TRANSPARENCIA GOV DEZ
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Eventos - 18/02/2013 - 15h45

FCO vai destinar R$ 2,5 bilhões para o Estado neste ano




Por Daniel Pedra - Chefe de Redação do Núcleo de Comunicação do Sistema Fiems

No lançamento do Cartão FCO, o presidente da Fiems, Sérgio Longen, destaca que ferramenta vai ampliar a capacidade de investimentos

Durante a cerimônia de lançamento do Cartão FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste) realizada nesta segunda-feira (18/02) no auditório térreo do Edifício Casa da Indústria, em Campo Grande (MS), o superintendente do Banco do Brasil no Estado, Marco Túlio Moraes, informou que serão destinados para Mato Grosso do Sul um volume de recursos de R$ 2,5 bilhões para este ano. O montante, que na prática será 56,2% superior a R$ 1,6 bilhão liberado no ano passado e 127,2% ao valor de R$ 1,1 bilhão de 2011, foi acertado após reunião com o governador André Puccinelli e com os representantes da Fiems, Sérgio Longen, da Famasul, Eduardo Riedel, e da Fecomércio, Edison Araújo.

Segundo o presidente da Fiems, Sérgio Longen, o Cartão FCO deve contribuir para que o setor produtivo de Mato Grosso do Sul possa ampliar a capacidade de investimentos, alavancando ainda mais o desenvolvimento do Estado. “O Fundo é uma alternativa viável para os empresários expandirem os negócios, pois oferece condições favoráveis de pagamento, com juros variando de 3% a 3,5% ao ano. Dessa forma, o FCO vai continuar sendo uma ferramenta de fomento do desenvolvimento do Estado”, pontuou.

Já o governador André Puccinelli reforçou que o Estado vai continuar com a parceria com o Banco do Brasil para que o FCO continue contribuindo para o desenvolvimento do Estado. “Também quero reforçar que, com esse montante anunciado pelo Banco do Brasil, devemos aumentar os investimentos por parte dos empresários rurais e industriais”, disse. O diretor-superintendente da Sudeco (Superintendência do Desenvolvimento da Região Centro-Oeste), Marcelo Dourados, destacou o sucesso do FCO se trata de uma vitória da iniciativa pública e privada. “Além das condições diferenciadas de concessão do crédito, o FCO ganha ainda mais com essa agilização, pois simplifica o acesso ao recurso, desburocratizando o processo”, salientou.

Para o presidente da Fecomércio, Edison Araújo, o cartão será um benefício para todos. “Essa iniciativa é uma reivindicação antiga da classe empresarial, já que a sua utilização irá facilitar a vida do empresário, pela viabilidade de realizar investimentos e, ainda para o comércio irá facilitar a possibilidade de fazer novas vendas”, avaliou. Na avaliação do presidente da Famasul, Eduardo Riedel, o cartão representa um grande avanço que possibilita realizar melhores negócios. “O Fundo é um instrumento que alavanca o setor produtivo, sendo uma contribuição importante para o desenvolvimento da nossa região”, afirmou.

O cartão

O diretor de governo do Banco do Brasil, Janio Carlos Endo Macedo, reforçou que o Cartão FCO vai para simplificar o processo de liberação de crédito, além de proporcionar mais agilidade e comodidade aos empresários na utilização dos recursos do Fundo. “O cartão, que já está disponível nas agências do BB em todo o Estado, permite o pagamento direto aos fornecedores das compras efetuadas com a utilização das linhas de crédito que compõem o Programa FCO Empresarial (modalidades Capital de Giro e Investimento)”, informou.

O superintendente estadual do BB acrescenta que as aplicações em operações de financiamento chegaram a R$ 5,861 bilhões no período em todo o Centro-Oeste, o que representa incremento de 5,7% em relação ao recorde registrado em 2011, que foi de R$ 5,546 bilhões. Ele ressalta ainda que os tomadores de menor porte receberam atendimento creditício prioritário, conforme diretriz estabelecida na legislação que regulamenta os fundos constitucionais. Desde 2009, as operações contratadas junto aos tomadores de menor porte absorvem volume de recursos em percentual acima de 51% do total contratado nos respectivos exercícios. No ano de 2012, esse percentual superou a marca dos 68%, atingindo volume superior a R$ 4,005 bilhões.

Para obter financiamento com recursos do FCO, o empresário ou produtor rural deve comparecer a uma agência do Banco do Brasil, onde receberá todas as informações. O beneficiário pode tomar o financiamento em qualquer parte do Brasil, desde que o investimento seja aplicado no Distrito Federal ou nos Estados de Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. A utilização do Fundo como instrumento para a execução das políticas públicas voltadas ao apoio e incentivo ao desenvolvimento regional resulta na oferta de condições de crédito diferenciadas e competitivas, com destaque para as baixas taxas de juros, os limites financiáveis de até 100% para investimentos de empreendedores individuais, mini/micro e pequenos tomadores, e os prazos de amortização que podem chegar a 20 anos, incluído período de carência de até 12 anos.

Após a cerimônia de lançamento, Sérgio Longen, o governador André Puccinelli, a secretária estadual de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo, Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias, o presidente da Fiems, Sérgio Longen, o presidente da Famasul, Eduardo Riedel, o presidente da Fecomércio, Edison Araújo, o superintendente do Sebrae/MS, Cláudio Mendonça, e o presidente da Faems, Antônio Freire, receberam os primeiros cartões FCO.


Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
13/06/2016 - 12h11
Quermesse e variedade gastronômica marcam último dia de festa santa
10/06/2016 - 10h30
Feriado prolongado na capital de MS tem arraiais com shows sertanejos
29/01/2016 - 07h17
Da contagem regressiva para Carnaval até "Bee Gees", fim de semana está agitado
08/01/2016 - 06h50
Cidade tem Curimba, choro, 4 esquentas de Carnaval e teatro infantil de graça
31/12/2015 - 06h21
Após cancelar Réveillon, prefeitura da capital de MS fará queima de fogos
 
Últimas notícias do site
14/12/2017 - 06h35
Após trégua, 5ª-feira terá pancadas de chuva em várias cidades de MS
13/12/2017 - 08h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 33 milhões nesta quarta-feira
13/12/2017 - 07h58
Azambuja se reúne com empresa e dá posse ao novo secretário de Saúde
13/12/2017 - 06h54
'Dog itinerante': Este cachorrinho já visitou mais cidades que muita gente
13/12/2017 - 06h38
Dia amanhece com sol entre nuvens, mas previsão é de temperatura alta
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.