especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Habitação - 27/01/2011 - 08h09

PAC 2: Marun fala sobre investimento de R$ 470 milhões em MS




Por Redação Pantanal News/Andressa Lopes - Assecom SEHAC

O secretário de Estado de Habitação e das Cidades, Carlos Marun falou sobre o repasse de R$ 470 milhões, vindos por meio do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC 2, a Mato Grosso do Sul. Dezenove municípios receberão investimentos para execução de obras de drenagem, pavimentação, saneamento e habitação.

Durante entrevista concedida ao Jornal Bom Dia MS (TV Morena) Marun falou sobre os municípios que foram beneficiados, bem como do prazo para elaboração dos projetos e finalmente a liberação dos recursos. “O PAC 2 deverá ser implantando nos anos de 2011 e 2012. Temos prazos para encaminhamos toda a documentação exigida pelo Ministério das Cidades, para que posteriormente os recursos serem repassados, ao governo do Estado e as prefeituras”.

Serão beneficiados os municípios de Anastácio, Aquidauana, Batayporã, Campo Grande, Cassilândia, Coronel Sapucaia, Corumbá, Coxim, Dourados, Iguatemi, Ivinhema, Miranda, Pedro Gomes, Ponta Porã, Porto Murtinho, São Gabriel do Oeste, Sete Quedas, Sidrolândia e Três Lagoas.

Dentre as ações previstas estão obras: drenagem, pavimentação, saneamento básico e habitação. Em Campo Grande, por exemplo, será realizada obra de urbanização nos córregos Balsamo, Segredo e Taquaral. Já em Corumbá, além da urbanização nos bairros: Cristo Redentor, Guatós, Popular Nova e Jardim dos Estados haverá a elaboração do plano municipal de redução de riscos e de projetos para estabilização de encostas.

Marun esclareceu que os municípios foram selecionados por projetos apresentados pelo governo do Estado e também pelos diretamente encaminhados por meio das prefeituras ao Ministério das Cidades.

De acordo com o secretário o próximo passo é a apresentação dos projetos detalhados, ou seja, apresentação dos investimentos, da recuperação de áreas degradadas, do atendimento às famílias que morem em área de risco e/ou favelas, etc. “Os municípios tem até abril para a entrega dessa documentação, já o Estado tem até maio. No entanto, vamos dar celeridade ao processo para apresentarmos o quanto antes. O nosso intuito é que até julho possamos assinar os convênios e efetivamente começar as obras”.

Por meio do PAC 2, só em habitação serão investidos aproximadamente R$ 89 milhões.

Serão construídas unidades habitacionais em: Anastácio (759), Aquidauana (380), Coronel Sapucaia (104), Iguatemi (106), Ivinhema (189) e Sete Quedas (284) –  totalizando a construção de 1.663 moradias que representam o investimento de pouco mais de R$ 75 milhões aplicados também em pavimentação asfáltica e implantação de saneamento básico, via governo do Estado. 

Já por meio das prefeituras, foram viabilizados cerca de R$ 13 milhões. Que serão investidos nos municípios de Sidrolândia, Coxim e Pedro Gomes, para a construção de outras 179 casas.

Outro esclarecimento prestado por Marun foi à diferenciação entre duas situações no setor habitacional. “Trabalhamos com duas realidades: famílias que moram em situação de vulnerabilidade e àquelas que moram em áreas de risco. A primeira corresponde às famílias que moram indignamente, enfrentam enchentes, mora em barracos, em alguns casos sem sistema de esgoto, rede de água e luz. A segunda situação diz respeito justamente às famílias que correm risco de vida, em virtude de residirem ou em encostas ou beiradas de rios. 

Segundo informações do secretário de Habitação o governo André Puccinelli trabalha com duas metas: em quatro anos resolver a situação das famílias que moram em situação de vulnerabilidade e em dois anos, realocar as famílias que residam em área de risco.

Sobre o levantamento das áreas de risco e vulnerabilidade, Marun disse que está sendo realizado em parceria com a Defesa Civil. Também foi encaminhado oficio as prefeituras solicitando que as mesmas repassem em detalhes as condições de habitabilidade, bem como o número de famílias que residam nessas áreas. A previsão é que até julho seja encerrado o levantamento. 

O site do Ministério das Cidades (www.cidades.gov.br) divulgou as fontes dos R$ 470 milhões a serem investidos no Estado. Os recursos são oriundos do Orçamento Geral da União, do Programa Minha Casa Minha Vida e ainda por financiamento. 

O secretário de Habitação credita a vinda desses recursos ao trabalho que Mato Grosso do Sul vem desempenhando ao longo dos anos. “Nosso Estado ficou em primeiro lugar na execução das obras do PAC 1 - isso se deve a celeridade na apresentação e execução dos projetos. Tanto que somos sempre atendidos em nossas solicitações”.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
17/05/2017 - 07h35
Reinaldo Azambuja entrega 300 casas em Fátima do Sul nesta quarta
19/01/2017 - 12h31
Parceria para construção de casas deve sair até o fim do mês, diz Reinaldo
10/11/2016 - 05h55
MS é o primeiro estado a receber nova etapa do Minha Casa Minha Vida
17/10/2016 - 12h55
Com investimentos de R$ 35 mi, governador entrega 568 casas
27/09/2016 - 07h55
Reinaldo visita Dourados com o ministro das Cidades para entrega de casas
 
Últimas notícias do site
11/12/2017 - 14h35
Homens ameaçam policias com faca e são presos
11/12/2017 - 07h05
PMA de Aquidauana realiza Educação Ambiental para alunos e professores indígenas
11/12/2017 - 06h40
Semana começa sem chuva em boa parte de MS e máxima chega aos 38ºC
08/12/2017 - 15h54
Final de semana será de chuva e temperaturas altas em todo MS
07/12/2017 - 10h30
Comando do 6° Distrito Naval comemora o Dia do Marinheiro
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.