CARNAVAL CORUMBÁ 2018 II
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Meio ambiente - 03/01/2018 - 07h44

MS quebra recordes de queimadas e fecha 2017 com 7.446 focos




Por Ricardo Campos Jr. do Campo Grande News / Redação Pantanal News

 Vegetação pegando fogo em MS (Foto: divulgação)

Vegetação pegando fogo em MS (Foto: divulgação)

Mato Grosso do Sul fechou 2017 com volume de queimadas acima da média histórica, segundo dados do Inpe (Instituto Nacional de Meteorologia). Foram registrados pelo órgão 7.446 incêndios florestais no decorrer do ano, maior valor desde 2012, quando houve 7.545 casos.

Com relação aos dados mensais, setembro bateu recorde e foi responsável por 40,75% dos focos com 2.984 incidentes, maior valor desde 2007, quando houve 4.445 pontos de calor nas matas do estado.

Agosto, que também é considerado crítico por ter baixa umidade relativa do ar, teve 1.488 incêndios florestais no decorrer de 2017, ficando em segundo lugar no ranking, mas batendo recorde dos últimos cinco anos, perdendo apenas para 2012, quando o mês teve 2.951 casos.

Conforme os dados do Inpe, julho, apesar de ter tido 1.050 queimadas, bateu recorde dos últimos 17 anos, já que desde 1999 (quando houve 1.297 incêndios) o período não tinha tantos casos.

Na outra ponta da lista, abril teve menor quantidade de pontos de calor com 59 casos seguido de maio, com 72; e dezembro com 91.

Corumbá, localizado no Pantanal de Mato Grosso do Sul, foi o quarto município brasileiro com mais incêndios florestais em 2017, com 4.133 casos. Esse volume aumentou 3% em relação a 2016, quando houve 4.011 no mesmo período.

A Cidade Branca só perde para São Félix do Xingu (10,263) e Altamira (6.566) no Pará e para a capital de Rondônia, Porto Velho (4.250).

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
11/01/2018 - 08h00
PMA captura lagarto dentro de banheiro de escola
03/01/2018 - 07h44
MS quebra recordes de queimadas e fecha 2017 com 7.446 focos
19/12/2017 - 08h01
PMA autua pecuarista por desmatamento ilegal
18/12/2017 - 13h38
PMA autua assentado por construir drenos em área de nascentes
15/12/2017 - 16h02
Veado e tatu são resgatados e devolvidos a natureza
 
Últimas notícias do site
19/01/2018 - 08h32
Fazendeiro é autuado em R$ 159 mil por desmatamento ilegal
19/01/2018 - 07h35
Carnaval de Corumbá terá Axé Blond, Revelação e baterias da Mangueira e Gaviões da Fiel
19/01/2018 - 07h10
Carnaval de Corumbá: atrações tem até hoje para realizar cadastro
19/01/2018 - 07h05
Carnaval de Corumbá: blocos oficiais iniciam ensaios e enredos falam de temas atuais
19/01/2018 - 06h25
Semana chega ao fim com chuva rápida e temperaturas de 37°C
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.