zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Meio ambiente - 08/06/2009 - 07h25

Pantanal tem 85% da vegetação original conservada




Foto: Carlos Padovani

Área de pastagem nativa no Pantanal sul-matogrossense
Por Redação Pantanal News/Embrapa Pantanal

Levantamento realizado por cinco ONGs (Organizações Não-Governamentais), que contou com a consultoria da Embrapa Pantanal, concluiu que 85% da vegetação nativa do Pantanal está intacta. O estudo foi iniciado no segundo semestre do ano passado e está em fase de finalização.

As ONGs responsáveis pelo levantamento foram a WWF-Brasil, SOS Mata Atlântica, Conservação Internacional, Avina e Ecoa, que contataram a empresa ArcPlan para a execução do mapeamento. Seis pesquisadores da Embrapa Pantanal (Corumbá-MS), Unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, atuaram como consultores técnicos.

A quantificação de 85% de área conservada pode até aumentar na finalização do estudo. Há um percentual de áreas alteradas no Pantanal que ainda não foi devidamente processado pelo levantamento. Essas áreas podem ter sido alteradas por ação antrópica (do homem) ou representarem variações naturais e não significam, necessariamente, desmatamento.

De acordo com o pesquisador Carlos Padovani, o grupo da Embrapa Pantanal forneceu dados, informações e conhecimento técnico sobre a planície pantaneira. São pesquisadores com pelo menos 15 anos de experiência na região. Validamos a metodologia empregada pela ArcPlan, transferimos dados de campo e levantamentos prévios, ajudamos na interpretação de imagens de satélite e na definição de classes de alterações da vegetação, afirmou.

O levantamento comprova que a pecuária extensiva tradicional praticada no Pantanal desde 1737 contribuiu para a conservação ambiental da região, que hoje representa o ecossistema com melhor índice de conservação do país. A grande maioria dos pecuaristas tradicionais do Pantanal utiliza a vegetação nativa para alimentar o rebanho, fazendo o manejo adequado, adaptado ao ciclo de cheia e seca, que garante a sustentabilidade da atividade a longo prazo, diz o pesquisador.

O chefe geral da Embrapa Pantanal, José Aníbal Comastri Filho, disse que o uso sustentável do Pantanal pode servir de exemplo para outros ecossistemas do mundo todo. Sem dúvida, o Pantanal é o ecossistema mais conservado do Brasil, disse ele.

O levantamento também recuperou dados sobre alterações na vegetação na chamada parte alta da Bacia do Alto Paraguai. Nesta área, adjacente ao Pantanal, a situação é preocupante: mais de 50% da vegetação natural já foi alterada.

No planalto se localizam as cabeceiras dos rios responsáveis pelos ciclos de cheia e seca do Pantanal.
Essas alterações na vegetação da parte alta refletem na planície.
Existe uma relação de causa e efeito. No planalto o desmatamento provoca processos erosivos, que causam no Pantanal o assoreamento e a inundação de áreas que antes não alagavam. O maior exemplo é o caso do rio Taquari, afirmou Padovani.

A Embrapa Pantanal vem monitorando todas essas situações. No caso do Taquari, todo o conhecimento técnico foi repassado ao Poder Público para subsidiar políticas de recuperação do rio, que estão em vias de implementação.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
lourenço, em 08/06/2009 - 17h52

sem comentários

 
Últimas notícias do canal
21/08/2017 - 11h33
PMA resgata veado que caiu em lagoa de tratamento de aterro sanitário de Anastácio
10/08/2017 - 11h16
MS registra o maior número de queimadas dos últimos 7 anos
09/08/2017 - 07h53
Em apenas uma semana, agosto já é o 2° mês com mais focos de calor
04/08/2017 - 11h04
Bodoquena, um paraíso de águas, serras e grutas
02/08/2017 - 08h44
Quantidade de focos de calor em julho foi a maior dos últimos 18 anos em MS
 
Últimas notícias do site
21/08/2017 - 17h12
Vídeo: Ministro oficializa migração de 23 rádios da frequência AM para FM
21/08/2017 - 17h06
Vídeo: Ministro oficializa migração de 23 rádios da frequência AM para FM
21/08/2017 - 17h00
Vídeo: Ministro assina documento que autoriza migração de rádios AM para FM em MS
21/08/2017 - 15h10
PMA autua pecuarista por desmatamento Terenos
21/08/2017 - 11h51
IFMS prorroga inscrições em Feiras de Ciência para setembro
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.