zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Antidrogas - 09/03/2009 - 07h10

Mulheres enfrentam tráfico e milícia para afastar jovens das drogas




Por Vladimir Platonow, da Agência Brasil

 

Afastar jovens do tráfico e da violência é o principal objetivo de um grupo de moradoras de áreas pobres do estado do Rio. Conhecidas como Mulheres da Paz, elas fazem parte do Programa Nacional de Segurança com Cidadania (Pronasci), do Ministério da Justiça.

Elas batem de porta em porta atrás de adolescentes que estejam envolvidos com atividades ilegais ou em risco de ser cooptados pelo tráfico ou pelas milícias. Apesar de trabalharem entre esses dois grupos criminosos, dizem que não sentem medo e que não são ameaçadas.

“A milícia e o tráfico não têm falado nada, têm respeitado a gente. Tem que saber levar, afinal somos Mulheres da Paz”, contou Daiane Kelly Ribeiro, moradora de Itaguaí, na região metropolitana. Assim como as demais 2.500 integrantes do grupo no Rio, ela recebe R$ 190,00 de bolsa por mês pelo seu trabalho, baseado na mediação de conflitos.

A grande maioria das agentes sociais já é mãe e conta com a própria experiência para se aproximar dos adolescentes. “Nós vamos de porta em porta conversando com os jovens. O principal desafio é tirar eles do crime e das drogas, porque essa vida não vai levar a nada”, afirmou Ana Paula Roque, moradora de Nilópolis, na Baixada Fluminense.

Mesmo vivendo em uma área pobre, ela disse não temer milicianos ou traficantes: “A nossa camisa já mostra que somos da paz, então não temos dificuldade para entrar em lugar algum. Eles têm nos respeitado”.

Para marcar o Dia Internacional da Mulher e dar visibilidade ao trabalho, elas promoveram ontem (8) uma caminhada pela orla de Copacabana, que reuniu cerca de 500 pessoas. A secretária estadual de Assistência Social e Direitos Humanos, Benedita da Silva, responsável pela coordenação do programa no estado, disse que o principal foco é retirar os jovens do narcotráfico. “É um trabalho que a gente considera de formiguinha, pois requer muita reserva, para que as pessoas se sintam em liberdade de contar o seu sofrimento”, explicou.

Segundo Benedita, o trabalho também ajuda a identificar casos de violência contra a mulher, que ainda são muito presentes. Para ela, embora as mulheres de forma geral continuem sendo vítimas em todo o país, o problema atinge mais gravemente as negras e pobres, que moram em condições precárias, ganham salários menores ou sequer têm fonte de renda para o sustento.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
14/11/2017 - 15h04
Polícia incinera 1,4 tonelada de drogas apreendidas em Mato Grosso do Sul
20/09/2016 - 08h16
Está proibida venda a adolescentes de produtos usados para fazer “loló”
21/06/2016 - 09h45
Polícia queima droga avaliada em R$ 66 milhões; apreensões cresceram 7%
06/11/2015 - 15h06
Senador Moka diz que Brasil erra no combate ao tráfico nas fronteiras
06/08/2015 - 06h18
Drogas e álcool: conheça os efeitos da Síndrome de Abstinência Neonatal
 
Últimas notícias do site
17/11/2017 - 16h03
Viralizou: cachorrinho 'penetra' na balada é a imagem mais fofa que você vai ver hoje
17/11/2017 - 10h18
Fim de semana tem sertanejo, funk, comédia e teatro
17/11/2017 - 07h53
Confira as ocorrências dos Bombeiros das últimas horas
17/11/2017 - 07h44
Proprietários rurais são autuados por manterem carvoarias ilegais
17/11/2017 - 06h14
Confira as ocorrências dos Bombeiros das últimas horas
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.