REFORMA GOV MS
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Forças Armadas - 28/01/2010 - 08h37

Exército esconde resultado de inquérito sobre 2 mortes




Por Redação Pantanal News/Campo Grande News

O Exército Brasileiro decidiu não divulgar o resultado do IPM (Inquérito Polícia Militar) sobre as duas mortes de militares durante treinamento em novembro do ano passado no Pantanal.

Nem familiares tiveram acesso ao resultado da investigação, realizada nos últimos dois meses.

O IPM investigou as causas das mortes do cabo Diego Augusto de Lima Leite e do soldado Antônio José dos Santos Neto, ambos de 21 anos, ocorrida durante um treinamento no Pantanal, na região do Rabicho, na base do 6º Distrito Naval de Ladário. O processo policial foi concluído no dia 25 deste mês. O Exército alegou “sigilo” para não divulgar o resultado da apuração.

Em entrevista ao Diarionline, o advogado contratado pela família do cabo Lima, Luiz Fernando Toledo Jorge, informou que nem eles tiveram acesso aos resultados da investigação. Ele pretende vir à Campo Grande para requisitar à Justiça Militar acesso ao inquérito.

Apesar de esconder o resultado da investigação, o Exército tentou se justificar. “O Exército Brasileiro não pactua com nenhum tipo de irregularidade e apura rigorosamente todas as denúncias recebidas, agindo com impessoalidade, tendo o cuidado de não ferir os direitos individuais previstos na Constituição Federal”, alegou, mas sem revelar os culpados pelas fatalidades.

“Não deixaram que tivéssemos acesso aos autos, informaram a conclusão somente para as famílias e a portas fechadas”, disse o advogado Jorge, que é presidente da subseção da OAB/MS em Corumbá, ao Diarionline. Somente após tomar conhecimento da conclusão do IPM é que terá argumentos para definir quais medidas judiciais deverá tomar.

Outros dois militares, os soldados Victor Hugo Serrudo de Cabrera e Izan Eduardo da Silva Filho também se sentiram mal no mesmo treinamento e chegaram a ser internados, mas, se recuperaram.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
25/05/2017 - 11h43
Forças Armadas começam a deixar Esplanada dos Ministérios
15/05/2017 - 13h40
Marinha abre inscrições para oficiais e prova poderá ser feita em MS
26/04/2017 - 16h02
Marinheiros realizam curso de manejo rural
19/04/2017 - 13h23
Marinha está com 239 vagas para nível superior
12/04/2017 - 10h43
MS: Exército apreende caminhão com meia tonelada de maconha e armas
 
Últimas notícias do site
25/05/2017 - 16h23
OAB protocola na Câmara pedido de impeachment do presidente Temer
25/05/2017 - 11h43
Forças Armadas começam a deixar Esplanada dos Ministérios
25/05/2017 - 11h16
Polícia Militar prende trio em posse de armas em Aquidauana
25/05/2017 - 10h28
Estudante do IFMS de Aquidauana é premiado em feira internacional
25/05/2017 - 10h08
Adoção de crianças devolvidas exige reconstrução de laços
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.