zap
GOV EMPREGO 22-06
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
O Estado do Pantanal - 29/09/2008 - 09h15

Cerrado terá fundo para práticas sustentáveis




Por Jorge Fernando Carrilho de Almoas, do Notícias MS

          Para promover práticas sustentáveis no Cerrado, tal como já ocorre na Amazônia, o Ministério do Meio Ambiente (MMA) anunciou a criação do Fundo Cerrado, como ferramenta de monitoramento constante, para obtenção de dados para fiscalização e pesquisa.
 
          A base de dados a ser utilizada pelo Fundo Cerrado será o Sistema Integrado de Alerta de Desmatamentos no Cerrado (Siad), desenvolvido pelo Laboratório de Processamento de Imagens e Geoprocessamento da Universidade Federal de Goiás (Lapig/UFG), com o apoio da CI e TNC-Brasil.

          O Siad já detectou possíveis desmatamentos em cerca de 18.900 km² de vegetação nativa do Cerrado no período de 2003 a 2007, o que equivale a quase dois milhões de campos de futebol ou a 16 cidades do tamanho do Rio de Janeiro.

          Os dados obtidos permitem aos pesquisadores projetar tendências futuras de desmatamento com base no padrão apresentado nos últimos quatro anos e, conseqüentemente, elaborar estratégias de conservação adequadas e preventivas. Entretanto, características do sistema não permitem verificar a ocorrência de desmatamentos inferiores a 25 hectares.

          Todos os dados de alertas de desmatamentos gerados pelo Siad estão disponíveis através da ferramenta i3Geo, desenvolvida pelo MMA, um banco de dados online sobre o bioma Cerrado por meio do qual é possível o acesso e manipulação de diferentes tipos de dados cartográficos e censitários, bem como a geração de mapas. O endereço para acesso é
www.ufg.br/lapig.  

          Das 416 espécies da flora brasileira ameaçadas de extinção, 131 são do Cerrado. O Ministério pretende destinar R$ 4,6 milhões para a gestão do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, além da definição de preços mínimos do pequi e babaçu, produtos extrativistas desenvolvidos no Cerrado.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
20/06/2017 - 08h03
Queimadas no Pantanal são naturais mas consumiram 63 km² em 2016
05/06/2017 - 08h00
Onça-pintada é tema de exposição interativa no Pantanal
29/05/2017 - 13h12
Cheia no Pantanal deverá atingir cerca de quatro metros e meio na metade do ano
17/05/2017 - 09h41
Cientistas desenvolvem alimentos processados de pescado pantaneiro
16/05/2017 - 14h17
Sete famílias deixam suas casas com início da cheia no Pantanal de MS
 
Últimas notícias do site
22/06/2017 - 15h54
PIS/Pasep está disponível para saque até a próxima semana
22/06/2017 - 15h50
Cães para adoção serão vacinados gratuitamente nesta sexta
22/06/2017 - 15h35
Vazio sanitário, que segue até setembro, beneficia lavouras de soja de MS
22/06/2017 - 14h12
Teste da orelhinha: diagnóstico permite que bebês com deficiência auditiva desenvolvam a comunicação precocemente
22/06/2017 - 14h01
Professores de MS aderem à greve nacional no próximo dia 30
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.