especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Agronegócios - 16/05/2017 - 13h48

Preço da saca de milho cai 56% e comercialização estagna em MS




Por Renata Volpe Haddad do Campo Grande News / Redação Pantanal News

Em maio do ano passado, saca do milho era comercializada a R$ 48. Este ano, é vendida a R$ 21.
(Foto: Famasul)Em maio do ano passado, saca do milho era comercializada a R$ 48. Este ano, é vendida a R$ 21. (Foto: Famasul)A comercialização da safra de milho está estagnada em Mato Grosso do Sul. Produtores estão segurando a venda devido aos preços baixos deste ano, causada pela queda do dólar. A saca de 60 quilos que no ano passado era vendida a R$ 48, este ano é comercializada a R$ 21, queda de 56%.

De acordo com o analista técnico da Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de MS), Luiz Eliezer, a comercialização do milho até ontem (15) estava em 14,88%. "No ano passado, no mesmo período, os produtores já tinham vendido 44% da produção, retração de 30%", afirma.

O dólar baixo explica os números. Em 2016, a moeda americana estava próxima de R$ 4 e este ano, varia entre R$ 3,10 e R$ 3,12. "2016 foi um ano atípico, com cenário político econômico diferente, dólar alto e isso fez com que os preços do milho fossem recordes e a comercialização fosse rápida. Este ano, acontece o contrário. Tivemos uma safra recorde, mas os preços estão baixos".

Outro motivo para a comercialização avançada no ano passado, do grão, foi a quebra de safra de 33% nas lavouras do Estado. "O produtor já tinha comercializado 20% antes, houve a quebra de safra e ele precisou repor o produto".

Com este cenário, o produtor tem segurado o produto, deixando o mercado "travado". "A melhora depende de vários fatores, do dólar, do ambiente político econômico e do mercado internacional. Não tem perspectiva de melhora por enquanto, se houver alta será pontual", explica.

Produtores seguram a soja esperando melhora nos preços. (Foto: Eliel de Oliveira/ Arquivo)Produtores seguram a soja esperando melhora nos preços. (Foto: Eliel de Oliveira/ Arquivo)

 

Soja - A colheita da soja já terminou e a comercialização do grão em Mato Grosso do Sul chega a 53%. Assim como o milho, o cenário do mercado também não é dos mais atrativos e os preços estão baixos.

Em maio de 2016, a saca de 60 quilos era vendida a R$ 74,81, em maio deste ano, é comercializada a R$ 58, queda de 22%.

Para a soja também não há uma perspectiva de melhora e o produtor está atento ao mercado, segurando o produto, até que apresente uma alta no dólar ou melhora no mercado internacional.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
16/01/2018 - 10h30
Ipê-roxo é primeira árvore do Cerrado a ter genoma sequenciado
16/01/2018 - 08h40
Rebanho de MS cresceu para 21.8 milhões de cabeças de gado em 2017, diz Iagro
15/01/2018 - 15h28
Inmet emite alerta de perigo potencial em algumas cidades de MS
15/01/2018 - 07h41
Confira as manchetes desta segunda-feira dos principais jornais do país
12/01/2018 - 08h35
Projeção de aumento no consumo de soja deixa produtores otimistas
 
Últimas notícias do site
18/01/2018 - 10h35
Carnaval de Corumbá: inscrições para concurso de fantasias seguem até 31 de janeiro
18/01/2018 - 09h13
Após Exército, Marinha também entra na luta contra o Aedes aegypti em Corumbá
18/01/2018 - 08h35
PMA prender caçador com armas e munições
18/01/2018 - 08h05
CCZ faz no domingo ação para adoção de gatos e cães resgatados na Capital
18/01/2018 - 07h52
PMA captura tamanduá-mirim em rua de bairro da Capital
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.