zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Economia - 04/01/2017 - 13h41

Preços caem e pais lotam papelarias em busca dos materiais escolares

Compras típicas na segunda semana de janeiro iniciaram no primeiro dia útil de 2017




Por Elci Holsback do Campo Grande News / Redação Pantanal News

Pais iniciaram pesquisa mais cedo neste ano (Foto: Elci Holsback)Pais iniciaram pesquisa mais cedo neste ano (Foto: Elci Holsback)No terceiro dia últil de 2017 o movimento nas livrarias e papelarias é intenso. Pais em busca de material escolar para os filhos lotam os corredores das lojas, que anunciam promoções e comemoram boas vendas. "Em geral o movimento começa na segunda semana de janeiro, ou lá pelo dia 10, mas dia 2 à tarde a loja já estava lotada, conta o gerente da livraria Livromat, Edgar Rocha.

Segundo Rocha, o movimento atípico fez com que a loja contratasse 40 funcionários temporários para atender o alto fluxo de clientes, que neste ano terão acesso a alguns itens básicos mais baratos. "Devido a instabilidade do dólar, alguns produtos da linha de escrita reduziram os preços na fábrica, compramos mais em conta e vendemos mais barato. Borracha, lápis e apontador são alguns deles, revela o gerente.

 
Lojas apostam em promoções e variedade (Foto: Elci Holsback)Lojas apostam em promoções e variedade (Foto: Elci Holsback)

O Campo Grande News pesquisou alguns itens da lista escolar em lojas da região central e os comparou com pesquisa divulgada pelo Procon (Superintendência de Defesa do Consumidor) na primeira semana de 2016. Na época, a borracha branca Mercur era encontrada entre R$ 0,17 e R$ 0,45. Neste ano, o produto foi encontrado a R$ 0,42 no Shop Tudo; R$ 0,49 na Giga e R$ 0,50 na Livromat.

O lápis preto simples da Faber Castel era vendido em 2016 entre R$ 0,56 e R$ 1,00. Neste ano o produto foi encontrado a R$0,30 na Giga e Livromat e R$ 0,35 no Shop Tudo.

Já a caneta esferográfica Bic de tubo transparente, que no ano passado custava entre R$ 0,65 e R$ 1,00, atualmente é vendida a R$ 0,99 na Giga; R$ 0,98 no Shop Tudo e a R$ 0,90 na Livromat.

O apontador simples atualmente é vendido a R$ 0,75 (com duas unidades) na Giga; R$ 0,47 (cada) no Shop Tudo e R$ 0,25 (cada) na Livromat. A pesquisa do Procon de 2016 apontou que o iten era vendido entre R$ 0,15 e R$ 0,50 no período.

 
Muitos consumidores iniciaram a pesquisa logo após a virada do ano (Foto: Elci Holsback)Muitos consumidores iniciaram a pesquisa logo após a virada do ano (Foto: Elci Holsback)

A cola branca de 40 gramas é encontrada a R$ 0,85 na Giga e a R$ 1,10 na Livromat. Em 2016 o produto era encontrado R$ 0,70 e R$ 1,30, dependendo da marca.

O caderno espiral de 10 matérias com capa dura tem grande variedade de preços, dependendo da marca e capa. Personagens famosos, artistas ou times influenciam nos valores dos produto. Na Giga, há cadernos com valores entre R$ 12,99 e R$ 29,99; no Shop Tudo, os produtos são encontrados à partir de R$ 9,75 e na Livromat, o mais em conta custa R$ 9,80 e o mais caro R$ 34,90. No último ano, a pesquisa apontou o caderno linha personagens com valor médio de R$ 9,99.

Lista em mãos - Rita Prado Melo, 32 resolveu adiantar as compras do material escolar dos filhos de 7 e 5 anos. O mais novo vai iniciar na escola regular neste ano e como as compras serão dobradas, a mãe optou por iniciar a pesquisa mais cedo em busca de promoções. "Ainda tem um pouco do 13° salário, então é bom gastar no material, já que precisa comprar mesmo. Os preços estão na média, algumas coisas subiram, outras não mudaram muito comparando ao ano passado", avalia.

Pesquisando também está Roberta Alves, 37 anos, mãe de uma estudante de 12 anos. Em geral ela inicia a busca pelos itens da lista cedo, não gosta de deixar para a última hora. "No início do ano sempre tem promoção e encontramos coisas boas. Em cima da hora é só o que sobra de produto", conta.

Mesmo com o atípico adiantamento nas compras, lojistas acreditam que o movimento será mantido até fevereiro, período em que em geral inicia o ano letivo. "Sempre tem quem deixe para comprar de última hora", comenta o gerente da Livromat, Edgar Rocha.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
20/10/2017 - 09h52
Gás de botijão leva prévia da inflação oficial a 0,34% em outubro, diz IBGE
16/10/2017 - 11h25
Restituição do IR já está disponível para 31,5 mil contribuintes de MS
13/10/2017 - 09h41
Reajustes da Petrobras deixaram gás de cozinha 50% mais caro este ano
10/10/2017 - 10h15
Petrobras eleva preço do botijão de gás em 12,9% a partir desta quarta
02/10/2017 - 14h30
Governo estadual paga salário com reajuste a servidores nesta terça-feira
 
Últimas notícias do site
20/10/2017 - 15h38
Asfalto entre Piraputanga e Camisão vai impulsioncar ecoturismo na região
20/10/2017 - 15h06
Alerta prevê tempestades em 43 municípios de Mato Grosso do Sul
20/10/2017 - 14h13
PMA autua proprietária rural por exploração ilegal de madeira
20/10/2017 - 12h30
PMA autua jovem por manter ave silvestre em cativeiro
20/10/2017 - 11h33
Incêndio em parque estadual de MS é controlado após uma semana com ajuda de chuva, diz Imasul
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.