zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Cursos e concursos - 31/08/2016 - 09h04

Governo autoriza concurso para procurador; salário passa de R$ 23 mil

Resolução que regulamenta o certame foi publicado nesta quarta-feira




Por Mayara Bueno do Campo Grande News / Redação Pantanal News

O governo de Mato Grosso do Sul vai abrir concurso público para Procurador do Estado. A resolução que estabelece o certame está no Diário Oficial do Estado desta segunda-feira (31) e normatiza como serão as provas e outros critérios para a seleção, mas ainda não informa a quantidade de vagas e salários.

Atualmente, os vencimentos mensais dos procuradores de Estado em Mato Grosso do Sul passam de R$ 23 mil, segundo dados disponíveis no Portal da Transparência do governo estadual.

Conforme a publicação, o concurso consistirá nas provas objetivas, oral e de títulos, além da investigação social do candidato e exames de saúde física e mental.

Para participar, precisa ser brasileiro, advogado inscrito na OAB-MS (Organização dos Advogados do Brasil seccional de Mato Grosso do Sul), estar quite com o serviço militar, estar no gozo dos direitos políticos e saúde.

Também não pode ter antecedentes criminais e precisa ter, na data do pedido de inscrição definitiva, pelo menos dois anos de prática profissional. No caso da boa conduta social, a questão será comprovada por meio de atestado de duas autoridades públicas municipais, estaduais ou federais.

concurso, segundo prevê o documento, será dirigido pela comissão organizadora composta por cinco membros titulares, dos quais, quatro procuradores do Estado e um representante da Ordem dos Advogados.

Ainda não há data para publicação do edital, que será divulgado no Diário Oficial de MS. Lá constarão o número de vagas e os requisitos das inscrições. Cotas para negros, índios e pessoas com deficiência serão cumpridas de acordo com o que a legislação prevê, traz a resolução.

O Campo Grande News entrou em contato com a Procuradoria do Estado, para conversar com o procurador-geral, Adalberto Neves Miranda, e saber mais detalhes do concurso, mas ele estava em reunião. 

O documento completo pode ser conferido no Diário Oficial do Estado, de hoje, nas páginas 15 e 16. 

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
17/10/2017 - 07h46
Confira o resultado da 2ª fase do concurso para delegado da Polícia Civil
16/10/2017 - 10h57
Semana começa com mais de 400 vagas em concursos e salários de até R$ 14 mil
10/10/2017 - 07h16
Confira resultado da prova escrita para escrivão e investigador de polícia
20/09/2017 - 07h51
Governo divulga gabarito preliminar das provas para escrivão e investigador
14/09/2017 - 08h00
Exército abre inscrições para militares temporários com salário de R$ 7 mil
 
Últimas notícias do site
17/10/2017 - 16h42
PMA autua fazendeira por degradação em margem de rio
17/10/2017 - 16h02
Aprovado projeto que incentiva entidades filantrópicas
17/10/2017 - 15h58
Membro atuante da CPI, Dr. Paulo Siufi apoia reivindicação de trabalhadores da JBS
17/10/2017 - 14h39
Bombeiros fazem sobrevoo para avaliar combate a fogo que já destruiu 20 mil ha
17/10/2017 - 14h00
Fazendeiro é autuado em R$ 18 mil por desmatamento e exploração ilegal de madeira
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.