especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Indústria e Comércio - 05/07/2012 - 09h29

Empreendedores são mais otimistas que a média da população




Por Redação Pantanal News/Sebrae/MS

Pesquisa mostra que 15 milhões de pessoas estão envolvidas na criação de um negócio ou abriram um há menos de 3,5 anos

Um levantamento que reúne informações sobre empreendedorismo em 54 países revela que no Brasil 15 milhões de pessoas possuem um negócio há, no máximo, 3,5 anos ou estão se preparando para isso. O percentual mede a taxa de empreendedorismo do país. Desse total, 11 milhões estão no mercado há menos de 42 meses e quatro milhões estão envolvidos na criação de um novo negócio.

Os dados constam da pesquisa Global Entrepreneurship Monitor 2011 (GEM), realizada anualmente pelo Sebrae em parceria com o Instituto Brasileiro da Qualidade e produtividade (IBQP).

“A maioria dos que estão entrando no mercado como empreendedor é jovem e aposta no crescimento dos negócios nos próximos anos, gerando mais emprego, renda e desenvolvimento ao país”, assinala o diretor-técnico do Sebrae, Carlos Alberto dos Santos. Isso porque outro indicador nesse segmento é a proporção dos que pensam em contratar novos funcionários: maior do que a verificada na pesquisa anterior e superior também a dos empreendedores já estabelecidos no mercado.

O otimismo entre os empreendedores brasileiros que criaram um negócio há menos de 3,5 anos é maior que a média dos outros países pesquisados. A GEM 2011 mostra que 58% dos que possuem negócios em estágios iniciais percebem para os próximos seis meses boas oportunidades para começar um negócio na região em que vivem. Entre a população adulta brasileira em geral esse percentual é de 43%, e na média dos 54 países é de 39%.

Apenas 21% dos empreendedores em estágio inicial dizem que o medo de fracassar impediria que começassem um novo negócio. Tanto a população adulta do Brasil em geral como a média dos países pesquisados apresentaram resultados menos otimistas. Os percentuais foram de 35% e 39%, respectivamente.

Oportunidade

A pesquisa constata que no país os negócios são iniciados mais porque os empreendedores detectam uma oportunidade de negócio. Para cada empresa aberta porque o trabalhador teve a necessidade de investir em um negócio próprio, outras 2,24 são iniciadas devido à visão do empreendedor, que enxergou uma oportunidade no mercado.

Foi o que aconteceu com a empresária Ludmilla Diniz, de 31 anos, moradora de Brasília. Em julho de 2011 ela abriu sua primeira empresa, em sociedade com Meire Morais, de 33 anos. Elas inauguraram a Guilda, loja de roupas femininas, com confecção própria. “Vimos que as pessoas de Brasília consomem bastante, mas que o mercado possui poucas possibilidades de roupas feitas na própria cidade. Oferecemos, então, a nossas clientes roupas de qualidade e exclusivas, e acho que as possibilidades de crescimento da loja são enormes”, afirma Ludmilla.  

Ela nunca havia pensado em empreendedorismo. Formada em psicologia, trilhou outros caminhos antes de se decidir pelo próprio negócio. “Sempre sonhei com estabilidade, então cheguei a estudar para concurso. Mas um dia eu percebi que não ia acordar feliz todos os dias se trabalhasse como psicóloga ou no serviço público. Então decidi investir em moda, área de que sempre gostei”, conta.  

A pesquisa GEM mostra que, assim como Ludmilla e Meire, a maioria dos que iniciam um novo negócio é jovem. Um terço dos novos empreendedores tem entre 25 e 34 anos. Outros 20% têm menos de 24 anos e 25% têm entre 35 e 44 anos. O percentual de empreendedores acima de 45 anos é de 22%.

As donas da Guilda planejam aumentar o quadro atual de funcionários, de três colaboradores. Da mesma forma que elas, 49% dos que estão abrindo um negócio planejam contratar entre um e cinco funcionários nos próximos cinco anos. Em 2010, esse volume era de 40%. Atualmente, apenas 34% não pretendem expandir seus quadros. Já entre os empresários que possuem mais de 42 meses de atividade, a previsão é de que 45% mantenham o quadro de pessoal estável.


Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
17/03/2017 - 09h40
Indústria sem Fronteiras é criado para aquecer economia em municípios
20/01/2016 - 09h43
Exportação de industrializados fecha 2015 com queda de 21,9% em MS
17/12/2015 - 08h30
Mesmo com crise, indústria de alimentos projeta crescer em MS
19/10/2015 - 07h05
Terminal de Porto Murtinho será reaberto nesta terça com embarque de 6 mil toneladas de açúcar
02/10/2015 - 06h54
MS vence disputa com 3 estados e garante industria de R$1,6 bilhão
 
Últimas notícias do site
12/12/2017 - 08h51
Governo divulga resultado dos recursos do concurso da Polícia Civil
12/12/2017 - 08h42
Calor predomina e meteorologistas alertam para baixa umidade do ar
12/12/2017 - 08h16
Governador participa de reunião do Codesul em Porto Alegre
11/12/2017 - 14h35
Homens ameaçam policias com faca e são presos
11/12/2017 - 07h05
PMA de Aquidauana realiza Educação Ambiental para alunos e professores indígenas
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.