zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Meio ambiente - 16/09/2008 - 07h15

Greenpeace comemora 37 anos e elege Amazônia como prioridade




Por Luana Lourenço, Agência Brasil

A restrição à caça de baleias, o estabelecimento de políticas para impedir o descarte de lixo tóxico nos oceanos e que países mais industrializados enviem resíduos para nações mais pobres foram listados pelo diretor-executivo da organização não-governamental Greenpeace, Marcelo Furtado, como resultados de ações da entidade, que completou 37 anos ontem (15). Com representações em mais de 30 países, a ONG é conhecida pelos protestos irreverentes em defesa de causas ambientais.

Na avaliação de Furtado, a participação de organizações da sociedade civil como o Greenpeace são fundamentais para a elaboração de políticas públicas que “tenham a cara do cidadão, e não de um burocrata”.

“Além do papel de mobilizar o público, temos o desafio de participar dos processos e mostrar que é possível fazer política pública de qualidade, seja as que partem de documentos da ONU [Organização das Nações Unidas], do Congresso Nacional ou da prefeitura de uma cidade”, apontou.

A ONG, que tem cerca de três milhões de colaboradores em todo o mundo, elencou o enfrentamento às mudanças climáticas como um dos desafios principais para os próximos anos de mobilização, segundo Furtado.

“A questão ambiental se tornou uma discussão absolutamente global em um momento que o mundo está precisando desse tipo de trabalho. E o aquecimento global coloca um imperativo para o homem decidir: ou mudamos nosso modelo de desenvolvimento ou não vamos ter um planeta Terra para viver”, comparou.

No Brasil, onde a ONG tem representação há 16 anos, as prioridades de atuação são a defesa da preservação da Amazônia e a da manutenção da matriz energética baseada majoritariamente em fontes renováveis, como a hidráulica.

“O diálogo [entre a ONG e os governos] existe, o problema é que a política ambiental brasileira hoje é muito equivocada. O governo Lula está incentivando uma intensificação da produção do agronegócio na Amazônia e a construção de usinas nucleares e térmicas. E essas políticas vão na contramão da sustentabilidade”.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
19/04/2017 - 13h18
Entidades do setor florestal de MS promovem campanha de combate a incêndios
18/04/2017 - 15h15
Fenômeno natural, decoada começa no rio Paraguai causando morte de peixes
10/04/2017 - 09h19
Anastácio: Sucuri de 3 metros é encontrada em terreno onde crianças soltavam pipa
05/04/2017 - 09h08
Corumbá: Exposição mostra impactos do lixo na natureza
05/04/2017 - 08h35
Jacaré é encontrado em varanda de residência durante a madrugada
 
Últimas notícias do site
27/04/2017 - 15h06
Rádio Independente de Aquidauana recebe "Moção de Congratulação" do deputado estadual Paulo Siufi por processo de migração para FM
27/04/2017 - 15h03
Em MS, 27% dos contribuintes ainda não entregaram declaração do IR 2017
27/04/2017 - 07h10
Chuva em municípios de MS passou dos 50 mm e derrubou temperaturas
27/04/2017 - 06h31
Confira as ocorrências dos Bombeiros das últimas horas
27/04/2017 - 06h24
No primeiro frio do ano, quinta-feira amanhece com mínima de 9°C em MS
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.