zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Educação - 08/02/2017 - 08h51

Professora sai de casa fantasiada todo dia para fazer da aula algo surpreendente




Por Paula Maciulevicius do Campo Grande News / Redação Pantanal News

Pela estrada fora eu vou... E assim, Jacqueline chega ao Ceinf do Santa Carmélia. (Foto: Alcides Neto)Pela estrada fora eu vou... E assim, Jacqueline chega ao Ceinf do Santa Carmélia. (Foto: Alcides Neto)

Tem pelo menos 15 anos que Jacqueline se dedica ao exercício de ensinar. Professora, primeiro do Sesc, depois do Oswaldo Cruz, há cinco anos ela dá aulas em Ceinfs da Capital. Nesse tempo, ela percebeu que as crianças que chegavam pelos portões tinham uma carência que ia além do ensino. 

Foi trabalhando na Educação Infantil que Jacque - como se apresenta a nós e aos aluninhos - se apaixonou, de vez, pela profissão e soube narrar isso em um conto de fadas.

"A gente tem muito a aprender com aquelas crianças. Elas são carentes, muito inocentes e assim a gente vai amando a profissão", comenta Jacqueline Vascão Ferreira, de 40 anos, ou melhor Chapeuzinho Vermelho.

 
Ela se arruma em casa, mostra as balinhas da cestinha e vai vestida para creche. (Foto: Alcides Neto)Ela se arruma em casa, mostra as balinhas da cestinha e vai vestida para creche. (Foto: Alcides Neto)

Na vida de professora no Ceinf do bairro Santa Carmélia, em Campo Grande, ela vê o quanto as mães não têm tempo de ficar com os filhos e como eles criam uma carência, tanto de história como de carinho e de vida.

"A gente procura transmitir isso para eles. O ensinar e o cuidar é tudo uma coisa só", explica. E nesta busca que Jacque passou a se vestir, cada dia de um jeito. Claro que não é diariamente, mas todo início de ano, Carnaval e datas comemorativas, como Dia das Crianças.

"Ontem eu fui com uma saia toda colorida e eles ficam assim, sem saber o que fazer. Se abraça, se beija, se pergunta", descreve a professora. E ela aproveita a curiosidade despertada para ensinar.

"Eu levo histórias, levo meu notebook, baixo ali para eles e mostro. Muitas vezes a gente explica que não é uma realidade, porém existem roupas que a gente pode comprar e se fantasiar", conta.

 
Dia desses a fantasia foi essa. (Foto: Arquivo Pessoal)Dia desses a fantasia foi essa. (Foto: Arquivo Pessoal)

De Chapeuzinho Vermelho, ela levava balinhas na cestinha e ao atravessar a rua, já chamava atenção dos motoristas.

Pela manhã, ela fica em sala de aula com crianças de 2 e 3 anos e à tarde, entre 4 e 5. "O Ceinf todo me conhece", brinca.

E todo mundo também espera para ver como Jacque estará vestida. "Gera ansiedade sim, eles ficam assim, olhando... E isso me traz realização. Eu sinto que plantei uma sementinha", exemplifica.

Semente esta que ela até já viu florescer. Dia desses, passeando pela cidade, encontrou mãe e um aluno já prestes a terminar a faculdade.

"A mãe chegou e me falou: 'ele é seu fruto'. Eu me sinto assim, importante na vida e no crescimento daquela criança. Elas não me esquecem e o mais imporante, não fica só naquilo massacrante de ensinar no papel. É viver o lúdico e para a criança, é aquilo que vai ficar", resume Chapeuzinho.

Curta o Lado B no Facebook

Ideia é plantar uma sementinha, de carinho que vai além de ensinar. (Foto: Alcides Neto)Ideia é plantar uma sementinha, de carinho que vai além de ensinar. (Foto: Alcides Neto)

 

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
23/09/2017 - 14h16
Uems conquista elevação da nota da Capes para o Mestrado Profeduc
22/09/2017 - 15h58
Aquidauana sedia encontro para debater inclusão no IFMS
19/09/2017 - 10h18
Alunos de escolas públicas de Aquidauana assistem a filmes nacionais com recursos de acessibilidade
19/08/2017 - 06h01
UFMS recebe 2ª edição da Feira do Trabalho no começo de setembro
25/07/2017 - 16h02
Divulgada marca da etapa Centro-Oeste dos Jogos dos Institutos Federais
 
Últimas notícias do site
18/10/2017 - 10h57
PMA prende foragido da justiça durante fiscalização
18/10/2017 - 10h09
Com chuvas isoladas, temperatura em MS chega a 41ºC na sexta-feira
18/10/2017 - 09h38
Com temperatura de até 41 graus, outubro já teve 87 mm de chuva
18/10/2017 - 09h23
Polícia captura mais dois foragidos da justiça
18/10/2017 - 08h13
Calor e vento propagam incêndio que já destruiu 30 mil hectares de parque
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.