zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
O Estado do Pantanal - 30/05/2011 - 10h29

Documentário retrata realidade da vida dos Pescadores Profissionais Artesanais no Pantanal









Por Redação Pantanal News/Raquel Brunelli - Embrapa Pantanal

Um vídeo documentário que relata um pouco do dia a dia e da realidade vivida pelos ribeirinhos da região do Pantanal Sul Matogrossense foi lançado, na última semana, pela Embrapa Pantanal. Por meio de depoimentos dos próprios ribeirinhos, são narradas as dificuldades encontradas no dia a dia da vida de pescador, os anseios e desejos deste povo que vive ao longo do Rio Paraguai, em Mato Grosso do Sul.

O Vídeo “Pescadores Profissionais Artesanais do Pantanal Sul Matrogrossense” é resultado de um projeto iniciado em 2007 por um grupo de pesquisadores da Embrapa Pantanal (Corumbá-MS), Unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, que reuniu informações relativas a vida dos pescadores artesanais no Pantanal: como vivem e como estão inseridos na conservação do meio ambiente. Os dados foram coletados nas comunidades localizadas do Porto da Manga até a Barra do São Lourenço.

Segundo a pesquisadora responsável pelo projeto, Cristhiane da Graça Amâncio, o vídeo é uma forma de apresentar para os pescadores os resultados obtidos durante esses anos de pesquisa: “foi escolhido apresentar as informações em vídeo por ser um formato simples, de linguagem direta, clara e de fácil compreensão por parte dos ribeirinhos. O que percebemos, durante as apresentações, foi uma grande identificação com o que foi mostrado no filme, as queixas ali apresentadas são realmente as vividas por estas comunidades”, explica Cristhiane.

No vídeo são tratados temas relacionados ao preço das iscas praticados pelos ribeirinhos e atravessadores, as mudanças ambientais observadas pelos ribeirinhos ao longo do leito do rio, além de questões como os impactos causados pela criação de Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPNs) nessas comunidades pantaneiras, entre outros assuntos.

Porto da Manga

A primeira exibição do vídeo foi realizada para um grupo de pescadores do Porto da Manga, no dia 26 de maio, na “Escola Municipal de Extensão Porto da Manga”, onde além de assistirem o vídeo, os presentes puderam debater temas e levantar questões existentes que, em muitos casos, ficam restritas apenas a comunidade.

O pescador Ramão Arruda, que vive no Porto da Manga há mais de 25 anos, elogiou a iniciativa da elaboração de um vídeo que documente os problemas enfrentados por eles: “ ficamos muito felizes pois pelo menos vemos que existem pessoas que se importam com quem vive na beira do rio. Nós estamos aqui todos os dias, e não apenas retiramos nosso sustento das águas deste rio, mas cuidamos deste lugar também. É bom que as pessoas saibam disso”, completou Ramão.

Auditório Águas do Pantanal

No dia 27 de maio foi a vez de representantes de outras comunidades ribeirinhas, e de órgão públicos federais, estaduais, municipais e de instituições ligadas ao meio ambiente e que atuam na região participarem do lançamento do vídeo. Durante a abertura do evento, os componentes da mesa fizeram uma breve consideração sobre temas relacionados ao homem x natureza. A Chefe Geral da Embrapa Pantanal, Emiko Resende destacou a importância de pesquisas e estudos na área ambiental para subsidiar políticas públicas sustentáveis para a região do Pantanal.

Já o Procurador da República Wilson Rocha Assis chamou atenção para os modelos de preservação ambiental, que segundo ele são divididos em duas categorias: uma em que não há espaço para o homem, e outra que reconhece o espaço para que ele possa plantar, viver e pescar, preservando o seu direto de usufruir da natureza: “No vídeo observamos uma queixa muito grande por parte dos pescadores em relação as Reservas instaladas no Pantanal. Existem vícios de ilegalidade na criação de algumas RPPNs na região, pois durante processo de criação não foi observado o direito de consulta informada das comunidades tradicionais, ferindo assim a Convenção 169 da OIT ", completou o Procurador.


 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
14/07/2017 - 11h20
Bacia do Rio Paraná em MS também tem o seu "Pantanal"
04/07/2017 - 10h35
Mato Grosso lidera ranking de queimadas
20/06/2017 - 08h03
Queimadas no Pantanal são naturais mas consumiram 63 km² em 2016
05/06/2017 - 08h00
Onça-pintada é tema de exposição interativa no Pantanal
29/05/2017 - 13h12
Cheia no Pantanal deverá atingir cerca de quatro metros e meio na metade do ano
 
Últimas notícias do site
27/07/2017 - 12h14
PMA recolhe filhote de Jaguatirica apreendido com indígena
27/07/2017 - 08h28
PMA prende e autua assentado por exploração e furto de madeira de lei
27/07/2017 - 07h16
Rádios do MT e MS assinam contrato para funcionar em FM
27/07/2017 - 07h00
Em Campo Grande, ministro autoriza migração de 36 emissoras AM para FM
27/07/2017 - 06h15
Vídeo: Ministro assina documento que autoriza migração de rádios AM para FM em MS
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.