especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Ciência e Tecnologia - 15/07/2011 - 08h57

Rede Ipê agora conecta 500 centros de pesquisa e garante benefícios a 3,5 milhões de usuários




Por Redação Pantanal News/Governo Federal

Capacidade agregada da rede que atende 27,5 mil grupos de pesquisa deu salto de 280% de 2008 a 2011

A rede acadêmica Ipê acaba de concluir a integração de 500 instituições dos sistemas brasileiros de ciência, tecnologia, educação superior e cultura com conexões multigigabits (acima de 1 Gbps). Mais de 3,5 milhões de pesquisadores, professores e estudantes são beneficiados pela infraestrutura da Rede Nacional de Pesquisa (RNP). Para mostrar a capacidade do sistema, na última quarta-feira (13), foi transmitido um jogo de futebol em alta definição pela malha de fibra óptica ao mesmo tempo em que estudantes e profissionais de medicina da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e da Universidade do Tocantins (UFT) acompanhavam ao vivo uma cirurgia realizada no Hospital Lauro Wanderley, da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). E foi feita também em um minuto uma transmissão de dados equivalentes a vários CDs, entre pontos distantes milhares de quilômetros.

“O maior valor dessa rede não é a infraestrutura em si, mas as instituições interligadas por ela – assim como o melhor da árvore é a floração”, comparou Nelson Simões, Diretor Geral da RNP. “Há uma enorme oportunidade de transformar a realidade brasileira, a vida das pessoas, a partir da qualificação de professores e alunos”, afirma. Para Simões, o desafio nos próximos anos será levar esses benefícios para além das grandes cidades. As conexões atendem agora a 24 unidades da federação, incluindo todas as capitais das regiões Nordeste e Centro-Oeste e alcançando a região Norte. 

Na demonstração, foi realizada uma transmissão por streaming de um filme 4K (com quatro vezes mais pixels que o formato HDTV), "Projeto 2014K", produzido pelo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD) e pela Universidade Mackenzie. A exibição deste filme em altíssima resolução, cuja transmissão sem compressão demanda fluxos de aproximadamente 8 Gbps, mostrou como a rede Ipê está preparada para operar experiências de ponta como esta sem perda de qualidade.

Sistema criado em 2005 chega à sexta geração

A primeira rede óptica nacional acadêmica da América Latina, a rede Ipê foi inaugurada em 2005, com a meta de garantir não só a largura de banda necessária ao tráfego Internet usual (navegação web, correio eletrônico, transferência de arquivos), mas também o uso de serviços e aplicações avançadas e a experimentação. A infraestrutura engloba 27 Pontos de Presença (PoPs), um em cada unidade da federação, além de ramificações para atender mais de 500 instituições de ensino e pesquisa em todo o País.

Em 2010, a rede Ipê passou por um salto qualitativo, atingindo a capacidade agregada de 233,2 Gbps, um aumento de 280% em relação à capacidade agregada anterior. Nesta nova rede, que é a sexta geração do backbone operado pela RNP, as velocidades multigigabits (acima de 1 Gbps) estão disponíveis para 24 dos 27 PoPs. A ampliação foi resultado de acordo de cooperação com uma empresa de telecomunicações, que negociou o investimento para compensar uma operação de mercado, no âmbito da Agencia Nacional de Telecomunicações (Anatel).

América Latina - A RNP tem papel de destaque na Cooperação Latino Americana de Redes Avançadas (RedCLARA). A rede Ipê tem uma conexão de 1,45 Gbps com a rede desta iniciativa, que integra atualmente 15 países da América Latina. Além disto, por meio de uma conexão de 20 Gbps operada em parceria entre a RNP e a Academic Network at São Paulo (ANSP), a rede Ipê se conecta a outras infraestruturas acadêmicas internacionais, como a norte-americana Internet2 e a europeia Géant, e à Internet comercial mundial.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
22/11/2017 - 09h39
Projetos do IFMS conquistam principais prêmios de feira científica estadual
08/11/2017 - 15h17
Estudantes do IFMS vencem competição nacional de foguetes
25/10/2017 - 07h46
Reinaldo participa da abertura da Semana de Tecnologia nesta quarta-feira
21/08/2017 - 11h51
IFMS prorroga inscrições em Feiras de Ciência para setembro
22/06/2017 - 10h05
IFMS promove evento de tecnologia aberto à comunidade em Aquidauna
 
Últimas notícias do site
19/01/2018 - 15h00
Agenda Cultural: fim de semana está repleto de opções com samba, rock, pop e funk
19/01/2018 - 13h00
Inmet alerta para chuvas intensas e ventos de até 100 km por hora em MS
19/01/2018 - 08h32
Fazendeiro é autuado em R$ 159 mil por desmatamento ilegal
19/01/2018 - 07h35
Carnaval de Corumbá terá Axé Blond, Revelação e baterias da Mangueira e Gaviões da Fiel
19/01/2018 - 07h10
Carnaval de Corumbá: atrações tem até hoje para realizar cadastro
 

88

ZAP NOVO
Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.