TRANSPARENCIA GOV DEZ
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Economia - 15/02/2017 - 07h05

Perda com queda na importação de gás pode chegar a R$ 600 milhões




Divulgação/Governo do Estado

Reinaldo Azambuja em reunião com a bancada de Mato Grosso do Sul, esta tarde, em Brasília.
Por Paulo Nonato de Souza do Campo Grande News / Redação Pantanal News

O governador Reinaldo Azambuja disse nesta terça-feira, 14, que a redução na compra de gás natural produzido na Bolívia pela Petrobrás já atinge mais de 60%, e se a estatal persistir com a decisão a perda de Mato Grosso do Sul na arrecadação de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) será de R$ 600 milhões em 2017. A queda na receita, que já se apresentava por conta da crise econômica, coloca em risco as finanças do Estado.

“A queda é enorme e isso não estava dentro do nosso planejamento. Entre 2013 2015 manteve-se o fluxo, em 2016 caiu um pouquinho, mas algo suportável pelo Estado de Mato Grosso do Sul pelas medidas de contensão que a gente fez”, declarou o governador, depois de se reunir com a bancada federal, em Brasília, para tratar da questão.

Segundo Reinaldo Azambuja, a queda de mais de 60% no bombeamento, mas, principalmente no faturamento, representa o caos para as contas de Mato Grosso do Sul.

“Não há mágica que você possa se recompor de R$ 600 milhões que nós perderíamos este ano no caixa do Estado, em meio a uma crise como essa que estamos vivendo”, disse ele.

O senador Waldemir Moka (PMDB), presente ao encontro com o governador, anunciou que a bancada de Mato Grosso do Sul irá exigir da Petrobrás que ao menos o volume de 24 milhões de metros cúbicos de gás/mês, que Mato Grosso do Sul tem direito pelo contrato inicial, seja restabelecido. A expectativa é de que essa medida possa reduzir os prejuízos do Estado.

“O governador Reinaldo Azambuja teve da nossa bancada total apoio para as negociações na Petrobrás e com a presidência da República no sentido de mostrar o que está acontecendo com Mato Grosso do Sul e os prejuízos que isso representa”, afirmou.

HISTÓRICO - Conforme a Sefaz (Secretaria Estadual de Fazenda), em 2016 o governo arrecadava por mês R$ 79,3 milhões com o ICMS do gás boliviano, que passa por Mato Grosso do Sul pelo gasoduto. O montante representava 11,51% do total recolhido com o tributo. Em janeiro deste ano, arrecadação caiu pela metade, R$ 38,6 milhões – 5,67% do que o Estado recebe com a cobrança do imposto.

Entre 2015 e 2016 também houve queda. Há dois anos, o Estado arrecadava mensalmente R$ 107.376.273 com o ICMS do gás – eram 16,60% da receita do imposto.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
28/11/2017 - 10h54
Projeto ferroviário vai expandir fronteira do agronegócio, diz Reinaldo
28/11/2017 - 10h46
Prefeitura vai ajustar gratificações para assegurar salários dos servidores
27/11/2017 - 15h13
Saques da terceira etapa de pagamentos do PIS/Pasep já estão disponíveis
27/11/2017 - 14h12
Cheques de qualquer valor serão compensados em até um dia útil
27/11/2017 - 09h30
Economia deve movimentar R$ 38 milhões com 13° salário em Corumbá e Ladário
 
Últimas notícias do site
15/12/2017 - 16h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 39 milhões neste sábado
15/12/2017 - 16h02
Veado e tatu são resgatados e devolvidos a natureza
15/12/2017 - 12h35
Comandante e Subcomandante da PMA de Corumbá são homenageados
15/12/2017 - 12h01
PMA autua proprietário rural por armazenamento ilegal de embalagens de agrotóxicos
15/12/2017 - 10h56
Fazendeiro é autuado por armazenamento ilegal de madeira
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.