zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Polícia - 24/07/2017 - 11h38

PMA autua fazendeiro por exploração ilegal de madeira e por incêndio em pastagem




Fotos: Divulgação PMA










Por Assessoria / Redação Pantanal News

Campo Grande (MS) – Durante fiscalização nas propriedades rurais no município, Policiais Militares Ambientais de Bonito autuaram um fazendeiro por exploração de madeira de lei e de outras espécies, sem autorização do órgão ambiental, dentro de área protegida, além de provocar incêndio ilegalmente.

Na propriedade rural, localizada à margem da rodovia que liga a cidade de Bonito ao Distrito de Águas do Miranda, a PMA encontrou ontem (23) à tarde, diversas árvores derrubadas da espécie Aroeira (espécie protegida por lei), Ipê e de Angico, que foram exploradas sem licenciamento do órgão ambiental. A madeira ainda foi explorada dentro da área de mata ciliar de um córrego que corta a propriedade, que se trata de área protegida por lei.

A madeira das árvores exploradas não foi localizada. No local, os Policiais verificaram ainda que o pecuarista fizera uso de fogo em uma área de 1 hectare medido em GPS, para renovação da pastagem, também sem autorização ambiental.

O proprietário rural, de 41 anos, residente em Bonito, foi autuado administrativamente e multado em R$ 11.000,00 pelas infrações. Ele também responderá por crime ambiental de exploração de madeira protegida, que tem pena prevista de um a dois anos de reclusão. Também responderá por degradação de área de preservação permanente-APP (mata ciliar), que prevê pena de um a três anos de detenção.

A espécie vegetal aroeira é protegida por lei. A portaria 83-N de 1991 do IBAMA proíbe o corte da “aroeira” e algumas outras espécies de madeiras nobres, sem plano de manejo, que precisa ser aprovado pelos órgãos ambientais. Inclusive, em desmatamentos autorizados, essas espécies não podem ser cortadas.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
19/10/2017 - 11h21
PM e população de Aquidauana se aproximam por uma cidade tranquila
19/10/2017 - 10h58
PMA captura anta que transitava por ruas em bairro
18/10/2017 - 10h57
PMA prende foragido da justiça durante fiscalização
18/10/2017 - 09h23
Polícia captura mais dois foragidos da justiça
18/10/2017 - 05h50
Caçadores são autuados em R$ 10 mil por abater anta
 
Últimas notícias do site
19/10/2017 - 15h13
Em 2016, caiu o percentual de pessoas que trabalhavam em empreendimentos de grande porte
19/10/2017 - 14h22
Tamanduá-mirim é capturado dentro de residência
19/10/2017 - 13h30
Projeto Florestinha planta mudas nativas para recuperação de área
19/10/2017 - 11h21
PM e população de Aquidauana se aproximam por uma cidade tranquila
19/10/2017 - 10h58
PMA captura anta que transitava por ruas em bairro
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.