zap
GOV EMPREGO 22-06
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
O Estado do Pantanal - 07/08/2008 - 07h25

Sanesul já investiu R$ 480 mil em poços no Estado




Por Notícias MS

          A atual gestão administrativa da Empresa de Saneamento do Mato Grosso do Sul (Sanesul), iniciada em janeiro de 2007, já investiu mais de R$ 480 mil na perfuração de poços em todo o Estado. O trabalho vem sendo realizado há aproximadamente um ano e visa o aumento na capacidade de produção de água de algumas regiões do Estado.
        Até agora são oito poços perfurados nos municípios de Sidrolândia, Caracol, Taunay, Bodoquena, Deodápolis, Jateí, Angélica e distrito de Cipolândia, somando um investimento de R$ 481.302,50, de recursos da Sanesul. 

        São mais de 1.200 metros em poços e, de acordo com os resultados apresentados pelos poços, a produção total das novas perfurações quando somada à produção já existente tem capacidade para o abastecimento de toda a população dos oito municípios. O incremento na produção chega a cerca de 130 mil metros cúbicos de água por dia.

         Em Angélica o novo poço perfurado possui uma vazão três vezes maior do que o antigo poço de maior vazão. Já em Jateí o investimento representou um salto significativo na produção de água do município, com um incremento de mais de 300%.

         A perfuração e ativação dos poços, muitas vezes, exige o desenvolvimento de outros trabalhos paralelos, tais como a elaboração de um estudo detalhado com informações sobre o solo das áreas a serem perfuradas e a construção de adutoras, ligações elétricas, implantação de conjunto moto-bomba e urbanização da área.

         Os trabalhos de locação de área são realizados pela Gerência de Obras (Geob), por meio de empresa contratada. Já os serviços de ativação dos poços são responsabilidade da Gerência de Manutenção (Gema) e Gerência de Operação e Tecnologia da Sanesul (Geotec)

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
20/06/2017 - 08h03
Queimadas no Pantanal são naturais mas consumiram 63 km² em 2016
05/06/2017 - 08h00
Onça-pintada é tema de exposição interativa no Pantanal
29/05/2017 - 13h12
Cheia no Pantanal deverá atingir cerca de quatro metros e meio na metade do ano
17/05/2017 - 09h41
Cientistas desenvolvem alimentos processados de pescado pantaneiro
16/05/2017 - 14h17
Sete famílias deixam suas casas com início da cheia no Pantanal de MS
 
Últimas notícias do site
23/06/2017 - 16h02
TVE em Maracaju: governador Reinaldo e prefeito Maurílio Azambuja reativam sinal neste sábado
23/06/2017 - 14h16
Projeto de Moka quer acabar com distorção na disputa por vaga a pessoa com deficiência
23/06/2017 - 14h06
Fim de semana será de clima seco, com noites frias e tardes ensolaradas
23/06/2017 - 12h41
PMA autua pecuarista em degradar nascentes e dois córregos e áreas protegidas de matas ciliares
23/06/2017 - 10h35
Deputado Dr. Paulo Siufi solicita recolhimento de livro infantil que aborda incesto
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.