TRANSPARENCIA GOV DEZ
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Sindicatos - 01/09/2009 - 09h21

Seguranças armados da CUT barram comerciários de Batagussu de participar de assembléia









Por Redação Pantanal News/Wilson Aquino

Trabalhadores no comércio e serviços de Bataguassu – 340 km da Capital – foram impedidos pela CUT (Central Única dos Trabalhadores) de participar de uma assembléia geral extraordinária pró-fundação de um sindicato da categoria, no sábado à noite. Armados de cassetetes e até de armas de fogo (segundo várias testemunhas), dezenas de seguranças impediram a entrada dos trabalhadores e de sindicalistas cuja extensão de base abrange também o comércio e serviços de Bataguassu. A denúncia é de Idelmar da Mota Lima, presidente da Federação dos Trabalhadores no Comércio e Serviços de Mato Grosso do Sul – Fetracom.

 

Idelmar estava acompanhado de alguns sindicalistas, entre eles, Nilson de Souza, presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Comércio de Nova Andradina (a 60 km de Bataguassu), cuja extensão de base atinge também os municípios de Bataguassu, Anaurilândia, Batayporã e Taquarussu). Ambos foram impedidos de participar da assembléia comandada por Alexandre Costa, ex-presidente da CUT e atual diretor da entidade.

 

Os organizadores da assembléia, segundo Idelmar, sequer apresentaram uma justificativa do impedimento de sindicalistas e trabalhadores de participarem da reunião. Dezenas de trabalhadores no comércio, em postos de combustíveis, farmácias e outros estabelecimentos comerciais e prestadoras de serviços de Bataguassu ficaram revoltados com a truculência na portaria do sindicato dos empretados em frigoríficos da cidade, onde foi realizada a assembléia “a portas fechadas”, reclamou Idelmar.

 

Além de tentar invadir áreas já representadas sindicalmente, Idelmar disse que os organizadores do evento, acobertados pela CUT, desrespeitaram também a lei que rege as assembléias gerais, que devem ser abertas, em lugar público e sem o impedimento de participação das pessoas como foi feito em Bataguassu. O mesmo grupo tentou antes promover esse mesmo tipo de assembléia no município de Maracaju mas acabou não dando certo devido à confusão armada na entrada da residência (onde seria realizada a assembléia) e foi preciso a Polícia Militar intervir para conter os ânimos.

 

O presidente do Sinpospetro, Gilson Evaldo, que também foi impedido de participar da assembléia, disse que o seu sindicato, de trabalhadores em postos de combustíveis e de derivados de petróleo também já são representados pela entidade e que a tentativa de fundação de outro sindicato, fere a legislação que prevê a unicidade sindical.

 

Nilson de Souza teceu duras críticas à CUT, dizendo que a colocação de seguranças armados na assembléia geral extraordinária fere todos os princípios da democracia e da legalidade nacional. “Não podemos permitir a pistolagem no movimento sindical sulmatogrossense”, comentou o sindicalista.

 

Idelmar da Mota Lima, que é presidente da Força Sindical disse que a CUT está desesperada porque está perdendo terreno no Estado para a Força Sindical que já é a maior central sindical em Mato Grosso do Sul e no País. “São atos de desespero essa tentativa de tomar a força a representação sindical nos municípios organizados”, comentou o sindicalista que vai levar amanhã a denúncia para a executiva nacional da entidade para tomar as devidas providências para impedir que esse “câncer” se espalhe por outras regiões do País.

 

O presidente da Força Sindical disse que tão logo chegou a Bataguassu e ao tomar conhecimento de que trabalhadores e sindicalistas estariam sendo barrados na entrada para a assembléia, procurou conversar e saber o que se passava. Nenhuma autoridade da CUT ou de qualquer outra entidade, deu qualquer satisfação sobre a “seleção” de pessoas que podiam e não podiam entrar na reunião.

 

No final, Idelmar disse que certamente “as cartas já estavam marcadas”, ou seja já estava tudo combinado para não realizar assembléia alguma pois os documentos e chapas certamente já estariam prontas e assinaturas de presentes devem ter sido pegas em outra oportunidade que não à da assembléia geral de fato.

 

A assessoria jurídica do Sindicato dos Empregados no Comércio de Nova Andradina (e de BAtaguassu, por extensão de base) conseguiu  da justiça de Bataguassu, limitar para participar da assembléia. O problema é que a “tal” assembléia, segundo Nilson de Souza, já havia terminado. Nem assim os sindicalistas puderam entrar. Os seguranças da CUT desrespeitaram até mesmo o documento da justiça da cidade.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
06/10/2010 - 09h57
Greve dos bancários fecha 7.437 agências no País
01/10/2010 - 17h00
Com greve dos bancários, consumidor deve buscar alternativas para pagar contas, diz Procon
14/04/2010 - 15h45
Sindicatos industriais vão recorrer à Justiça para suspender pagamento do INSS sobre adicional de férias, auxílio-doença e auxílio-acidente
01/03/2010 - 15h09
Frigorífico de Nioaque pode fechar as portas, diz sindicalista
03/12/2009 - 08h29
Nova diretoria do Sindical assume com a proposta de atrair mais associados
 
Últimas notícias do site
15/12/2017 - 16h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 39 milhões neste sábado
15/12/2017 - 16h02
Veado e tatu são resgatados e devolvidos a natureza
15/12/2017 - 12h35
Comandante e Subcomandante da PMA de Corumbá são homenageados
15/12/2017 - 12h01
PMA autua proprietário rural por armazenamento ilegal de embalagens de agrotóxicos
15/12/2017 - 10h56
Fazendeiro é autuado por armazenamento ilegal de madeira
 

88

ZAP NOVO
Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.