zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Forças Armadas - 14/10/2008 - 11h50

Companhia de Engenharia de Força de Paz treina em Aquidauana




Fotos: Reinaldo Bezerra/Pantanal News

Tenentes-coronéis Elesbão e Abílio, capitão Anderson, sargento Caetano e tenente Avancini

Tenente Avancini

Em 2006, militares do 3.º Contingente posam em rua asfaltada pela Companhia Haiti, durante a Copa do Mundo

Armando Anache/Pantanal News - 10 Maio 2006

Militares da Companhia de Engenharia Haiti treinam patrulhamento urbano e rural, em Aquidauana

Armando Anache/Pantanal News - 10 Maio 2006

Em 2006, militares do 3.º Contingente de Força de Paz treinam patrulhamento, em Aquidauana
Por Armando de Amorim Anache

O comandante do 8.º Contingente da Companhia de Engenharia de Força de Paz Haiti, tenente-coronel Elesbão, disse hoje, em entrevista ao vivo, durante o Programa Armando Anache, na rádio Independente, que os 250 militares – 100 a mais que o efetivo do 7.º Contingente, vindos de todo o Brasil – terão quatro semanas de treinamento, em Aquidauana, 135 quilômetros a oeste de Campo Grande.

Iniciados ontem (13), eles prosseguirão até o dia 7 de novembro, nas áreas das cidades de Aquidauana e Anastácio, com movimentação de veículos e pessoal.

Serão realizadas simulações de Postos de Bloqueio de Controle de Tráfego, controle de distúrbios e patrulhas a pé e motorizadas, com o objetivo de reproduzir situações reais que poderão ser encontradas em Porto Príncipe, capital do Haiti, para onde seguirá, em meados de novembro, a Companhia de Engenharia, hoje hospedada no 9.º Batalhão de Engenharia de Combate.

No Hatiti, farão tarefas de asfaltamento de ruas, tratamento de água, terraplenagem, construções verticais e abertura de estradas, entre outros ligados à Arma de Engenharia.

“Estive no Haiti, durante uma semana, em agosto deste ano; lá observei que a situação está bem mais tranqüila do que em anos anteriores”, disse o tenente-coronel Elesbão.

Ele explica que os militares farão, em Aquidauana, o “Estágio Básico de Operações de Paz”, quando terão todo o adestramento dos Grupos e Pelotões de Engenharia para qualificação específica nas suas atividades fins, de contingente que atuará junto com a ONU (Organização das Nações Unidas).

A última etapa será a do “Estágio Avançado de Operações de Paz”, sob o comando do Departamento de Engenharia de Construção. Será montado, no Parque de Exposições Agropecuárias de Aquidauana, um Centro de Instrução de Operações de Paz. Nele, os militares terão toda a simulação das suas atividades diárias no Haiti.

“Todos os militares da Companhia Haiti terão, em Porto Príncipe, três cartões por mês, para ligações internacionais, por telefone, à sua disposição; assim, poderão manter contato com as suas famílias; teremos, ainda, computadores ligados 24 por dia à internet, para comunicação com o Brasil”, disse o capitão Anderson, responsável pela 5.ª Seção, de Relações Públicas. Com ele, atuará no Haiti o tenente Avancini, que trabalhou em 2006 com os militares do 3.º Contingente de Força de Paz, comandado pelo coronel Tito Tavares.

O comandante do Batalhão Carlos Camisão, tenente-coronel Abílio Sizino de Lima Filho, disse que cumpre a missão de receber os colegas militares, vindos de todo Brasil, com o objetivo de treinar, antes de embarcar para o Haiti.

“A vida do Batalhão de Engenharia muda um pouco, com a chegada dos nossos colegas; mas estamos preparados para essa missão, quando o nosso efetivo aumenta em mais 250 homens”, afirmou o tenente-coronel Abílio.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
ezequias lins, em 07/01/2010 - 12h18

eu fazer trabalha hatiti?

 
Últimas notícias do canal
19/04/2017 - 13h23
Marinha está com 239 vagas para nível superior
12/04/2017 - 10h43
MS: Exército apreende caminhão com meia tonelada de maconha e armas
11/04/2017 - 08h00
Comando da Flotilha de Mato Grosso realiza exercício de Pick-up com carga viva
10/04/2017 - 15h44
Exército põe 900 homens na Operação Ágata, mas não revela resultados
05/04/2017 - 15h50
Marinha do Brasil abre 64 vagas para Engenheiros
 
Últimas notícias do site
20/04/2017 - 16h22
Deputado Dr. Paulo Siufi recebe Medalha Tiradentes da PM de MS
20/04/2017 - 16h15
Dr. Paulo Siufi cobra cumprimento de lei que monitora eletronicamente os exames de direção veicular
20/04/2017 - 16h02
Ação humana coloca em xeque a conservação de aves do Pantanal
20/04/2017 - 15h48
Conab enviará mais 59,45 mil t de milho para municípios do Norte e Nordeste
20/04/2017 - 15h12
Adolescentes em risco de suicídio e o jogo da Baleia Azul
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.