zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Energia - 13/03/2009 - 13h25

Projeto de agroecologia vai gerar trabalho e renda para mais de mil famílias em todo o Brasil

Tecnologia social de Produção Agroecológica Integrada e Sustentável (Pais) será reaplicada em cinco estados, envolvendo 1.182 famílias




Por Gerência de Imprensa/Comunicação Institucional

 

A Petrobras e a Fundação Banco do Brasil lançaram hoje, dia 13 de março, no Rio de Janeiro, o projeto de implantação de mil unidades de Produção Agroecológica Integrada e Sustentável (Pais). Serão investidos cerca de R$9,6 milhões nessa tecnologia social, que vai beneficiar cerca de mil famílias em cinco estados brasileiros. Após o Rio de Janeiro, o Programa será estendido para o Rio Grande do Norte (200 unidades), Sergipe (200 unidades), Bahia (240 unidades) e Minas Gerais (160).

"Implantar o Pais no entorno do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro, um dos maiores empreendimentos da Petrobras e que vai gerar milhares de empregos na região, é mais um incentivo para segurar o homem no campo", disse Wilson Santarosa, gerente de Comunicação Institucional da Petrobras, no evento de lançamento do projeto.

"Esperamos que o Pais seja reaplicado como política pública em municípios e estados brasileiros", disse Jacques Pena, presidente da Fundação Banco do Brasil. Nilo Carvalho, presidente do Comperj, lembra que "o projeto é sustentável e confere dignidade, é trabalho que gera renda".

O ator Marcos Palmeira, que é proprietário de uma fazenda de produtos agroecológicos em Teresópolis (RJ), conhece de perto o sistema e disse que o projeto é uma "ferramenta para acabar com a fome e que valoriza o pequeno produtor". Palmeira destaca que o Pais garante, além da cesta básica das famílias, um excedente para gerar renda. Outra vantagem dessa tecnologia social, apontada pelo ator, é que a retirada de insumos químicos da produção, além de mais saudável, "garante maior independência aos pequenos produtores".

Implantação no Rio - Quem coordena o projeto no Rio é a Converdgencia, uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP). No estado fluminense serão implantadas 200 unidades Pais nos municípios de influência do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj) em Guapimirim, Magé, Cachoeiras de Macacu, Itaboraí, Tanguá e Rio Bonito.

Além de dispensar o uso de técnicas danosas ao meio ambiente, já que não utiliza adubos químicos nem agrotóxicos, o Sistema Pais vai gerar segurança alimentar (alimentos para subsistência), além de trabalho e renda para os agricultores familiares, por meio da implantação de um sistema de produção de alimentos orgânicos e sua comercialização.

Como funciona - O Sistema Pais integra técnicas simples de produção agrícola para minimizar impactos sociais e ambientais. A proposta consiste na produção integrada de aves, hortaliças e frutas, com aproveitamento cíclico.

O Pais é montado em torno de um sistema de anéis destinados a culturas diferentes e complementares. O centro é utilizado para a criação de pequenos animais, como galinhas e patos, cujo esterco é utilizado para adubar as plantações que estão nos anéis. A irrigação é feita por gotejamento. Ao redor da unidade, pode ser criado o quintal agroecológico, que serve para reflorestamento, cultivo de frutas e de espécies nativas e comerciais.

Para iniciar o empreendimento as famílias recebem o KitPais (que inclui galinhas, sementes, mudas, caixa d´àgua, entre outros, totalizando 33 itens), além de consultoria técnica e monitoramento durante dois anos para a execução de todas as etapas, desde a escolha e preparo do terreno até a venda da sua produção.

A Fundação Banco do Brasil, o Sebrae e o Ministério da Integração Nacional, instituições ligadas à Rede de Tecnologia Social, já reaplicaram o Pais em 42 municípios de 14 estados (ES, BA, GO, MG, PB, PI, RN, SE, AL, CE, MS, PE, RO, RJ), com investimentos sociais de R$ 12,2 milhões. São 3.609 unidades implantadas em todo o país, em terras de agricultores familiares, áreas indígenas e quilombolas.

Rede de Tecnologia Social - O Pais é uma das tecnologias sociais prioritárias da Rede de Tecnologia Social (RTS), criada em 2005, como resultado da articulação de governo, empresas, instituições do terceiro setor e universidades para disseminar experiências bem sucedidas de inclusão social no Brasil. Tecnologia Social é aquela que compreende produtos, técnicas ou metodologias, reaplicáveis, desenvolvidas em interação com a comunidade e que representam efetivas soluções de transformação social.

Hoje, a RTS conta com 700 instituições parceiras. Entre 2008 e 2010, serão investidos R$ 22,2 milhões pelos mantenedores da Rede, incluindo a Petrobras, na reaplicação de 5 mil unidades Pais em 12 estados.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
Emanoel Calandra Martins, em 15/03/2009 - 10h36

São projetos dessa natureza que podem transformar um País e dar uma vida digna ao homem do campo. Parabens... aos responsáveis. Emanoel

José Simões, em 14/03/2009 - 22h22

Pelo que pude observar pela nota é um projeto muito interessante e me despertou muita curiosidade para conhecer com mais profundidade este projeto, que devo fazer. Resido na região amazonica no estado do Amazonas

 
Últimas notícias do canal
09/12/2013 - 09h57
Agência inicia em MS fiscalização de brinquedos e luminárias de Natal
17/10/2013 - 17h30
Horário de verão vai gerar economia de R$ 400 milhões, diz ONS
23/03/2013 - 08h05
No dia mundial da água jovens conhecem eletrodomésticos que preservam mananciais no consumo de energia
21/03/2013 - 15h37
Versão atualizada da cartilha Por Dentro da Conta de Luz
21/03/2013 - 14h05
Energia mensal de duas casas usa 1,5 milhões de litros de água
 
Últimas notícias do site
22/11/2017 - 11h35
PMA autua fazendeiro por erosão e assoreamento de córrego
22/11/2017 - 09h39
Projetos do IFMS conquistam principais prêmios de feira científica estadual
22/11/2017 - 09h23
Projeto Florestinha completa 25 anos formando cidadãos responsáveis
22/11/2017 - 07h26
Acumulada, Mega-Sena pode pagar R$ 50 milhões nesta quarta-feira
22/11/2017 - 06h13
Confira as ocorrências dos Bombeiros das últimas horas
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.