especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Colunistas - 24/11/2008 - 14h22

Na Tarraqueta - Roberto Costa




Por Roberto Costa

Balança, mas não cai I – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, de forma enfática, que o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, permanecerá no cargo.

**

Balança, mas não cai III – "O Temporão é meu ministro. Ele fica", ressaltou. "Não existe (troca). Agora eu quero dizer o seguinte, ministros daqui para frente só sairão os que quiserem ser candidatos e queiram deixar a pasta."

**

Desaconselhável - O Instituto Nacional de Câncer (Inca) desaconselhou o rastreamento através dos exames de Antígeno Prostático Específico (PSA, na sigla, em inglês) e de toque retal para prevenção do câncer de próstata.

**

Justificativa - A recomendação aos médicos foi publicada há dois meses, no site do instituto, e apóia-se em cinco estudos internacionais, que não comprovaram que esses exames tenham impacto na redução da mortalidade.

**

Reprimenda – Para a Sociedade Brasileira de Urologia, a declaração do Inca foi inoportuna justamente agora quando o brasileiro estava tomando consciência da necessidade de fazer o exame do câncer de próstata.

**

Quadro nefasto – No Brasil, de acordo com as estatísticas, aproximadamente 400 mil pessoas sofrem de câncer e não sabem.  Anualmente a doença mata cerca de 15 mil brasileiros. O pessoal do Inca falou besteira.

**

Mãos para o alto – O Cristo Redentor, cartão postal de Três Lagoas, confirma que o artista responsável pela obra já vislumbrava que a cidade futuramente iria conviver com o pesadelo da violência.

**

Direitos iguais – Já que no Brasil se comemora “O Dia da Consciência Negra”, é discriminatória a não-existência do “Dia da Consciência Branca”, “Dia da Consciência Parda”...

**

Cota I – O Plenário da Câmara aprovou na quinta-feira (20) projeto que reserva no mínimo 50% das vagas nas universidades públicas federais para estudantes que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas.

**

Cota II - Emenda destina metade das vagas aos estudantes oriundos de famílias com renda per capita de até 1,5 salário mínimo (R$ 622,50). A outra metade deverá ser preenchida por alunos negros, pardos e indígenas.

**

Cota III – Cá entre nós, o projeto em questão deixou patente que a partir de agora o país passa a contar estudantes de primeira, segunda e terceira categorias. É educação de qualidade é tudo que o país precisa.

**

Calote – O presidente do Equador, Rafael Corrêa, insatisfeito com a construtora Odebrecht, quer suspender o pagamento do dinheiro que pegou emprestado junto ao BNDES – Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social.

**

Lei da compensação – “Quem não tem pinto se vira com peito”. A frase em questão com certeza absoluta teve ter sido cunhada pelo inventor do sutiã para homens.

**


Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
Divisão de Comunicação Social, em 26/11/2008 - 12h02

19/11/2008 - INCA esclarece população sobre rastreamento do câncer de próstata O exame de toque retal, a dosagem do antígeno prostático específico (PSA, na sigla em inglês), ultra-som e biópsias fazem parte da conduta médica quando pacientes do sexo masculino procuram um urologista. Estes exames, que podem diagnosticar doenças benignas ou malignas da próstata, devem continuar a ser feitos quando o médico, em concordância com o paciente, julgar necessário. O rastreamento, por sua vez, é uma política de saúde pública que consiste em convocar toda a população que atenda a critérios específicos para fazer determinados exames. O emprego do rastreamento deve estar norteado por evidências técnicas e científicas de qualidade. Em relação ao câncer de próstata, por não haver, até o momento, evidências científicas para que o rastreamento seja recomendado como política de saúde pública, o Instituto Nacional de Câncer recomenda que não se organizem ações de rastreamento para essa doença e que homens que demandem espontaneamente a realização de exames sejam orientados por seus médicos. O INCA continuará acompanhando o debate científico sobre o tema. Estudos científicos O Instituto Nacional de Câncer (INCA) não recomenda o rastreamento do câncer de próstata baseado em achados de cinco grandes estudos internacionais que concluem que a prática não reduz a mortalidade causada pela doença. Estudo americano de 2007 diz “não existir evidência suficiente para recomendar ou para não recomendar o exame rotineiro do câncer de próstata com PSA e toque retal, uma vez que as evidências de sua efetividade são inexistentes, de baixa qualidade ou conflitantes e que o balanço entre benefícios e danos não pode ser determinado”. O canadense, de 1994, concluiu que há pobre evidência para incluir ou excluir o toque retal e satisfatória evidência para excluir o PSA e o ultra-som trans-retal do exame periódico de homens assintomáticos acima de 50 anos. Um terceiro, europeu, de 1999, contra-indica o rastreamento para o câncer da próstata “frente à ausência de evidências demonstrando os benefícios desta tecnologia e aos riscos consideráveis do tratamento deste câncer em fase inicial”. Dois grandes estudos internacionais em curso que investigam o impacto do rastreamento do câncer de próstata na mortalidade não apresentam ainda conclusões definitivas. Ambos têm constatado excesso de diagnósticos de câncer de próstata nos grupos rastreados e a maior probabilidade de detecção de tumores com melhor prognóstico. Os resultados divulgados reiteram a necessidade de maior tempo de seguimento para demonstrar se haverá ou não redução da mortalidade do câncer de próstata com o rastreamento. Referências Canadian Task Force on Preventive Health Care, 1994 (http://www.ctfphc.org/) U.S. Preventive Service Task Force, 2007 (http://www.ahrq.gov/clinic/uspstf/uspsprca.htm) International Network of Agencies for Health Technology Assessment, 1999 (http://www9.euskadi.net/sanidad/osteba/datos/d_99-3_prostate_cancer_screening.pdf) Health Technology Assessment , 1997 (http://www.hta.ac.uk/fullmono/mon102.pdf)

 
Últimas notícias do canal
26/10/2010 - 16h21
Cláudio Humberto: Lula usará em factoide 4 navios e 6 helicópteros
07/10/2010 - 08h45
Cláudio Humberto: Brasileiros vão virar alvo na fronteira do Líbano
06/10/2010 - 07h29
Cláudio Humberto: Promotor do caso Tiririca foi acusado de plágio
05/10/2010 - 07h37
Cláudio Humberto: PSDB volta a falar em Aécio de vice, no 2º turno
02/10/2010 - 07h45
Cláudio Humberto: O jatinho usado por Marina tem sala de estar, bar, cozinha, DVD, etc..
 
Últimas notícias do site
08/12/2017 - 15h54
Final de semana será de chuva e temperaturas altas em todo MS
07/12/2017 - 10h30
Comando do 6° Distrito Naval comemora o Dia do Marinheiro
05/12/2017 - 11h16
Prefeito discute corredor bioceânico e gás natural com Evo Morales
04/12/2017 - 15h51
Em Brasília, prefeito busca recursos para saúde e infraestrura
04/12/2017 - 07h44
Confira as vagas de emprego disponíveis na Casa do Trabalhador de Aquidauana
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.