especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Eleições 2008 - 10/10/2008 - 16h40

Delcídio do Amaral diz que orçamento de 2009 será realista




Divulgação

Por Cadu Bortolot, da assessoria do senador Delcídio do Amaral

O senador Delcídio do Amaral (PT-MS) afirmou nesta sexta-feira, 10 de outubro, que o Orçamento da União de 2009, do qual é relator-geral, vai refletir a realidade econômica vivida hoje no Brasil e no mundo.
“Estamos cumprindo rigorosamente as metas estabelecidas e o cronograma previamente aprovado pela Comissão Mista de Orçamento. Na quarta-feira, aprovamos, por unanimidade, o relatório preliminar de receitas, preparado pelo deputado Jorge Khoury. É um relatório conservador no que se refere à arrecadação, definindo R$ 818 bilhões como ponto de partida na construção do Orçamento, que vai orientar a construção dos relatórios setoriais de infra-estrutura, meio ambiente, saúde, educação e assim por diante. Ele prevê condições que sinalizam para eventuais dificuldades que a economia brasileira possa enfrentar em função dos desdobramentos da crise internacional”, disse.
Delcídio lembrou que tanto o relatório da receita quanto o relatório preliminar do orçamento Geral da União foram pautados em parâmetros vigentes antes que essa crise eclodisse.
“Esse relatório vai estabelecer determinadas premissas, entre elas cortes que vão criar as condições para que o Congresso possa preparar uma peça orçamentária realista, que corresponda àquilo que o Brasil vai vivenciar”, garantiu.
Delcídio elogiou o trabalho do ministro da Fazenda, Guido Mantega, e do presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, que , segundo ele, é “ profundo conhecedor do mercado e tem sido uma sentinela permanente, acompanhando os movimentos e a crise de desconfiança no sistema financeiro internacional, que hoje assola o mundo”.
O senador acredita que os marcos regulatórios do sistema financeiro internacional terão que passar por uma revisão.
“O rei está nu. Essa crise levou a uma intervenção grande dos governos, dos bancos centrais, inclusive uma atuação coordenada como a que os bancos centrais europeus fizeram ontem. É quase uma revisão de um modelo que já demonstrou que não responde a uma economia cada vez mais complexa. São as primeiras lições. Virão outras.
Precisamos ficar atentos a todas as conseqüências”, alertou. Delcídio destacou as dificuldades enfrentadas pelos pequenos bancos que não conseguem vender suas carteiras de crédito aos bancos maiores, o que exige uma atuação consistente e competente das autoridades econômicas do País. Ele ressaltou a liberação pelo governo brasileiro do compulsório dos bancos, para oxigenar e dar mais liquidez ao mercado, e citou medidas provisórias em tramitação no Congresso, construídas por Henrique Meirelles e pelo ministro Guido Mantega, para trazer a tranqüilidade ao sistema financeiro nacional.
O senador ponderou que o sobe e desce das bolsas de valores não reflete a saúde das empresas brasileiras que, apesar de serem sadias e fortes, estão sendo levadas pela especulação e insegurança, ao registrarem perdas no dia-a-dia de operação, especialmente na Bolsa de Valores de São Paulo.
“Espero que o Brasil, pelas medidas já tomadas, sofra menos do que outros países que vão ter muita dor de cabeça nos próximos anos, em função dessa barbeiragem que, infelizmente, ocorreu no sistema financeiro internacional”, concluiu Delcídio.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
05/03/2009 - 09h30
Presidente do TRE acompanha sorteio do horário eleitoral em corguinho (MS)
02/03/2009 - 07h22
Mulher de prefeito cassado é eleita em Patu, no Rio Grande do Norte
02/03/2009 - 07h15
Municípios maranhenses começam apuração para saber quem será novos prefeitos e vice
27/02/2009 - 07h50
Tropas federais vão garantir eleições em duas cidades maranhenses
24/02/2009 - 07h28
Eleição de Dalton é compromisso do PMDB, declara Moka
 
Últimas notícias do site
13/12/2017 - 08h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 33 milhões nesta quarta-feira
13/12/2017 - 07h58
Azambuja se reúne com empresa e dá posse ao novo secretário de Saúde
13/12/2017 - 06h54
'Dog itinerante': Este cachorrinho já visitou mais cidades que muita gente
13/12/2017 - 06h38
Dia amanhece com sol entre nuvens, mas previsão é de temperatura alta
12/12/2017 - 14h30
Produção de grãos em MS cresce 40%, alta acima da média nacional
 

88

ZAP NOVO
Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.