zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Meio ambiente - 02/12/2010 - 14h29

Vagão Ambiental permanece em Três Lagoas até sexta-feira












Por Redação Pantanal News/Sato Comunicação

Aprender sobre a  importância  de  preservar  o  meio ambiente de maneira divertida, dentro de um vagão de trem. Essa é a proposta, desenvolvida pelo Instituto ALL de  Cultura e Educação da América Latina Logística (ALL), e levada  nesta  semana,  para  crianças  do  3º  e 6º ano, alunos de escolas públicas de Três Lagoas. O vagão está na cidade desde o dia 30 de novembro, e ficará até a próxima sexta-feira (3).

Na ocasião,  o  palestrante Paulo Elero se apresenta para as crianças como “Dr. Natureza”, e discorre pequenas palestras sobre educação ambiental, com foco  para  a  preservação  dos recursos naturais, reciclagem, cuidados  com  o  descarte do lixo e plantio de mudas. Além disso, cuidados que  se  devem  tomar  próximos  à  linha  férrea também são comentados com bastante ênfase.

Com  20 anos de experiência no trabalho com crianças, Elero, atua como guia de  turismo pedagógico,  e  desde março de 2010 integra o projeto do Vagão Ambiental  da  ALL:  “No vagão, exibimos um vídeo para as crianças, com uma reportagem  que  conta  a história de uma menina de cinco anos que aprendeu como  fazer reciclagem na escola e compartilhar esses conhecimentos com sua família. O trabalho com a criança tem esse objetivo, fazer com que ela leve a  prática  desses  conhecimentos para dentro de casa. Essa é uma ideia que funciona  de  verdade, porque ela cobra um comportamento correto dos pais e dos adultos dos quais está próxima”.

No  primeiro  dia, 30 de novembro, crianças da escolas Municipais Eufrosina Pinto  e Flausina de Assunção Marinho participaram das atividades no vagão, na  estação  ferroviária  de  Três Lagoas. “Nós estimulamos a percepção da criança por meio  dos  cinco  sentidos”, diz o palestrante, ao mostrar as atividades  disponíveis  dentro  do  espaço do vagão, decorado com temas da natureza.  Ele conta que há brinquedos para estimular o tato, o olfato, a visão e mesmo a audição, no momento da palestra. E o paladar, no momento do lanche oferecido à turma participante.

“Foi  legal.  É  a  primeira  vez  que  entro num vagão assim”, relata João Anderson  Santos Silva, 10 anos. “É bom aprender sobre a natureza, o trem, lixo  orgânico e o que fazer para não poluir o meio ambiente”, confirmam os colegas  de  turma,  Leonardo  Ferreira da Silva, 10, e Anderson Luís Costa Filho, 9 anos.

A  professora  Itazir  de  Oliveira  Carmo  salienta  que, já participou do projeto  outras  vezes. “A  intenção  é  muito boa, de trazer propostas de educação  para  fora  da sala de aula. Como os alunos se acostumam conosco, eles  retêm  muito  pouco  do  que  dizemos  todos  os  dias. Com estímulos diferentes,  eles retêm mais informações a respeito do conteúdo passado. As noções  de educação no trânsito, principalmente, são muito necessárias para Três  Lagoas, neste  momento de transição que vivemos”. Ela ainda enfatiza que  a  cidade está evoluindo, mas a população ainda está indisciplinada em relação  às  novas  situações  e  regras  para conviver bem, e complementa dizendo  que  “a educação também precisa se adaptar às novas tendências”, e que  “esses  encontros  são  construtivos,  porque ao mesmo tempo aproximam alunos e professores”.

As  noções  de  segurança  no trânsito, ressaltadas pela professora, ganham relevância em municípios como Três Lagoas – onde a linha ainda cruza a área urbana, e o trem de carga funciona a todo vapor. “Quando dizemos que o trem não é o culpado pela maioria dos acidentes que acontecem envolvendo vagões, é  verdade, porque ele não desvia do caminho dos trilhos. A atenção tem que ser  redobrada  por  parte  dos  condutores  que  cruzam  a linha férrea. É necessário  o  respeito  às  leis  de  segurança  no  trânsito, para que os transportes convivam  em  paz”,  argumenta Paulo Elero.

As  escolas  Eufrosina  Pinto,  Flausina de Assunção Marinho, Maria Eulália Vieira,  Joaquim Marques  de  Souza, Marlene Noronha Gonçalves e Professor Ramez  Tebet  já foram contempladas pelo projeto nessa semana, acompanhadas por  Alvani  Maria  Camargo,  da Secretaria  Municipal de Educação de Três Lagoas,  que  organiza  a  programação  das  visitas. E alunos das escolas General  Nelson  Custódio  e  Filinto  Muller participarão do projeto nesta sexta-feira,  3 de dezembro, das 7h30 às 10 horas; e das 13h30 às 16 horas, respectivamente.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews



Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
19/10/2017 - 14h22
Tamanduá-mirim é capturado dentro de residência
19/10/2017 - 13h30
Projeto Florestinha planta mudas nativas para recuperação de área
19/10/2017 - 08h00
PMA captura lagarto em quintal de residência
18/10/2017 - 08h13
Calor e vento propagam incêndio que já destruiu 30 mil hectares de parque
16/10/2017 - 18h59
Incêndio consome parque estadual há 4 dias em MS
 
Últimas notícias do site
19/10/2017 - 15h13
Em 2016, caiu o percentual de pessoas que trabalhavam em empreendimentos de grande porte
19/10/2017 - 14h22
Tamanduá-mirim é capturado dentro de residência
19/10/2017 - 13h30
Projeto Florestinha planta mudas nativas para recuperação de área
19/10/2017 - 11h21
PM e população de Aquidauana se aproximam por uma cidade tranquila
19/10/2017 - 10h58
PMA captura anta que transitava por ruas em bairro
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.