especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Emprego - 10/03/2009 - 08h45

1.300 empregados de frigorífico entram em greve por melhores salários




Divulgação




Por Wilson Aquino

Os trabalhadores do frigorífico Marfrig, de Bataguassu, entraram em greve na madrugada de hoje em protesto à proposta de reposição salarial de apenas 3%, oferecida pelos patrões para o fechamento da nova Convenção Coletiva de Trabalho. A paralisação é por tempo indeterminado e os mais de 1.300 funcionários garantem que só voltam ao trabalho se houver ganho real acima do índice de inflação acumulada nos últimos 12 meses. A informação é do presidente da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Mato Grosso do Sul, Vilson Gimenes Gregório, que está no local.

Com a paralisação, mais de 800 cabeças de gado deixaram de ser abatidas na madrugada, informou Raimundo Nonato do Nascimento, presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústiras de Alimentação, Panificação, Confeitaria, Laticínios, Frigoríficos, Conservas, Açougues e Matadouros de Bataguassu. Ele também está no local onde diversos encarregados e gerentes do frigorífico tentaram em vão reconduzir os funcionários ao trabalho.

“A decisão de greve já havia sido tomada em assembléia geral da categoria. Ou seja, os patrões já sabiam que os trabalhadores estavam dispostos a paralisar as atividades em protesto a essa famigerada proposta de reposição salarial de apenas 3%”, comentou Vilson Gimenes, que tem o apoio da CUT (Central Única dos Trabalhadores) nesse movimento. “Os patrões, pelo jeito, pagaram para ver e está aí, deflagrada a greve”, comentou o sindicalista.

Como a suspensão dos abates acarreta um prejuízo sem tamanho para a empresa, Raimundo Nonato e Vilson Gregório acreditam que a direção do Marfrig deverá chamá-los logo para uma nova rodada de negociação. “Desta vez, quem sabe, eles apresentam uma contra proposta de reajuste acima da inflação acumulada no ano, que gira em torno de 6%”, comentou Gregório.

Até há pouco, o clima era de tranqüilidade em frente ao frigorífico, onde os funcionários estão “concentrados”, segundo informaram os sindicalistas. A expectativa é de que continue assim no decorrer do dia.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
04/12/2017 - 07h44
Confira as vagas de emprego disponíveis na Casa do Trabalhador de Aquidauana
30/11/2017 - 08h07
Confira as vagas de emprego disponíveis na Casa do Trabalhador de Aquidauana
29/11/2017 - 08h34
Confira as vagas de emprego disponíveis na Casa do Trabalhador de Aquidauana
27/11/2017 - 07h37
Confira as vagas de emprego disponíveis na Casa do Trabalhador de Aquidauana
20/11/2017 - 07h56
Confira as vagas de emprego disponíveis na Casa do Trabalhador de Aquidauana
 
Últimas notícias do site
13/12/2017 - 08h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 33 milhões nesta quarta-feira
13/12/2017 - 07h58
Azambuja se reúne com empresa e dá posse ao novo secretário de Saúde
13/12/2017 - 06h54
'Dog itinerante': Este cachorrinho já visitou mais cidades que muita gente
13/12/2017 - 06h38
Dia amanhece com sol entre nuvens, mas previsão é de temperatura alta
12/12/2017 - 14h30
Produção de grãos em MS cresce 40%, alta acima da média nacional
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.