especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Saúde - 30/05/2016 - 09h20

No Estado, ações de combate à dengue não entram em 15% das casas




Fernando Antunes

Ações envolvem agentes comunitários de saúde, agentes de controle de endemias, com apoio de militares das Forças Armadas.
Por Fernanda Mathias do Campo Grande News / Redação Pantanal News

O Ministério da Saúde informa que em Mato Grosso do Sul as ações de combate ao mosquito aedes aegypti, vetor da dengue, não chegaram a 15% dos domicílios que estavam fechados ou cujas visitas foram recusadas. O quarto ciclo de enfrentamento ao vetor foi iniciado em 1º de maio com 15 milhões de domicílios visitados no País.

Com ações específicas também em municípios fronteiriços, as visitas aos imóveis contam com a participação permanente de 266,2 mil agentes comunitários de saúde e 49,2 mil agentes de controle de endemias, com apoio de aproximadamente 5 mil militares das Forças Armadas, informa o Ministério. 

Também participam profissionais de equipes destacados pelos estados e municípios, como membros da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros. O índice de domicílios que barraram as visitas no Estado é inferior à média nacional, que é de 20%.

As visitas ocorreram em 50 municípios do Estado, de 166.803 municípios, 24.918 estavam fechados ou recusaram a entrada dos agentes.

O último relatório da SES (Secretaria de Estado de Saúde) apontava 56.003 casos suspeitos de dengue no Estado neste ano e 15 óbitos, ocorridos em Campo Grande, Coxim, Dourados, Maracaju e Ponta Porã, além de um caso em investigação.

Na noite deste domingo, 29, o paciente José Maria Quintania Leal, 49 anos, diagnosticado com dengue morreu na noite de ontem (29), no Posto de Saúde do Bairro Tiradentes, em Campo Grande. Conforme informações de boletim de ocorrência, era epilético e estava fazendo tratamento no posto de saúde desde a última quarta-feira.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
20/11/2017 - 12h50
Laudo descarta que macaco achado morto na Capital teve febre amarela
13/11/2017 - 11h30
Lei: deputado Dr. Paulo Siufi cria “Agosto Verde” para prevenir depressão e outros males
08/11/2017 - 16h10
Sesau investiga morte de macaco, animal hospedeiro da febre amarela
31/10/2017 - 14h46
Cirurgia de Ruiter teve início na tarde desta terça-feira
31/10/2017 - 09h07
Com quadro clínico estável, prefeito de Corumbá já está sendo operado
 
Últimas notícias do site
18/12/2017 - 08h37
MS tem 7 concursos com inscrições abertas e salários de até R$ 19 mil
18/12/2017 - 06h44
Tempo instável e risco de temporais em todo o MS nesta segunda-feira
17/12/2017 - 12h10
IPVA 2018: entenda como é calculado o tributo e com base em que valores
16/12/2017 - 10h35
Com 13º em mãos, famílias vão às compras e movimentam comércio
15/12/2017 - 16h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 39 milhões neste sábado
 

zap

88

ZAP NOVO
Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.