zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Artigos - 10/03/2011 - 07h57

Desafiando o Rio-mar – Sandices Aquáticas




Por Hiram Reis e Silva

Sou o piloto que nos mares fixa
indormido os vôos das velas;
melancólica e salgada esta barca
segue as correntes e as ondas
sabidas pelo piloto
de portos singraduras terras
e navegações cumpridas.
 (Silvio Castro - Antes da viagem)
 

O acidente provocado pelo juiz aposentado Disney Sivieri que feriu gravemente uma menina de 11 anos no Balneário Camboriú (SC), no dia 5 passado, mostra que as leis, neste país, só existem para proteger os infratores. A criança estava em um “banana boat”, quando foi atropelada e sofreu ferimentos profundos em diferentes regiões do corpo e fratura exposta na perna direita que corre o risco de vir a ser amputada.

A Capitania dos Portos de Itajaí afirmou que Disney se recusou a fazer o exame de bafômetro. De que adianta nossa legislação proibir que se dirija ou pilote após ter ingerido bebidas alcoólicas se nossos juristas, mais preocupados com os infratores do que com suas vítimas, defendem que a imposição do exame violaria o “direito” dos cidadãos de não produzirem provas contra si mesmos. Diversos turistas que presenciaram o acidente afirmaram categoricamente que o piloto estava bêbado.

- Lars Grael - 1998

Grael, campeão mundial e duas vezes ganhador da medalhista olímpica, foi convidado a participar da “44ª Regata Taça Cidade de Vitória”. Quando ele e seu primo Anders Schmidt faziam reconhecimento da raia para o segundo dia da competição foram abalroados pela lancha “Laguna-L”, do empresário Carlos Guilherme de Abreu e Lima. Anders conseguiu pular do barco a tempo, mas Lars foi derrubado na água e sugado pelas hélices, teve sua perna direita cortada na parte superior da coxa.

Guilherme Lima, pai do criminoso piloto, defendeu o filho e vociferou: “Se ficar provado que a culpa foi do Lars, vamos tomar as medidas judiciais e exigir indenização pelo trauma que meu filho sofreu”. Embora atentado tenha ocorrido em 1998, somente em 2003, a Justiça decidiu que Carlos Guilherme de Abreu e Lima teria que pagar R$ 2,4 milhões de indenização a Lars Grael e uma pensão mensal vitalícia de R$ 7,3 mil. Em 2007, o STJ manteve a condenação, mas sua pena foi convertida em prestação de serviços à comunidade.

- Minhas Raias

Nas minhas idílicas e solitárias navegações, nestes últimos trinta anos, pelos maravilhosos caudais, volta e meia, sofro agressões por parte de pilotos de embarcações a motor que se comprazem, abandonando suas rotas normais, em passar o mais próximo possível e, a toda velocidade, de meu caiaque provocando marolas.

 No canal que une a lagoa do Armazém à Lagoa da Custódia, em Tramandaí, este tipo de conduta é ainda mais flagrante. Proprietários de mansões, à beira do canal, pilotam ali suas enormes lanchas como se estivessem participando de um rally, sem se preocupar com a segurança dos banhistas e pescadores que navegam nos pequenos botes. Os humildes e conscientes pescadores, entretanto, navegam lentamente até adentrarem nas Lagoas.

- Pilotos Amazônidas

Em uma de minhas amazônicas jornadas, embarcado, observava, atento o Soldado piloteiro manobrar o Barco Regional. Quando penetramos em um pequeno afluente do Tapajós pude notar a preocupação do nosso capitão com as pequenas embarcações que cruzavam por nós. Ele diminuía a velocidade imediatamente evitando que as grandes marolas pudessem vir a provocar algum inconveniente para as montarias dos ribeirinhos. Como seria bom que o comportamento exemplar de nossos amigos remadores e velejadores fosse assimilado pelos pilotos de barcos a motor. Aqueles que vivem das águas e para as águas tem muito a ensinar a estes juízes, empresários e tantos outros que usam suas embarcações como armas e tem vitimado tantos inocentes ao longo dos anos sem que a justiça consiga alcançá-los.

Coronel de Engenharia Hiram Reis e Silva
Professor do Colégio Militar de Porto Alegre (CMPA)
Presidente da Sociedade de Amigos da Amazônia Brasileira (SAMBRAS)
Presidente do Instituto dos Docentes do Magistério Militar
Acadêmico da Academia de História Militar Terrestre do Brasil (AHIMTB)
Membro do Instituto de História e Tradições do Rio Grande do Sul (IHTRGS)
Colaborador Emérito da Liga de Defesa Nacional
Site: http://www.amazoniaenossaselva.com.br
E–mail: hiramrs@terra.com.br


Os artigos publicados com assinatura não representam a opinião do Portal Pantanal News. Sua publicação tem o objetivo de estimular o debate dos problemas do Pantanal do Mato Grosso do Sul e de Mato Grosso, do Brasil e do mundo, garantindo um espaço democrático para a livre exposição de correntes diferentes de pensamentos, idéias e opiniões. redacao@pantanalnews.com.br

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
LUCIANE WAGNER, em 10/03/2011 - 16h54

Quem não deve, não teme! Esse "juiz" deve conhecer muito bem o significado desta frase e se não havia ingerido bebida alcolica deveria ter feito SIM o teste do bafômetro pois assim não ficariam dúvidas de seu estado de lucidez. Conheço e convivo com muitas pessoas diabéticas e safenadas que não podem beber e bebem...Perdeu uma boa oportunidade de mostrar sua índole.Queremos justiça e indenização para essa linda menina!

pichinin, em 10/03/2011 - 11h11

Conheço Dr. Disney há mais de vinte anos . Foi magistradfo em nossa comarca . É pessoa honesta , cumpridora de seus deveres , não ingere bebidas por problemas sde saude . Não havendo qualquer ato que desabone sua conduta profissional e social .

 
Últimas notícias do canal
28/07/2017 - 16h47
Chapéu Bandeirante
24/07/2017 - 09h01
Atentado à Vida de Plácido de Castro
22/05/2017 - 09h01
Heraldo Pereira e Bosco Martins: um breve reencontro entre amigos
04/05/2017 - 14h30
Dr. Francisco Cavalcante Mangabeira – Parte VI
02/05/2017 - 11h08
O poeta de Sobral
 
Últimas notícias do site
23/08/2017 - 17h12
Vídeo: Ministro oficializa migração de 23 rádios da frequência AM para FM
23/08/2017 - 17h00
Vídeo: Ministro assina documento que autoriza migração de rádios AM para FM em MS
23/08/2017 - 06h30
Frio vai embora e termômetros chegam a marcar 33ºC em MS
22/08/2017 - 18h30
No último adeus, Pedrossian passeia pelo caminho de suas obras
22/08/2017 - 13h09
PM de Aquidauana apreende mais de onze quilos de maconha em residência
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.