zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Artigos - 23/04/2009 - 07h25

Uma Vergonha




Por João Carlos da Silva (*)


Assim foi a melancólica e vergonhosa participação de Operário e Comercial no Campeonato Estadual de 2009. Um caiu para a segunda divisão e o outro passou perto, muito perto.

Fico pensando a que ponto chegou o nosso futebol. Antigamente essas equipes contavam com um voluntarioso grupo de dirigentes e uma torcida prá lá de animada. Estádio cheio, grandes jogadores, grandes treinadores , vacas gordas e muito mais.

Hoje, apenas uma dezena de torcedores, estádio vazio, péssimos dirigentes, péssimos jogadores, vacas magras e muito, muito mais.

A imprensa faz a sua parte e louva-se o empenho da única emissora que faz futebol nos dias de hoje em Campo Grande. A Rádio Difusora Pantanal, faça chuva ou sol, está lá presente para que o futebol não morra de vez. Com muita dificuldade a equipe de Rui Pimentel, Pierre Adri, Marcos Antônio Silvestre, Ramão Cabreira, Coquinho, Ricardo Paredes , Elson Pinheiro, Roberto Miranda e Carlinhos Jacaré, entre outros,  fazem o dever de casa como ninguém. É a força do rádio e ninguém coloca isso em dúvida.

Comercial e Operário se superaram na desorganização. O Comercial foi o menos incompetente pois, no último minuto, mostrou um pouquinho de maturidade e competência e conseguiu se safar do rebaixamento. A equipe é fraca, muito fraca e seus dirigentes sabem que precisam urgentemente mudar tudo. As duas equipes não possuem mais sede nem mesmo local para treinamento. O passado ficou para trás por conta e obra de péssimas gestões e de pessoas altamente incompetentes.

Dirigentes do passado fazem muita falta tanto para uma como outra equipe. O Operário se superou em matéria de desorganização. Caiu para a segunda divisão mostrando incapacidade em campo e fora dele. A diretoria (?) enterrou o clube de vez sabendo aquilo que estava fazendo e mesmo assim não largou o poder. A torcida ficou a ver navios sem entender nada. Os jogadores passam fome, não tem lugar para morar muito menos para concentrar e treinar. 

Os investimentos desse ano no Operário não existiram. Prova disso é a situação em que se encontra a equipe. A diretoria muda ou não? Entrega o osso ou não? Essa é a pergunta nos quatro cantos da cidade. Uma equipe que já esteve entre as 3 melhores do Brasil jamais poderia chegar onde chegou.

A culpa não é da Federação, não é da imprensa e muito menos da torcida, que fez a parte que lhe cabia. Persistir em um erro sem ao menos tentar no meio do caminho uma solução é burrice. Ela foi tanta que o clube foi além do fundo do  poço e para sair dele vai depender de  muita coisa. A primeira providência é trocar diretoria e toda a equipe. Começar do nada digamos assim.

Ao Comercial, que já enfrentou a segunda divisão, serve a atenção para que uma estrutura minima seja criada onde as categorias de base sejam prestigiadas. Se isso não ocorrer e já passou da hora das equipes da capital conquistarem um título, a torcida campograndense vai continuar vendo equipes do interior disputando a Copa do Brasil. Merecedores por terem um estrutura ajustada , essas equipes não contam em seus jogos com a simpatia da torcida local. É natural. Campograndense torce para Operário e Comercial e é bom que os dirigentes saibam disso antes de continuarem a praticar gestões de doer os olhos , causar tristeza e vergonha em todos nós.

Futebol é para profissional. Amadorismo e subserviência em tempos de luta por sede de Copa do Mundo não se permitem. 2009 é um ano que não deixará saudades para Operário e Comercial e para a imensa e gloriosa torcida das duas equipes. Que venha 2010.

(*) João Carlos da Silva

É Articulista

Os artigos publicados com assinatura não representam a opinião do Portal Pantanal News. Sua publicação tem o objetivo de estimular o debate dos problemas do Pantanal do Mato Grosso do Sul e de Mato Grosso, do Brasil e do mundo, garantindo um espaço democrático para a livre exposição de correntes diferentes de pensamentos, idéias e opiniões. redacao@pantanalnews.com.br

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
24/07/2017 - 09h01
Atentado à Vida de Plácido de Castro
22/05/2017 - 09h01
Heraldo Pereira e Bosco Martins: um breve reencontro entre amigos
04/05/2017 - 14h30
Dr. Francisco Cavalcante Mangabeira – Parte VI
02/05/2017 - 11h08
O poeta de Sobral
24/04/2017 - 09h53
Dr. Francisco Cavalcante Mangabeira – Parte V
 
Últimas notícias do site
27/07/2017 - 08h28
PMA prende e autua assentado por exploração e furto de madeira de lei
27/07/2017 - 07h16
Rádios do MT e MS assinam contrato para funcionar em FM
27/07/2017 - 07h00
Em Campo Grande, ministro autoriza migração de 36 emissoras AM para FM
27/07/2017 - 06h15
Vídeo: Ministro assina documento que autoriza migração de rádios AM para FM em MS
27/07/2017 - 06h01
Vídeo: Ministro oficializa migração de 23 rádios da frequência AM para FM
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.