especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Jurídico - 01/11/2012 - 09h53

TJ ganha com entrada de nova desembargadora, afirma governador




Por Redação Pantanal News/Karina Lima-Notícias.MS

Edemir Rodrigues

Campo Grande (MS) – A juíza Maria Isabel de Matos Rocha tomou posse nesta quarta-feira (31) no cargo de desembargadora do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul. Ela é a quarta mulher a ocupar vaga na mais alta Corte da Justiça sul-mato-grossense e a primeira estrangeira. A magistrada é nascida em Moçambique, país que foi colônia de Portugal.

Como chefe do Poder Executivo, o governador André Puccinelli compôs a mesa de autoridades da sessão solene, realizada no plenário do Tribunal Pleno do TJ, e presidida pelo desembargador Hildebrando Coelho Neto.

Em entrevista, Puccinelli elogiou a juíza Maria Isabel pelo trabalho que realizou ao longo da carreira na magistratura e comparou a competência dela à da desembargadora falecida Marilza Lúcia Fortes, que ocupou a vaga anteriormente. “A doutora Maria Isabel é uma brilhante juíza, sei disso porque convivi com ela ao tempo da Prefeitura e também no Governo. O Tribunal de Justiça ganha. Com a ausência da doutora Marilza, valorosa, que lutou pela vida, a substituta é outra pessoa de igual valor”, destacou o governador do Estado.

 

Representantes do Ministério Público, da OAB-MS e da Defensoria Pública que homenagearam a mais nova desembargadora destacaram principalmente a atuação de Maria Isabel de Matos Rocha como juíza da Infância e da Juventude. Nessa função, ela criou o Projeto Padrinho, reconhecido e premiado diversas vezes por levar nova perspectiva a crianças em situação de abrigamento. Conforme a secretária-geral da OAB/MS, Rachel de Paula Magrini Sanches, a iniciativa contribuiu para o aumento das adoções em Mato Grosso do Sul. A sensibilidade com que a magistrada conduziu o projeto também foi reconhecida pelo governador. “A beleza interior da juíza Maria Isabel adentra ao TJ para enternecê-lo”, disse.

Promovida por unanimidade para o cargo de desembargador do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, a juíza atualmente era titular da 3ª Vara de Fazenda Pública e Registros Públicos da Comarca de Campo Grande. Muito respeitada pelos esforços e propostas desenvolvidas durante os 12 anos em que ficou a frente da Vara da Infância e da Juventude da Capital, ela defendeu no discurso de posse a importância de “um novo perfil de juiz”, que interage mais diretamente com as pessoas, sem intermediários, e falando em linguagem simples. Maria Isabel disse considerar que não só o cidadão, mas também quem atua no Judiciário, sai ganhando com essa aproximação, concretizada em diversas iniciativas atualmente em andamento, como a Justiça Itinerante. “Os juízes também se beneficiam de projetos de justiça despida de formalidade”, afirmou.

A atuação da desembargadora Marilza Lúcia Fortes foi lembrada pela nova ocupante do cargo e pelos representantes das demais instituições. Em pronunciamento em nome dos desembargadores, a desembargadora Tânia Garcia de Freitas Borges afirmou que “o legado de luta, determinação e dignidade” com que a falecida juíza premiou o Tribunal será mantido por Maria Isabel Rocha.

 

Perfil

Maria Isabel de Matos Rocha é natural de Nanpula (Moçambique) e formou-se em Direito na Universidade de Coimbra (Portugal) em 11 de outubro de 1978, ingressando na magistratura de Mato Grosso do Sul em 17 de maio de 1985.

 Foi promovida, por merecimento, para a Comarca de Camapuã, Primeira Entrância, em janeiro de 1986. Promovida, por antiguidade, para a 2ª Vara da Comarca de Cassilândia, Segunda Entrância, em setembro de 1988.

 Por antiguidade, a juíza foi promovida para a 1ª Vara da Infância e da Juventude da Comarca de Campo Grande, Entrância Especial, em 31 de agosto de 1995, e posteriormente reclassificada para a 3ª Vara de Fazenda Pública e Registros Públicos da Comarca de Campo Grande em 6 de julho de 2007.

 Em setembro de 2012,  a juíza foi convocada para exercer as funções de desembargador junto à 2ª Câmara Cível e à 1ª Seção Cível do Tribunal de Justiça.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
22/09/2017 - 08h30
Lei proíbe uso do capacete em estabelecimento comercial público
05/09/2017 - 08h00
Juízes de MS lideram ranking de produtividade entre tribunais do país
10/07/2017 - 14h50
Aquidauana lidera entre as cidades com maior número de videoconferências
17/04/2017 - 08h00
Carreta da Justiça abre atendimentos nesta 2ª feira em Bodoquena
03/04/2017 - 14h58
Inscrições para processo seletivo de estágio no TJMS seguem até dia 20
 
Últimas notícias do site
12/12/2017 - 14h30
Produção de grãos em MS cresce 40%, alta acima da média nacional
12/12/2017 - 12h51
Emoção, luzes e alegria marcam a noite de abertura da Vila do Natal em Aquidauana
12/12/2017 - 08h51
Governo divulga resultado dos recursos do concurso da Polícia Civil
12/12/2017 - 08h42
Calor predomina e meteorologistas alertam para baixa umidade do ar
12/12/2017 - 08h16
Governador participa de reunião do Codesul em Porto Alegre
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.