zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Agronegócios - 22/08/2016 - 10h40

Custo de produção de soja sobe de 10,97% a 12,57% em MS na safra 16/17

Levantamento foi feito por analista da Embrapa Agropecuária Oeste. Maior aumento no custo de produção foi no da soja convencional.




Por Anderson Viegas do G1 MS / Redação Pantanal News

Pesquisador diz que informações ajudaram a prevenir disseminação da Helicoverpa armigera na soja  (Foto: Anderson Viegas / Agrodebate)Nesta safra, maior custo de produção por hectare será da soja transgênica RR2, R$ 2.886 por hectare (Foto: Anderson Viegas / G1 MS)

O custo de produção da soja vai aumentar de 10,97% a 12,57% em Mato Grosso do Sul na safra 2016/2017 em relação a anterior, 2015/2016, dependendo do tipo de semente que será utilizada, se convencional ou transgênica. A informação é de comunicado técnico da Embrapa Agropecuária Oeste, em Dourados, na região sul do estado.

Conforme o comunicado, o maior incremento ocorrerá para o cultivo da soja convencional, 12,57%, que passará de R$ 2.474 por hectare da temporada passada para R$ 2.785 por hectare no novo ciclo. Depois vem o das variedades transgênicas, como soja com a tecnologia Bt + Roundup Ready (RR2), como11,25%, de R$ 2.594 por hectare para R$ 2.886 por hectare, e da soja Roundup Ready (RR1),  com 10,97%, que subirá de R$ 2.452 por hectare para R$ 2.721 por hectare.

O analista da Embrapa Agropecuária Oeste Alceu Richetti, responsável pelo estudo apresentado no comunicado, explica que o custo de produção da soja RR2 é maior do que o das outras cultivares porque, apesar da redução do número de aplicações de inseticidas, já está incluído no preço da semente o valor da taxa tecnológica.

Em relação a soja convencional, o trabalho da Embrapa aponta que os insumos, onde estão incluídos os gastos com sementes, fertilizantes, corretivos, herbicidas, inseticidas e fungicidas, entre outros, representam a maior parte do valor do custo total, 47%, enquanto que as operações agrícolas, que englobam a manutenção das máquinas e dos equipamentos, combustível e mão de obra, englobam, 16,9%. Outros 2% são de custos administrativos, 8% de depreciação e 26,1% de remuneração dos fatores.

O analista aponta no comunicado que o custo total médio por saca de soja convencional produzida no estado será de R$ 55,69 e que será necessário que o produtor colha pelo menos 42,91 sacas por hectare para cobrir o custo de produção.

Já em relação a soja RR1, a Embrapa destaca que os insumos representam 45,9% do custo de produção total, e que ele será de R$ 54,41 por saca. Para cobrir os custos de produção desse tipo de cultivar serão necessárias 41,92 sacas por hectare.

Quanto a RR2, o levantamento  indica que os insumos têm forte impacto no custo de produção, atingindo 49,3% e para que o produtor pelo menos cubra o valor investido, R$ 57,72 para cada saca, deverá ter uma produção de pelo menos 44,47 sacas por hectare.

Conforme o analista da Embrapa explica na introdução do comunicado técnico, a determinação do custo de produção permite avaliar a rentabilidade, a lucratividade e a eficiência do sistema adotado pelos agricultores do estado. Ele comenta que o conhecimento da lucratividade e da rentabilidade das atividades econômicas é indispensável para qualquer propriedade, independente do tamanho, do ramo de atuação ou sistema de produção adotado.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
19/10/2017 - 10h41
Área semeada de soja em MS ultrapassa 814 mil hectares
19/10/2017 - 09h00
Hortaliças seguem mais baratas e frutas têm aumento de preço em setembro
17/10/2017 - 10h25
Conab assina oito novos contratos com agricultores familiares em MS
17/10/2017 - 10h24
Compostos extraídos da gravioleira têm potencial ação inseticida e antitumoral
11/10/2017 - 07h58
Produção de mudas, coleta de sementes e legislação ambiental são tema de curso em Aquidauana
 
Últimas notícias do site
23/10/2017 - 09h54
Prefeito de Corumbá representa o Brasil em seminário internacional do FONPLATA sobre hidrovia
23/10/2017 - 08h55
Semana em MS começa com 169 vagas em concursos públicos
23/10/2017 - 07h41
PMA e parceiros realizam Educação Ambiental para alunos em escolas ribeirinhas e indígenas
23/10/2017 - 07h40
Em oito dias, Mato Grosso do Sul registra queda de 55 mil raios
23/10/2017 - 07h02
Medidas anunciadas por Temer farão ressurgir o rio Taquari, diz Ruiter
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.