zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Finanças - 28/05/2009 - 14h00

Brasil apoia criação de fundos de financiamento para países em desenvolvimento

Ministro Patrus Ananias, do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, pediu empenho da comunidade internacional para o combate à pobreza




Bruno Spada / MDS

O ministro Patrus lembrou que as políticas sociais dinamizam a economia ao fortalecer o mercado interno
Por Assessoria de Imprensa do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome


"O Brasil apoia a ideia dos mecanismos financeiros inovadores como instrumento não apenas para o desenvolvimento, mas também para o reforço da solidariedade internacional. Descobrir novas fórmulas que impulsionam os esforços para a consecução das metas de desenvolvimento do milênio deve ser o norte orientador de todos os países". Estas foram as palavras proferidas pelo ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Patrus Ananias, nesta quinta-feira (28), em Paris (França), durante a abertura do encontro "Mais solidariedade para combater a crise", nome dado a 6ª Reunião do Grupo Piloto sobre Taxação Solidária para Financiar o Desenvolvimento. Participam do encontro ministros e representantes de 55 países tão diversos quanto Nicarágua, Madagascar, Suíca, Índia, Libéria, Equador e Alemanha.

O presidente da reunião, Bernard Kouchner, disse que a crise exige uma regulamentação da economia, com "sabedoria, coragem e racionalidade". Ele lembrou os compromissosassumidos na rodada de Doha e pediu que, num curto prazo, os países membros criem um fundo: "E uma obrigação moral', declarou.

O ministro brasileiro lembrou que as redes de proteção e promoção social têm contribuído para o

enfrentamento da crise porque as políticas sociais dinamizam a economia ao fortalecer o mercado interno. "O presidente Lula tem sido incansável na promoção da mobilização internacional contra a fome e a pobreza", afirmou.

Em entrevista a correspondentes brasileiros sediados na capital francesa, o ministro Patrus falou sobre a importância do evento. "Um encontro como este pode mobilizar recursos porque o mundo está cobrando ações mais enérgicas. Os recursos apareceram para tampar os buracos da crise internacional. É necessário que apareçam também para o combate à fome, à pobreza e à desnutrição", afirmou. "É preciso incluir para crescer, é preciso que haja consumidores, mercado interno", lembrou o ministro Patrus.

O ministro de assuntos estrangeiros da Espanha, Miguel Angel Moratinos, pediu pressa: "Não podemos esperar a crise acabar". O representante do Chile afirmou que os países da América Latina são especialistas em crises, mas lembrou que desta vez ela foiprovocada pelos países ricos e pode afetar duramente os 38 milhões de latino-americanos que deixaram a pobreza extrema nos últimos cinco anos - 37% deles (ou 14 milhões) são brasileiros, como lembrou o ministro Patrus em sua fala.

O encontro começou nesta quinta-feira (28) e é organizado pelo governo francês, que preside o Grupo Piloto atualmente. O assessor internacional do MDS, Valdomiro Sousa, acompanhará as discussões até sexta-feira (29), último dia da reunião.

Durante a Conferência de Paris, em fevereiro de 2006, foi formado um grupo piloto para discutir financiamentos inovadores para ajudar países em desenvolvimento. Ao ano, dois bilhões de dólares contribuem, por exemplo, com a vacinação de mais de 100 milhões de crianças e tratamento pediátrico para 100 mil pacientes de AIDS. Os organizadores do encontro avaliam que, em tempos de crise econômica e financeira, financiamentos inovadores são essenciais para formar uma rede de segurança nos países emdesenvolvimento.

Roberta Caldo

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter: www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
13/12/2013 - 06h35
Consultas ao último lote do IR abrem segunda; 711 mil caem na malha fina
28/08/2009 - 10h37
Força Nacional terá base aérea na fazenda Itamarati
05/06/2009 - 17h40
Trabalhadores têm até o dia 30 para sacar Abono e rendimentos do PIS
01/06/2009 - 11h27
Bovespa inicia semana acima dos 54 mil pontos
01/06/2009 - 09h09
Analistas mantêm estimativa da inflação oficial em 4,33% neste ano
 
Últimas notícias do site
21/11/2017 - 06h32
Dia amanhece com céu aberto, mas previsão alerta para chuva forte em MS
20/11/2017 - 15h50
Conab divulga preços de frutas e hortaliças no mês de outubro nos Ceasas
20/11/2017 - 12h50
Laudo descarta que macaco achado morto na Capital teve febre amarela
20/11/2017 - 11h53
Ocupantes de submarino argentino estão vivos, acredita Marinha
20/11/2017 - 10h35
Militares de Campo Grande ajudam em buscas a submarino na Argentina
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.