TRANSPARENCIA GOV DEZ
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Meio ambiente - 25/08/2009 - 10h09

Aquisição de pássaros e outros animais silvestres deve ser autorizada pelo Ibama




Rachid Waqued

Por Redação Pantanal News/Notícias.MS

Campo Grande (MS) – Quem pensa em adquirir um papagaio ou qualquer outro animal silvestre ou exótico deve procurar um estabelecimento comercial autorizado pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). 

O instituto é o órgão federal competente a habilitar criadouros comerciais em território nacional. A compra de animais silvestres em feiras e beiras de estrada, sem origem legal, é crime.

 Todos os pássaros em situação regular apresentam uma anilha com identificação em uma das patas. Mesmo após a aquisição, o comprador deve apresentar o animal ao Ibama, pois alguns criadouros irregulares utilizam-se de métodos de fraudes como anilhas de outros animais para burlar a lei e lesionar o comprador.

                  A aquisição de animais silvestres sem nota fiscal, autorização e garantia de procedência é crime ambiental. A pessoa é multada em R$ 500 por animal que estiver de posse, e se o animal constar na lista de espécies em risco de extinção do Ibama, são mais R$ 5.000. O infrator pode pegar de um a quatro anos de prisão ou pena alternativa.

 Mas não é só por causa disso; um animal silvestre pode transmitir doenças (zoonoses) para o ser humano. Então quem quiser ter um animal diferente em casa, procure criadouros autorizados pelo Ibama e o adquira de forma legalizada.

 Comércio ilegal 

O Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), localizado em Campo Grande, não comercializa animais silvestres. “O centro realiza a recepção, triagem e destinação de animais silvestres apreendidos durante operações de fiscalização efetuadas pela Polícia Militar Ambiental e Ibama”, explica Élson Borges, biólogo e fiscal ambiental do Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), localizado em Campo Grande.

 De acordo com a Rede Nacional de Combate ao Tráfico de Animais Silvestres – (Renctas), organização não governamental que combate o tráfico de animais silvestres, o tráfico de animais silvestres é a terceira atividade ilícita em volume no País e a estimativa é que ele movimente até US$ 6 milhões ao ano. Lucrativo para alguns, para a biodiversidade o prejuízo é grande e incalculável: de cada dez aves caçadas, nove morrem na captura, no transporte ou no cativeiro.

 Outro problema comum são animais exóticos entregues por pessoas que os compram em feiras de filhotes ou os adquirem durante viagens e após certo tempo, acabam levando-os ao Cras por incompatibilidade.

 Tartarugas perigosas 

 As tartarugas tigre-d’água, muito comuns em aquários e distribuídas gratuitamente em feiras de filhotes, já contabilizam considerável número de indivíduos no recinto de répteis do Cras. “As pessoas que compram essas tartarugas devem saber que, como todo animal, ao longo do tempo elas vão se alimentando e crescendo. Depois que crescem, as pessoas trazem os animais para cá e não podemos fazer nada, pois é uma espécie oriunda dos Estados Unidos, inclusive transmissora de bactérias e fungos que fazem mal ao ser humano. Nem mesmo o governo dos EUA autoriza mais a comercialização, tampouco a repatriação desses bichos”, alerta o biólogo Élson.

 

Soltar esses animais em córregos, então, nem pensar: “Não é possível mensurar o impacto ambiental causado por esta espécie exótica em nossos ecossistemas”, conta Élson. Quem quiser ter uma tartaruga dessas em casa, deve adquirir a espécie brasileira, que é vendida com autorização do Ibama e comprovação de origem, já que existe somente um criadouro autorizado no Brasil.

 Denúncias

 Então, se você deseja ter um papagaio, curió, trinca-ferro, ou outros pássaros ou animais, procure o Ibama. Porém, o ideal é que os animais vivam livres na natureza, pois o comércio ilegal existe devido ao comércio legal.

          Para denunciar casos de tráfico de animais silvestres, criadouros clandestinos e maus-tratos a animais silvestres, o Ibama disponibiliza a Linha Verde, serviço telefônico gratuito disponibilizado em todo o País, pelo número 0800-618080. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 8 às 18 horas. Outra opção é acessar o site do instituto: www.ibama.gov.br e relatar a denúncia pelo link Fale Conosco.

          Em Mato Grosso do Sul, a Polícia Militar Ambiental disponibiliza um telefone para receber denúncias de crimes ambientais: (67) 3314-4920 e a Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambiental e Atendimento ao Turista (DECAT) também, pelo fone (67) 3318-9000a

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
isa cristina dias dos santos , em 27/08/2009 - 14h34

eu achi esse texo muto bompara o apredizado das criançae dos adutos

 
Últimas notícias do canal
11/12/2017 - 07h05
PMA de Aquidauana realiza Educação Ambiental para alunos e professores indígenas
01/12/2017 - 07h52
Após ser atropelado, tamanduá-bandeira é resgatado de rodovia
24/11/2017 - 07h52
Pecuarista é multado por exploração e uso ilegal de madeira
16/11/2017 - 13h00
PMA, entidades, prefeituras e comunidade realizam limpeza do rio Amambai
13/11/2017 - 11h23
PMA autua fazendeiro por armazenamento ilegal de embalagens de agrotóxicos
 
Últimas notícias do site
14/12/2017 - 06h35
Após trégua, 5ª-feira terá pancadas de chuva em várias cidades de MS
13/12/2017 - 08h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 33 milhões nesta quarta-feira
13/12/2017 - 07h58
Azambuja se reúne com empresa e dá posse ao novo secretário de Saúde
13/12/2017 - 06h54
'Dog itinerante': Este cachorrinho já visitou mais cidades que muita gente
13/12/2017 - 06h38
Dia amanhece com sol entre nuvens, mas previsão é de temperatura alta
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.