especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Agronegócios - 03/07/2017 - 09h43

Conab inicia nova etapa de fiscalização de estoques públicos




Divulgação/Conab

Por Assessoria / Redação Pantanal News

Os estados de Mato Grosso, Paraná e Tocantins recebem, nesta segunda-feira (3), a quinta etapa de 2017 de fiscalização dos estoques públicos realizada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Os fiscais da estatal estarão em campo até o dia 14 de julho, visitando 23 armazéns públicos e privados.

A expectativa é vistoriar 492,1 mil toneladas de milho e trigo. Os fiscais observarão, entre outros quesitos, as condições de armazenagem e conservação e a quantidade de grãos estocados.  No Paraná, os técnicos aproveitarão para fazer o cadastramento de 18 novas unidades armazenadoras.

De acordo com a Superintendência de Fiscalização de Estoques da Companhia, nas quatro primeiras etapas do ano foram inspecionados 272 armazéns localizados em todas as unidades da federação. Nas vistorias, os técnicos da Conab fiscalizaram aproximadamente 1,6 milhão de toneladas de produtos e registraram perdas de 990 toneladas de café e milho por quebra de umidade e quebra técnica e desvios de 2,49 mil toneladas de milho.

No caso das perdas, os armazenadores terão que indenizar a Companhia. Para os desvios identificados, a irregularidade é informada ao Ministério Público e à Polícia Federal. Além disso, a armazenadora fica impossibilitada de operar com a Companhia por dois anos e deve restituir o estoque inicial em dinheiro ou em produto. Até novembro, a Conab ainda realizará mais quatro etapas da fiscalização.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
23/01/2018 - 13h23
Brasil entra na corrida para desenvolver mandioca com amido ceroso
23/01/2018 - 10h20
Unidades de conservação podem ser administradas por parcerias público-privadas
16/01/2018 - 10h30
Ipê-roxo é primeira árvore do Cerrado a ter genoma sequenciado
16/01/2018 - 08h40
Rebanho de MS cresceu para 21.8 milhões de cabeças de gado em 2017, diz Iagro
15/01/2018 - 15h28
Inmet emite alerta de perigo potencial em algumas cidades de MS
 
Últimas notícias do site
16/02/2018 - 06h53
AGENDONA: Fim de semana de enterro dos ossos, música, teatro, oficinas e mais
16/02/2018 - 06h13
Inmet prevê sol entre nuvens e chuva para sexta-feira em todo o MS
15/02/2018 - 16h16
A Falta de Educação
15/02/2018 - 16h10
Grupo busca voluntários para retirar toneladas de lixo do Rio Aquidauana
15/02/2018 - 06h10
Inmet aponta que mau tempo continua e MS terá dia com chuvas à tarde
 

zap

88

ZAP NOVO
Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.