zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Meio ambiente - 22/09/2008 - 12h08

Apesar dos cuidados no Cras, alguns papagaios apreendidos morreram




Edemir Rodrigues

Por Fabio Pellegrini, do Notícias MS

          Dos 392 filhotes de papagaios apreendidos pela PMA na sexta-feira passada, 53 morreram. Os animais foram encaminhados ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (Cras), porém alguns estavam bastante debilitados e não resistiram.  

 Apesar do esforço da equipe de funcionários do Cras, que foi convocada em caráter de plantão para ajudar na alimentação e no tratamento dos animais, alguns animais não puderam ser salvos.

 

 A médica veterinária Mariana Mirault, funcionária do Cras, explica que não se trata de omissão ou descaso por parte dos funcionários: “Os animais são muito novos, sem plumagem, alguns recém-nascidos. Vários fatores podem ter causado a morte deles: o estresse da viagem de Ivinhema até Campo Grande, que causa desidratação; a alimentação inadequada fornecida pelos traficantes, ou mesmo a não-alimentação; além de possíveis infecções”.

 

 O cordenador do Cras, Vinicius Andrade Lopes, relata que muitas pessoas estão entrando em contato para oferecer ajuda na alimentação dos papagaios. “Queremos agradecer às pessoas que nos telefonaram oferecendo ajuda no tratamento à alimentação dos animais, mas nossa equipe está muito bem capacitada para a execução desses serviços”.

 

 Os papagaios estão sob os devidos cuidados. “Eles serão alimentados com papa até as penas crescerem. Depois vão aprender a se alimentar com frutas e serão alocados no recinto de treinamento de vôo, onde aprenderão naturalmente a voar. Em seguida, as aves passam por exames de rotina para serem reintroduzidas na natureza, provavelmente daqui a um ano”, explica Vinicius.

 

 “Aqui os animais recebem os devidos cuidados, pois nosso objetivo é reabilitá-los para posterior reintrodução na natureza. Porém o ideal é que esses animais nem venham para o Cras, o lugar deles é o ambiente natural”.

 

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
16/11/2017 - 13h00
PMA, entidades, prefeituras e comunidade realizam limpeza do rio Amambai
13/11/2017 - 11h23
PMA autua fazendeiro por armazenamento ilegal de embalagens de agrotóxicos
10/11/2017 - 15h20
PMA recolhe filhote de cervo-do-pantanal em fazenda
08/11/2017 - 12h42
Fruta típica do Cerrado, guavira agora é símbolo de Mato Grosso do Sul
07/11/2017 - 16h36
PMA e Bombeiros resgatam arara presa em linha de pipa
 
Últimas notícias do site
20/11/2017 - 15h50
Conab divulga preços de frutas e hortaliças no mês de outubro nos Ceasas
20/11/2017 - 12h50
Laudo descarta que macaco achado morto na Capital teve febre amarela
20/11/2017 - 11h53
Ocupantes de submarino argentino estão vivos, acredita Marinha
20/11/2017 - 10h35
Militares de Campo Grande ajudam em buscas a submarino na Argentina
20/11/2017 - 09h13
Sem-terras são autuados em R$ 11 mil por exploração ilegal de madeira
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.