zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Energia - 03/09/2011 - 09h37

Eletrobras e Eletrosul concluem primeira parceria em MS com entrega de resfriadores de leite









Por Redação Pantanal News/Anahi Gurgel

Mais de 600 famílias serão beneficiadas com a inauguração de oito Centros Comunitários de Produção (CCP), no Assentamento Itamarati II, em Ponta Porã, município localizado a 260 quilômetros ao Leste de Campo Grande (MS).
 
Em cada unidade, foi instalado um resfriador para o beneficiamento do leite de vaca, além de outros equipamentos para qualificar a produção leiteira e aumentar a renda dos pequenos produtores.
 
 A comunidade possui uma média de 500 cabeças de gado leiteiro que produzem 708 mil litros de leite por ano gerando renda mensal de cerca de R$ 360 para cada família. Hoje, 80% do leite são vendidos para empresas de laticínios da região, o restante é usado na fabricação artesanal de queijo e requeijão. Com a implantação da CCP, surge a possibilidade de se negociar a produção com outros mercados a preços mais compensadores. “A finalidade do projeto é fortalecer a parceria existente com o setor de pecuária leiteira da região, gerando maiores rendimentos a partir da agregação de valor ao leite produzido”, explicou João Bosco da Silva, coordenador estadual do Programa Luz para Todos pela Eletrosul.
 
Antes mesmo do evento de inauguração, realizado na quarta-feira (31), os assentados contabilizavam resultados positivos. “O leite era vendido a cerca de R$ 0,48 o litro. Depois que implantamos o resfriador, as empresas de laticínio pagam R$ 0,78. Estamos em época de seca e nossa produção diária gira em torno de 800 litros. Quando o pasto melhorar, a renda será ainda maior”, conta Genivaldo Pinheiro da Cruz, coordenador do CCP Oziel Costa. Cada Centro Comunitário de Produção possui uma área de 24 metros quadrados, onde foram instalados um tanque de expansão para resfriamento de leite com capacidade de 3 mil litros e outro tanque de recepção com capacidade de 200 litros. Os produtores rurais também receberam todo equipamento necessário para garantir a qualidade e higiene da produção, como régua graduada, lamparina para teste do leite, conjunto para medição de densidade, tambores e baldes e materiais de escritório.
 
A um custo total de R$ 53,7 mil, a obra contou com parceiros como a Eletrobras, que entrou com aporte de recursos para aquisição de máquinas, equipamentos e outros materiais necessários para operação do empreendimento. A Enersul (Empresa Energética de Mato Grosso do Sul) foi encarregada pela adequação da rede elétrica no local e fabricação das placas de identificação, enquanto os moradores cederam o terreno e mão de obra da edificação. O empreendimento teve colaboração da COAAMS (Cooperativa de Agricultores de MS), que forneceu assistência e apoio técnico para operação dentro dos padrões de eficiência e condições sanitárias adequadas, e da Eletrosul, responsável pelo apoio logístico para melhor desenvolvimento dos trabalhos, respondendo também pela fiscalização dos mesmos.
 
O projeto teve início em 2003, com uma avaliação da possibilidade de implantar os resfriadores. “Esse é o primeiro passo, mas tenho certeza que o empreendedorismo da comunidade levará a etapas mais audaciosas, como a implantação de um laticínio, por exemplo”, anima-se Fernando Mateus, engenheiro da Divisão de projetos sócio-ambientais da Eletrobras.
 
“É uma conquista dos assentados. O próximo passo é trabalhar o melhoramento genético de nosso gado  para garantir cada vez mais qualidade do leite”, acredita Hélio Gonsalez Santos, membro da Associação de Agricultores Familiares do Assentamento Itamarati II. A entrega dos equipamentos representa a conclusão da primeira parceria realizada entre a Eletrobras e a Eletrosul no estado.


 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
09/12/2013 - 09h57
Agência inicia em MS fiscalização de brinquedos e luminárias de Natal
17/10/2013 - 17h30
Horário de verão vai gerar economia de R$ 400 milhões, diz ONS
23/03/2013 - 08h05
No dia mundial da água jovens conhecem eletrodomésticos que preservam mananciais no consumo de energia
21/03/2013 - 15h37
Versão atualizada da cartilha Por Dentro da Conta de Luz
21/03/2013 - 14h05
Energia mensal de duas casas usa 1,5 milhões de litros de água
 
Últimas notícias do site
22/11/2017 - 11h35
PMA autua fazendeiro por erosão e assoreamento de córrego
22/11/2017 - 09h39
Projetos do IFMS conquistam principais prêmios de feira científica estadual
22/11/2017 - 09h23
Projeto Florestinha completa 25 anos formando cidadãos responsáveis
22/11/2017 - 07h26
Acumulada, Mega-Sena pode pagar R$ 50 milhões nesta quarta-feira
22/11/2017 - 06h13
Confira as ocorrências dos Bombeiros das últimas horas
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.