especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Saúde - 31/10/2017 - 09h07

Com quadro clínico estável, prefeito de Corumbá já está sendo operado

Ruiter Cunha passou mal nesta segunda-feira e foi transferido em uma UTI aérea para a Capital depois de sofrer um aneurisma de aorta




Por Anahi Zurutuza do Campo Grande News / Redação Pantanal News

 Proncor do bairro Chácara Cachoeira, onde prefeito está internado (Foto: Marcos Ermínio)

Proncor do bairro Chácara Cachoeira, onde prefeito está internado (Foto: Marcos Ermínio)

A equipe médica do Proncor decidiu antecipar a cirurgia cardíaca do prefeito Ruiter Cunha (PSDB) para a manhã desta terça-feira (31). Segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura de Corumbá, “a decisão foi tomada pelo fato de o chefe do Executivo corumbaense ter acordado com pressão adequada, estável e tranquilo, condições ideais para o procedimento”.

Às 8h49, a assessoria de imprensa publicou nota informando que Ruiter havia acabado entrar no centro cirúrgico “para uma operação que poderá durar até oito horas”. A família do prefeito o acompanha.

A cirurgia, que estava marcada para esta quarta-feira (1º), é realizada pela equipe médica coordenada pelo cirurgião cardíaco João Jazbik Neto, no Proncor de Campo Grande.

Mais detalhes – O prefeito foi tirado da sedação na noite desta segunda-feira (30) para receber a visita de familiares.

O chefe do Executivo da Cidade Branca foi internado no CTI (Centro de Tratamento Intensivo) Proncor na tarde de ontem (30) depois que passou mal e foi diagnosticado com um aneurisma de aorta, a principal artéria do corpo.

Ruiter, que tem 53 anos e é hipertenso, já passou por um cateterismo, exame que vasculha os vasos sanguíneos em busca de problemas vasculares e cardíacos.

A equipe médica que atendeu o prefeito na Capital confirmou a suspeita levantada por médicos da Santa Casa de Corumbá, de que o paciente teria sofrido um aneurisma (dilatação anormal) da aorta abdominal.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
20/11/2017 - 12h50
Laudo descarta que macaco achado morto na Capital teve febre amarela
13/11/2017 - 11h30
Lei: deputado Dr. Paulo Siufi cria “Agosto Verde” para prevenir depressão e outros males
08/11/2017 - 16h10
Sesau investiga morte de macaco, animal hospedeiro da febre amarela
31/10/2017 - 14h46
Cirurgia de Ruiter teve início na tarde desta terça-feira
31/10/2017 - 09h07
Com quadro clínico estável, prefeito de Corumbá já está sendo operado
 
Últimas notícias do site
23/11/2017 - 15h48
Em Brasília, prefeito viabiliza recursos para Corumbá e busca apoio para curso de Medicina
23/11/2017 - 15h31
No Ministério do Turismo, prefeito discute liberação de verbas para distrito turístico
23/11/2017 - 14h46
Corumbá comemora neste dia 23 o Dia Municipal da Cultura
23/11/2017 - 14h26
PMA prende e autua em R$ 60 mil trio de pescadores no rio Paraguai
23/11/2017 - 08h46
Durante fiscalização PMA apreende caminhão com uma tonelada de agrotóxico
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.