato Grosso do Sul: Indígenas recebem cestas de alimentos da Conab
09/02/2017 - 10h14
Presidente nacional da Funai visita Dourados e áreas de conflito em MS
23/01/2017 - 07h27
Mitologia dos índios Guaranis vai representar o Brasil no Festival de Berlim
 
Últimas notícias do site
15/12/2017 - 06h39
Com poucas chances de chuva, 6ª-feira será de sol e altas temperaturas
14/12/2017 - 06h35
Após trégua, 5ª-feira terá pancadas de chuva em várias cidades de MS
13/12/2017 - 08h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 33 milhões nesta quarta-feira
13/12/2017 - 07h58
Azambuja se reúne com empresa e dá posse ao novo secretário de Saúde
13/12/2017 - 06h54
'Dog itinerante': Este cachorrinho já visitou mais cidades que muita gente
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.