zap
ANIVERSÁRIO CORUMBÁ 2017
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
O Estado do Pantanal - 27/11/2008 - 15h00

Solidariedade: doações para SC já superam 1 tonelada






Por Gizele Cruz de Oliveira, do Notícias MS

Em um dia e meio da campanha que começou ontem (26) as coordenações de Defesa Civil estadual e de Campo Grande contabilizam mais de uma tonelada de doações para serem enviadas a Santa Catarina. Os mais de 1.000 quilos de donativos incluem roupas, calçados e alimentos.

Os quartéis do Corpo de Bombeiros em Campo Grande funcionam como postos de arrecadação. A entrega também pode ser feita na Praça Ary Coelho. Todo o material está sendo armazenado na antiga estação ferroviária, onde a Defesa Civil municipal coordena a separação dos itens, com apoio de voluntários. “Conseguimos hoje a designação de pessoal dos bombeiros para ajudar nesse trabalho de separação e organização”, informa o secretário-executivo da Defesa Civil estadual, major Hudson Faria de Oliveira. As roupas, por exemplo, precisam ser selecionadas conforme as condições de uso e a destinação para crianças ou adultos.

Mais municípios entram na campanha

A rede de solidariedade aumentou hoje com a entrada de mais três municípios na campanha. As coordenadorias de Defesa Civil de Dourados, Naviraí e Mundo Novo comunicaram que deram início a um movimento de arrecadação. Assim como em Campo Grande, as unidades dos bombeiros nessas cidades receberão os donativos da população. Onde não houver estrutura própria da corporação, a entrega pode ser feita em unidades da Polícia Militar.

Os donativos recebidos no interior serão remetidos a Campo Grande para depois seguiram até as regiões atingidas pelas cheias. Segundo o major Hudson Oliveira, o governo, por meio da Defesa Civil, buscará apoio da Base Aérea para transportar todo o produto da campanha até Santa Catarina. Equipes da Força Aérea em Mato Grosso do Sul, com dois aviões, já estão auxiliando no atendimento as vítimas da enchente.

Doações em dinheiro

Além do Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Bradesco, o banco Itaú disponibiliza uma conta para as pessoas que desejarem contribuir com dinheiro. “Esse tipo de auxílio é essencial porque quase 28 mil desabrigados dependem totalmente de assistência do governo e da Defesa Civil. São pessoas que perderam as casas e estão acomodadas em abrigos improvisados, muitas só com a roupa do corpo”, explica o major Oliveira. O dinheiro garante o fornecimento de água, comida, material de higiene e outros gêneros essenciais para a sobrevivência dos desabrigados.

Confira abaixo a relação dos bancos onde a doação pode ser feita:

Caixa Econômica Federal - Agência 1877, operação 006, conta 80.000-8.  Banco do Brasil – Agência 3582-3, Conta Corrente 80.000-7.

Bradesco - Agência 0348-4, Conta Corrente 160.000-1.

Itaú        -  Agência 0289, Conta Corrente 69971-2.

O nome da pessoa jurídica creditada é Fundo Estadual da Defesa Civil, CNPJ - 04.426.883/0001-57.

A Defesa Civil de Santa Catarina alerta que não está enviando por e-mail qualquer pedido financeiro, e ressalta que as contas oficiais são essas, publicadas no site da instituição. Em caso de dúvida, consulta www.defesacivil.sc.gov.br.

Entenda

Desabrigado e desalojado são definições legais estabelecidas pela Secretaria Nacional de Defesa Civil. As pessoas desabrigadas são as que perderam a sua unidade de habitação e estão num abrigo público (em Santa Catarina, 27.410 se encontram nessa condição). As pessoas desalojadas são as que precisaram se deslocar – não necessariamente perderam as casas – e não estão abrigadas em locais públicos, estando em casa de parentes ou amigos. Eventualmente, podem até voltar para a própria moradia depois (é o caso de 51.297 catarinenses atingidos pelas cheias).

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
21/09/2017 - 16h11
Frigorífico de jacarés leva qualidade do Pantanal ao mundo, diz Reinaldo
20/09/2017 - 16h40
Blairo Maggi vem a MS para inaugurar frigorífico de jacarés em Corumbá
14/09/2017 - 08h18
Reinaldo lança música feita por Almir Sater para aniversário MS
05/09/2017 - 15h15
Ribeirinhos do Pantanal recebem novos equipamentos de segurança
04/08/2017 - 11h44
Corumbá celebra encontro do homem pantaneiro, neste final de semana
 
Últimas notícias do site
22/09/2017 - 17h12
Vídeo: Ministro oficializa migração de 23 rádios da frequência AM para FM
22/09/2017 - 17h00
Vídeo: Ministro assina documento que autoriza migração de rádios AM para FM em MS
22/09/2017 - 15h58
Aquidauana sedia encontro para debater inclusão no IFMS
22/09/2017 - 14h39
Projeto Florestinha realizou Educação Ambiental para alunos em comemoração ao dia da árvore
22/09/2017 - 13h11
PMA apreende redes e liberta peixes dos petrechos ilegais
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.