zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Energia - 09/01/2009 - 13h25

Compra do gás será discutida entre MME, Petrobras e ministros bolivianos




Edemir Rodrigues

Por Gizele Cruz de Oliveira, do Notícias MS

O governador André Puccinelli aguarda com expectativa o resultado de uma reunião que acontece esta tarde entre o ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, a direção da Petrobras e ministros bolivianos a respeito do fornecimento de gás natural do país vizinho para o Brasil. Na Base Aérea de Campo Grande, onde participava de cerimônia de troca de comando, André falou por telefone com Lobão e foi informado sobre o encontro agendada para as 16 horas (horário de Brasília). 

O governador acredita que a comitiva da Bolívia tem interesse convergente com o de Mato Grosso do Sul: o de que a Petrobras mantenha a compra do montante de gás estipulado em contrato. Recente anúncio da distribuidora de que a quantidade será reduzida mobilizou o governo sul-mato-grossense, porque a tributação sobre o gás que entra no Brasil via Corumbá é parte importante da receita de ICMS.

“Assim como nós reclamamos que a diminuição da compra pela Petrobras vai afetar a arrecadação, provavelmente os bolivianos também reclamam querendo vender o gás que está previsto no contrato assinado”, acredita André. Lobão teria se comprometido de dar retorno ao governador sobre a reunião entre hoje e a próxima segunda-feira.

Puccinelli aguarda também a resposta a um pedido de reunião com a ministra Dilma Roussef (Casa Civil).  O chefe do Executivo defende que a diminuição da demanda nas usinas termelétricas não é justificativa para a redução da importação do gás, porque essas geradoras já não estavam operando. Outro argumento que comprova que não há excedente de gás foi a recusa da Petrobras, em 2008, em vender parte do insumo a grandes indústrias que estão se expandindo ou instalando em Mato Grosso do Sul. 

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
09/12/2013 - 09h57
Agência inicia em MS fiscalização de brinquedos e luminárias de Natal
17/10/2013 - 17h30
Horário de verão vai gerar economia de R$ 400 milhões, diz ONS
23/03/2013 - 08h05
No dia mundial da água jovens conhecem eletrodomésticos que preservam mananciais no consumo de energia
21/03/2013 - 15h37
Versão atualizada da cartilha Por Dentro da Conta de Luz
21/03/2013 - 14h05
Energia mensal de duas casas usa 1,5 milhões de litros de água
 
Últimas notícias do site
17/11/2017 - 16h03
Viralizou: cachorrinho 'penetra' na balada é a imagem mais fofa que você vai ver hoje
17/11/2017 - 10h18
Fim de semana tem sertanejo, funk, comédia e teatro
17/11/2017 - 07h53
Confira as ocorrências dos Bombeiros das últimas horas
17/11/2017 - 07h44
Proprietários rurais são autuados por manterem carvoarias ilegais
17/11/2017 - 06h14
Confira as ocorrências dos Bombeiros das últimas horas
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.