zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Política - 25/09/2017 - 08h00

Secretário da Sefaz participa de oitiva da CPI após requerimento do Deputado Dr. Paulo Siufi




Beatriz de Almeida

Por Assessoria / Beatriz de Almeida / Redação Pantanal News

O Secretário Márcio Monteiro, titular da Secretaria de Estado de Fazenda de Mato Grosso do Sul (Sefaz-MS), participou da oitiva da CPI das Irregularidades Fiscais e Tributárias da quarta-feira (20), após ter sido convidado pelo Deputado Dr. Paulo Siufi, através de requerimento aprovado na reunião anterior, para prestar esclarecimentos.

 

De acordo com o secretário, estão em análise pela Sefaz, cerca de 101 mil notas fiscais que representam benefícios de aproximadamente R$ 500 milhões à JBS e que encontrou irregularidade em R$ 1,7 milhão concedidos. Segundo ele, esses incentivos deveriam ter sido “glosados”, ou seja, vetados.

 

O Deputado Dr. Paulo Siufi questionou Monteiro sobre conhecer or irmãos e empresários Wesley e Joesley Batista. O secretário afirmou que esteve com os irmãos Batista quando ainda era deputado, durante a inauguração da fábrica da Eldorado, em Três Lagoas.

 

Monteiro afirmou que, após a delação de executivos do grupo J&F, que controla o frigorífico JBS, determinou a averiguação detalhada de todos os documentos relativos à concessão de benefícios à empresa. O secretário ainda disse que os benefícios não foram cortados assim que comprovadas as irregularidades, porque a empresa primeiramente deve ser ouvida e respeitar todo processo legal até uma eventual anulação do termo de acordo. “Para não dar motivos para questionarem na justiça”, alegou.

Diante da crise financeira que o estado passa o Deputado Dr. Paulo Siufi questionou Monteiro se o ressarcimento aos cofres públicos poderia auxiliar no pagamento do 13º dos servidores e investimentos em áreas como da saúde, o secretário afirmou que sim. Monteiro também afirmou que está ingressando na justiça para que possa dar uma resposta à população.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
16/10/2017 - 10h04
Projeto prevê transporte gratuito para hemofílicos de MS
16/10/2017 - 10h02
Mochi destaca o crescimento de MS em seus 40 anos de divisão
13/10/2017 - 14h58
Moro dá 48 horas para defesa de Lula entregar recibos originais de aluguel
29/09/2017 - 08h05
A convite do deputado Dr. Paulo Siufi, conselheira fala sobre o Dia do Farmacêutico na ALMS
28/09/2017 - 10h35
Com apoio a veto de PL, Dr. Paulo Siufi defende comércio e consumidores de MS
 
Últimas notícias do site
16/10/2017 - 16h36
MS terá sistema de aviso de alagamentos por celular a partir de 2018
16/10/2017 - 13h02
Após denúncia, Polícia Militar captura foragido da justiça
16/10/2017 - 11h25
Restituição do IR já está disponível para 31,5 mil contribuintes de MS
16/10/2017 - 10h57
Semana começa com mais de 400 vagas em concursos e salários de até R$ 14 mil
16/10/2017 - 10h55
Ruiter aciona primeiro trecho de iluminação pública com LED
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.