zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Aldeias do Pantanal - 30/03/2011 - 09h21

MS terá primeiro Conselho Comunitário de Segurança Indígena




Por Redação Pantanal News/Karina Lima - Notícias.MS

Kayke Niz
recurso


         Campo Grande (MS) – Nos próximos dias deverá ser publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) a instituição do Conselho Comunitário de Segurança Indígena. A iniciativa da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), por meio da Coordenadoria Estadual de Polícia Comunitária, cria o 39º conselho comunitário de segurança no Estado, sendo o 15º na Capital.

  A novidade é que o mais novo conselho comunitário contará com a participação de membros moradores de quatro comunidades indígenas de Campo Grande: Aldeia Urbana Marçal de Souza, Aldeia Urbana Darcy Ribeiro, Comunidade Indígena Água Bonito e Comunidade Indígena Tarsila do Amaral.  

Ontem de manhã (29), os 21 futuros membros indígenas do conselho participaram de uma reunião na Sejusp com o coordenador estadual de Polícia Comunitária, tenente-coronel Carlos de Santana Carneiro, para conhecer as diretrizes, a função dos conselhos comunitários nas comunidades. “Este conselho será importante para buscar a integração dos policiais com as comunidades indígenas e por meio de reuniões, debates sobre a segurança pública, vamos fazer a integração também de comunidades vizinhas”, explicou Santana. 

Com o lema “Comunidade tranquila, um futuro melhor: integração e cidadania”, o novo conselho comunitário de segurança já tem data definida para a primeira reunião. No dia 3 de maio, haverá reunião com a comunidade do Tarsila do Amaral e Água Bonita, na Oca Comunitária Cultura, localizada entre as duas comunidades.  

De acordo com o tenente-coronel Santana, o primeiro encontro terá a participação também de membros da segurança pública como Polícia Militar, Civil e do Corpo de Bombeiros. “Nesta reunião os moradores vão conhecer o conselho comunitário e vamos ouvir as reivindicações, além de apresentar estratégias e sugestões”, informou.  

O presidente do novo conselho já foi definido pelos membros e será o cacique da 1ª Aldeia Urbana Marçal de Souza, Ênio de Oliveira Metelo. O coordenador estadual de Polícia Comunitária lembrou que a iniciativa da criação do conselho comunitário de segurança indígena começou desde um convite da Coordenadoria ao cacique Ênio, no ano de 2009, para participar do curso de polícia comunitária. “Integrantes do conselho também farão o curso de polícia comunitária para conhecer a filosofia, mas principalmente saber que o conselho será de integração onde eles passarão a fazer parte do debate da segurança pública”, concluiu. 

Ênio de Oliveira Metelo, eleito presidente do conselho, disse que o maior objetivo da comunidade indígena é o resgate da autoestima. “Nossas aldeias urbanas estão praticamente integradas aos brancos, com isso, os problemas que afligem nosso povo são os mesmos, como consumo de álcool e violência doméstica. Com a ativação do conselho, queremos mobilizar a nossa própria comunidade, o nosso jovem, para juntos lutarmos e garantirmos  saúde, educação, lazer, segurança, mas, acima de tudo, a identidade do povo índio”, ressaltou.   

Conselhos 

        Os Conselhos Comunitários de Segurança (CCs) são grupos de pessoas de uma mesma comunidade que se reúnem para discutir, analisar, planejar e acompanhar a solução de seus problemas de segurança. Hoje, são 39 conselhos no Estado, sendo 15 na Capital.         

        Cada conselho é composto por 23 membros efetivos, sendo três membros natos: um representante da Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar; cinco indicados pela comissão de assessoria comunitária e 15 indicados pela comunidade local.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
05/05/2017 - 16h18
Campanha de vacinação dos povos indígenas 2017 começa nesta sábado
23/03/2017 - 10h58
Mato Grosso do Sul: Indígenas recebem cestas de alimentos da Conab
09/02/2017 - 10h14
Presidente nacional da Funai visita Dourados e áreas de conflito em MS
23/01/2017 - 07h27
Mitologia dos índios Guaranis vai representar o Brasil no Festival de Berlim
03/01/2017 - 10h01
Indígenas de Mato Grosso do Sul recebem cestas de alimentos
 
Últimas notícias do site
20/10/2017 - 15h38
Asfalto entre Piraputanga e Camisão vai impulsioncar ecoturismo na região
20/10/2017 - 15h06
Alerta prevê tempestades em 43 municípios de Mato Grosso do Sul
20/10/2017 - 14h13
PMA autua proprietária rural por exploração ilegal de madeira
20/10/2017 - 12h30
PMA autua jovem por manter ave silvestre em cativeiro
20/10/2017 - 11h33
Incêndio em parque estadual de MS é controlado após uma semana com ajuda de chuva, diz Imasul
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.