especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Indústria e Comércio - 11/11/2011 - 09h53

Limite do Supersimples será 50% maior para apoiar crescimento da micro e pequena empresa




Por Redação Pantanal News/Governo Federal

Teto para os empreendedores individuais será 67% maior e haverá margem extra para exportação de até R$ 3,6 milhões 

A partir de 1º de janeiro, o limite de enquadramento no regime de tributação Supersimples será 50% maior: passará de R$ 240 mil para R$ 360 mil para as microempresas e de R$ 2,4 milhões para R$ 3,6 milhões para as pequenas empresas. 

A lei, sancionada nesta quinta-feira (10) e cujo projeto é de autoria do Executivo, também dobra o limite de faturamento anual para as empresas exportadoras, que poderão faturar até R$ 7,2 milhões caso metade dessas vendas sejam no mercado externo. E o teto para os empreendedores individuais subirá 67%: de R$ 36 mil para R$ 60 mil por ano. “Isso vai permitir que a pequena empresa cresça seu faturamento e pague menos tributo”, afirma o ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Para o ministro, as medidas ajudam as pequenas empresas a concorrer com as grandes e favorece o emprego, pois o setor historicamente emprega mais do que as firmas de maior porte. “Nós estamos atraindo a pequena empresa para a formalidade com esse sistema”, diz Mantega. 

Uma empresa que fatura até RS 150 mil está hoje na segunda faixa, com alíquota de 5,47%. Em 2012, essa mesma empresa estará na primeira faixa, que tem alíquota de R$ 4%.

O secretário-executivo do Comitê Gestor do Simples Nacional, Silas Santiago, calcula que, a desoneração será de cerca de R$ 4,8 bilhões em impostos federais (com base nos dados de 2011. Sair dos limites do Supersimples pode significar uma aumento de tributos de até 67% no comércio, 64,8% na indústria e 79,7%¨na prestação de serviços.

As novas regras também reduzem a burocracia para os empreendedores individuais. Esses profissionais poderão alterar e fechar o negócio pela internet a qualquer momento no Portal do Empreendedor . Também por meio da página, os empreendedores individuais preencherão uma declaração única, em que comprovarão o cumprimento das obrigações fiscais e tributárias e poderão imprimir o boleto de pagamento.

Regime - Criado em 2007, o Simples Nacional reúne, em um pagamento único, seis tributos federais: Imposto de Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ), Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), PIS/Pasep, Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins), Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) e contribuição patronal para o INSS. 

Os microempreendedores são profissionais autônomos que contribuem para a Previdência Social e podem empregar até um funcionário. Eles também pagam o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), se exercerem atividades ligadas ao comércio, e o Imposto sobre Serviços (ISS), para profissionais do setor.

Atualmente, 3,9 milhões de empresas e 1,7 milhão de empreendedores individuais fazem parte desse regime - cerca de 77% do total das empresas brasileiras.

Dívida tributária poderá ser paga em até 60 meses

A partir de 2012, as empresas enquadradas no Supersimples poderão parcelar dívidas tributárias em até 60 meses (5 anos). A medida beneficiará até 500 mil empresas que devem aos governos federal, estaduais e municipais e seriam excluídas do regime tributário em janeiro.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
17/03/2017 - 09h40
Indústria sem Fronteiras é criado para aquecer economia em municípios
20/01/2016 - 09h43
Exportação de industrializados fecha 2015 com queda de 21,9% em MS
17/12/2015 - 08h30
Mesmo com crise, indústria de alimentos projeta crescer em MS
19/10/2015 - 07h05
Terminal de Porto Murtinho será reaberto nesta terça com embarque de 6 mil toneladas de açúcar
02/10/2015 - 06h54
MS vence disputa com 3 estados e garante industria de R$1,6 bilhão
 
Últimas notícias do site
12/12/2017 - 08h51
Governo divulga resultado dos recursos do concurso da Polícia Civil
12/12/2017 - 08h42
Calor predomina e meteorologistas alertam para baixa umidade do ar
12/12/2017 - 08h16
Governador participa de reunião do Codesul em Porto Alegre
11/12/2017 - 14h35
Homens ameaçam policias com faca e são presos
11/12/2017 - 07h05
PMA de Aquidauana realiza Educação Ambiental para alunos e professores indígenas
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.