zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Habitação - 10/12/2010 - 16h45

Em entrevista, Marun fala sobre o desenvolvimento do Setor Habitacional em MS




Por Redação Pantanal News/Andressa Ribeiro Lopes

Edemir Rodrigues
recurso

      (Campo Grande (MS) -  Durante entrevista concedida, hoje (10), ao Programa Primeira Notícia (FM 104,7) o secretário de Estado de Habitação das Cidades, Carlos Marun falou sobre o desenvolvimento do setor habitacional em Mato Grosso do Sul.

       Marun pode relatar que o Estado alcançou posição de destaque nacional em aplicabilidade de recursos oriundos do Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social – FNHIS na execução de unidades habitacionais que atendam famílias de menor rendar, ou seja, que possuam rendimento de zero a três salários mínimos.

        A informação de que Mato Grosso do Sul ocupa lugar o primeiro lugar em aplicação de recursos para a construção de moradias populares usando recursos do FNHIS foi dada durante a 17ª reunião do Conselho Gestor do FNHIS realizada No Ministério das Cidades, essa semana, em Brasília.

        Só em 2010, Mato Grosso do Sul já aplicou 58% dos recursos liberados pelo Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social, ficando com o título de o Estado com maior eficiência na aplicabilidade efetiva das verbas destinadas a construção de unidades habitacionais que atendam famílias com menor renda.

        Desde a criação até 2010, foram garantidas 3.400 moradias. Isso graças aos recursos do FNHIS somados a contrapartida financeira do governo do Estado e dos municípios, totalizando um investimento superior a R$ 53 milhões na construção de unidades habitacionais destinadas as famílias de menor renda.

        Marun também fez um balanço do que foi feito até agora e também traçou novas perspectivas sobre o rumo do setor habitacional no Estado.

       “Em 2006 enquanto percorria o interior do Estado, estive em Rio Verde e visitei uma empresa que fabricava tijolo que estava fechando as portas por falta de clientes. Hoje quatro anos depois, ao assinar uma ordem de serviço para construção de casas, preciso ligar para as olarias da região para ver se terão condições de atender a demanda, devido ao crescimento no setor da construção civil”, revela o secretário. São 44 mil casas (entre contratadas, em execução e entregues), garantidas por meio das mais diversas parcerias (União, Estado, Municípios, Associações Civis, Movimentos Sociais e Rurais, etc).

        De acordo com Marun, não foram todas entregues justamente pela falta de mão de obra qualificada e por falta de alguns materiais de construção. “Não era esperado esse investimento em habitação. Ninguém estava preparado para atender a demanda. Estamos entregando casas quase que diariamente em MS para que as famílias possam passar o Natal já de casa nova. Esperamos entregar todas as 44 mil casas até meados de 2011”.

        A atual administração promoveu o atendimento à diversidade, ou seja, das 44 mil moradias, 28.177 foram destinadas às famílias que habitam na zona urbana, 14.279 na zona rural, 1.480 em aldeias indígenas e 300 nas comunidades quilombolas. Juntas representam um investimento aproximado de R$ 700 milhões frutos das mais diversas parcerias.

        Para o próximo mandato foram prometidas mais 50 mil unidades habitacionais. “Prova que o investimento em habitação promove o bem-estar das famílias, que deixam de morar em áreas de riscos e/ou favelas e passam a viver em moradias dignas. Sem contar no fato de que quando as obras estão em execução são criados vários postos de trabalho diretos e indiretos. O intuito do governador é fazer com Mato Grosso d Sul a mesma coisa que fez em Campo Grande, ou seja, transformá-lo no primeiro Estado sem famílias morando em áreas de risco do país”, finalizou.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
17/05/2017 - 07h35
Reinaldo Azambuja entrega 300 casas em Fátima do Sul nesta quarta
19/01/2017 - 12h31
Parceria para construção de casas deve sair até o fim do mês, diz Reinaldo
10/11/2016 - 05h55
MS é o primeiro estado a receber nova etapa do Minha Casa Minha Vida
17/10/2016 - 12h55
Com investimentos de R$ 35 mi, governador entrega 568 casas
27/09/2016 - 07h55
Reinaldo visita Dourados com o ministro das Cidades para entrega de casas
 
Últimas notícias do site
17/10/2017 - 16h42
PMA autua fazendeira por degradação em margem de rio
17/10/2017 - 16h02
Aprovado projeto que incentiva entidades filantrópicas
17/10/2017 - 15h58
Membro atuante da CPI, Dr. Paulo Siufi apoia reivindicação de trabalhadores da JBS
17/10/2017 - 14h39
Bombeiros fazem sobrevoo para avaliar combate a fogo que já destruiu 20 mil ha
17/10/2017 - 14h00
Fazendeiro é autuado em R$ 18 mil por desmatamento e exploração ilegal de madeira
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.