CARNAVAL CORUMBÁ 2018
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Internacional - 28/07/2011 - 08h29

Centro de Referência de Assistência Social pode ser modelo para o Chile




Por Redação Pantanal News/MDS

Delegação chilena visitou um Cras e um restaurante comunitário no Distrito Federal nesta quarta-feira (27). Os dois governos devem desenvolver projeto de cooperação na área social. Representantes do país latino-americano acharam interessante o acompanhamento do Bolsa Família, com as contrapartidas exigidas dos beneficiários.

 Técnicos do Ministério do Planejamento do Chile estão em missão de prospecção no Brasil para conhecer os programas sociais do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), com o objetivo de elaborar projeto de cooperação técnica entre os dois países. Nesta quarta-feira (27), eles visitaram o Centro de Referência de Assistência Social (Cras), e o Restaurante Comunitário de Itapoã, ambos mantidos pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda do Distrito Federal.

A missão pretende conhecer as experiências brasileiras de construção, implantação, monitoramento e avaliação das políticas públicas na área social.

De acordo com os técnicos, o Chile tem 2 milhões de pessoas pobres, dos quais 700 mil em situação de extrema pobreza. O país demonstrou interesse pelo modelo do Sistema Único de Assistência Social (Suas), pela política de segurança alimentar e nutricional, pelo Programa Bolsa Família e pelo Plano Brasil Sem Miséria.

Durante a visita ao Itapoã, eles conheceram o Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (Paif) oferecido no Cras (cofinanciado pelo MDS) e acharam interessante o modo como é feito o atendimento dos beneficiários dos programas sociais. No Chile, não há unidades para atender à população. As equipes fazem visitas domiciliares.

"O Cras atende mais pessoas porque é aberto à população. Estamos pensando em transferência de renda, queremos conhecer melhor o Bolsa Família, os Territórios da Cidadania e a inclusão financeira", comentou Isabel Thomas, assessora do Fondo de Solidaridad e Inversión Social, serviço do governo chilen o para a superação da pobreza.

O Cadastro Único e o Bolsa Família foram considerados excelentes ferramentas para a redução da pobreza. "O cadastro é uma ferramenta de boa condução, que identifica a população que queremos alcançar. O mais importante é o cumprimento das condicionalidades, não o dinheiro. As contrapartidas eram algo sobre o que não tínhamos muita clareza e se realizam bem por meio do Cras. O Cras é a peça que faltava no quebra-cabeça para entendermos como se dá a trajetória completa da população vulnerável na política brasileira", afirmou Andrés Agurto, técnico do Ministério do Planejamento chileno.

A missão também visitou o Restaurante Comunitário de Itapoã, onde conheceu a cozinha e almoçou por R$ 1. O local atende média de 1,8 mil pessoas por dia – na sexta-feira, dia de feijoada, são mais de 2 mil refeições. "Estava delicioso", elogiou Agurto, após experimentar arroz, feijão, peixe frito, pirão, omelete com legumes, salada, suco e, de sobremesa, uma maçã.

Na terça-feira (26), a missão chilena foi recebida pelo o secretário executivo em exercício do MDS, Marcelo Cardona, que apresentou o Brasil Sem Miséria e seus três eixos para superação da extrema pobreza: garantia de renda, inclusão produtiva e acesso aos serviços públicos. Gonzalo Villanueva, outro representante do governo chileno, também participou da reunião.

Diferentemente do Brasil, o Chile não possui Ministério do Desenvolvimento Social. Os programas sociais são gerenciados pela pasta do Planejamento. "As ações de superação da extrema pobreza devem integrar um novo ministério, que está em construção. ´É valiosa a experiência brasileira de gerar oportunidades no local onde as pessoas se encontram", afirmou Villanueva.

Em abril deste ano, o MDS enviou missão ao Chile para conhecer o modelo de acompanhamento familiar e a ações integradas para famílias de baixa renda. Após essa visita técnica, o próximo passo é a elaboração do projeto de coopera ção técnica.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews



Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
08/01/2018 - 07h50
Cachorrinha reencontra donos após ser capturada por águia nos EUA
24/10/2017 - 11h16
Em Assunção, Ruiter expõe desafios e oportunidades para viabilidade de hidrovia
14/09/2017 - 10h45
Raras girafas brancas são observadas em parque no Quênia
11/09/2017 - 14h23
Distantes, moradores de MS vivem angústia com parentes nos EUA
08/09/2017 - 07h10
Aquidauanense que mora no Texas relata desespero com furacão
 
Últimas notícias do site
16/01/2018 - 15h43
Secretaria disponibiliza 80 mil doses de vacina contra febre amarela em MS
16/01/2018 - 14h30
Obra de qualidade é uma das marcas do Governo, diz Rose depois de visitar Corumbá
16/01/2018 - 10h30
Ipê-roxo é primeira árvore do Cerrado a ter genoma sequenciado
16/01/2018 - 08h40
Rebanho de MS cresceu para 21.8 milhões de cabeças de gado em 2017, diz Iagro
16/01/2018 - 08h34
Prefeitura de Corumbá implanta ponto eletrônico
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.