TRANSPARENCIA GOV DEZ
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Educação - 02/03/2017 - 08h26

Aos 15 anos, João faz doces desde criança para realizar sonho de cursar Medicina

Aluno de escola pública e filho de vidraceiro, ele quer investir em um bom cursinho, mas não esquece de ajudar a família.




Por Thailla Torres do Campo Grande News / Redação Pantanal News

João Vítor começou fazendo bombons para ter o próprio dinheiro, hoje, o chocolate é a esperança de cursar Medicina. (Foto: Alcides Neto)João Vítor começou fazendo bombons para ter o próprio dinheiro, hoje, o chocolate é a esperança de cursar Medicina. (Foto: Alcides Neto)

Caçula entre os três irmãos, João Vitor Macedo Neves, de 15 anos, é só motivo de orgulho para a família. Criado numa vida simples, foi na infância que o menino passou a fazer doces para realizar os primeiros sonhos. João tinha suas vontades e na cozinha começou a conquistar o próprio dinheiro, apesar da maioria condenar qualquer tipo de trabalho nessa fase da vida.

Aluno de escola pública, João quer ingressar na faculdade de Medicina em uma Universidade Federal. Mas para isso, ele enfrenta horas de estudo e investe nos chocolates para bancar o cursinho.

Agora o objetivo é vender ovos de páscoa. Muito organizado, João já criou redes sociais, panfletos e tabela com preços e sabores. O que falta são os clientes. "Vou começar a fazer na primeira semana de abril e todo esse dinheiro vai ser para pagar o cursinho e comprar livros, que nem sempre são baratos", conta. 

João está no 2º ano do Ensino Médio e já vem mantendo um ritmo intenso de aprendizado em casa. "Fora a escola que são 4 horas, em casa faço de 6 a 8 horas por dia. Quando passar a Páscoa, vou aumentar para 10 horas", garante.

 
João Vitor (de azul), ao lado dos irmãos, pai e sobrinho. (Foto: Arquivo Pessoal) João Vitor (de azul), ao lado dos irmãos, pai e sobrinho. (Foto: Arquivo Pessoal)

Vivendo em Campo Grande com o pai que é vidraceiro, João conta que gosta de culinária desde que se entende por gente. "Eu era pequeno e já gostava, aos 12 anos fiz os primeiros chocolates para vender", conta.

A irmã Ingrid Neves lembra que João sempre fez questão de retribuir o amor e carinho da família. "Sempre que ganhava um dinheiro, no fim do mês comprava algo para ele e também passava no mercado para alguma coisa em casa. Ele sempre foi muito estudioso e responsável para idade dele, não é por ser meu irmão, mas ele amadureceu muito rápido", lembra. 

Ingrid recorda que os pais sempre trabalharam muito, no entanto, sempre levaram uma vida humilde. "A família não tem todas as condições, mas isso nunca foi um problema para ele, tanto que o dinheiro dos ovos de Páscoa será somente para isso. Além de levar os estudos a sério, ele quer investir no cursinho e isso tem um custo", explica.

O interesse pela Medicina surgiu um pouco por causa de Ingrid, que se formou em Enfermagem. "Sempre gostou da área da saúde, ele brinca que vai ser médico e eu vou ser a enfermeira trabalhando com ele". 

Para João Vitor, a profissão é um dom diante do sonho de ajudar ao próximo. "Eu sempre quis algo que pudesse contribuir com as pessoas. Sinto que é exatamente o que tenho que fazer, a Medicina vai me dar essa oportunidade".

O ovos de Páscoa começam a ser produzidos na primeira semana de abril e os preços são a partir de R$ 25,90 . Quem tiver interesse pode entrar em contato com João Vitor pelo Facebook.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
27/10/2017 - 14h32
Projeto Florestinha realiza Educação Ambiental para alunos de Corumbá
27/10/2017 - 10h48
IFMS ofertará seis novos cursos de graduação em 2018
20/10/2017 - 09h30
Enem 2017: locais de prova já estão disponíveis no cartão de confirmação
18/10/2017 - 16h10
Local de prova do Enem será divulgado na sexta a partir das 10h, diz Inep
18/10/2017 - 16h05
Corumbá: Estudantes devem fazer rematrícula para vaga na Rede Municipal de Ensino
 
Últimas notícias do site
15/12/2017 - 16h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 39 milhões neste sábado
15/12/2017 - 16h02
Veado e tatu são resgatados e devolvidos a natureza
15/12/2017 - 12h35
Comandante e Subcomandante da PMA de Corumbá são homenageados
15/12/2017 - 12h01
PMA autua proprietário rural por armazenamento ilegal de embalagens de agrotóxicos
15/12/2017 - 10h56
Fazendeiro é autuado por armazenamento ilegal de madeira
 

zap

88

ZAP NOVO
Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.