TRANSPARENCIA GOV DEZ
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Economia - 31/05/2016 - 12h20

Abono de R$ 200 para servidor estadual é aprovado e já chega em junho




Por Fernanda Mathias e Leonardo Rocha do Campo Grande News / Redação Pantanal News

Aprovado em duas votações, na Assembléia Legislativa de Mato Grosso do Sul, o abono salarial de R$ 200,00 para a maioria dos servidores estaduais. Aprovação foi unânime com 14 votos, em sessão extraordinária, com intenção de que já conste na folha de pagamento de junho, com valor retroativo a abril.

O líder do governo, Rinaldo Modesto (PSDB), observou que “o servidor até merecia mais”, mas em função do momento de crise pelo qual passa o País “o governo fez o que podia ser feito”, citando exemplos como do Estado vizinho Mato Grosso, onde não houve reajuste.

Rinaldo ressaltou que o projeto foi enviado ao Plenário já com acordo e pautas discutidas e alinhadas com cada categoria. A bancada do PT votou favorável ao projeto, mas o deputado Amarildo Cruz alegou que a concordância ocorreu porque não houve objeção das categorias, com protesto. Enfatizou que, em sua opinião, “o abono salarial acrescenta pouco” ao servidores por não estar vinculado formalmente aos vencimentos. “Na minha época de sindicato a gente sempre foi contra o abono”.

Uma das justificativas do governo para o abono é que se o reajuste fosse incorporado ao salário ultrapassaria o limite prudencial com folha de pagamento previsto na LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal), diante do aumento de despesas.

Algumas categorias vão ter um abono maior, como os servidores de Fiscalização e Gestão de Obras Públicas e a de Serviços de Engenharia e Transporte, com R$ 250,00, e os professores e técnicos de ensino superior, assim como assistentes técnicos de nível médio, que ficarão com R$ 220,00.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
28/11/2017 - 10h54
Projeto ferroviário vai expandir fronteira do agronegócio, diz Reinaldo
28/11/2017 - 10h46
Prefeitura vai ajustar gratificações para assegurar salários dos servidores
27/11/2017 - 15h13
Saques da terceira etapa de pagamentos do PIS/Pasep já estão disponíveis
27/11/2017 - 14h12
Cheques de qualquer valor serão compensados em até um dia útil
27/11/2017 - 09h30
Economia deve movimentar R$ 38 milhões com 13° salário em Corumbá e Ladário
 
Últimas notícias do site
15/12/2017 - 16h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 39 milhões neste sábado
15/12/2017 - 16h02
Veado e tatu são resgatados e devolvidos a natureza
15/12/2017 - 12h35
Comandante e Subcomandante da PMA de Corumbá são homenageados
15/12/2017 - 12h01
PMA autua proprietário rural por armazenamento ilegal de embalagens de agrotóxicos
15/12/2017 - 10h56
Fazendeiro é autuado por armazenamento ilegal de madeira
 

88

ZAP NOVO
Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.