especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Política - 23/04/2016 - 08h00

Atos pró-Dilma devem ocorrer em ao menos 9 cidades de MS dia 1º de maio




Por Michel Faustino do Campo Grande News / Redação Pantanal News

Em pelo menos nove municípios de Mato Grosso do Sul devem ocorrer manifestações contra o impeachment da presidente da República, Dilma Rousseff (PT), em 1º de maio, Dia do Trabalho. Em paralelo, as mobilizações devem ocorrer em todo o país e a expectativa é de que seja a maior realizada até agora, conforme a Frente Brasil Popular.

 

De acordo com Maria Rosana, uma das coordenadoras da FBP, em Mato Grosso do Sul os movimentos que compõem a frente estiveram reunidos na quarta-feira (20) para definir um calendário de ações, que devem ocorrer durante todo o mês de maio. Para o dia 1º, a intenção é conclamar a classe trabalhadora e executar atos em pelos menos nove municípios: Campo Grande, Dourados, Corumbá, Nova Andradina, Coxim, Itaquiraí, Sidrolândia, Três Lagoas e Ponta Porã.

“Estamos programando as manifestações nestas cidades onde a frente está consolidada, mas uma adesão espontânea. Tradicionalmente realizamos esse movimento no dia do trabalho, mas esse ano tem uma questão especial que é contra o golpe e a forma que está caminhando para ceifar, principalmente, os direitos dos trabalhadores”, disse.

Rosana lembra que atos ocorrem em Mato Grosso do Sul, desde agosto do ano passado, quando foi instituída a frente no Estado. Ela ressalta que, tais mobilizações reuniram um número significativo de pessoas, mas a expectativa é de que a do dia 1º de maio seja a maior, até então.

“Nós estamos mobilizando toda a classe trabalhadora e esperamos um número considerável de pessoas, especialmente no ato do dia do trabalhador, que é tradicional”, conta. Conforme Rosana, na Capital, ao menos 1 mil pessoas são esperadas. Os locais onde as manifestações devem ocorrer ainda estão sendo definidos pela organização.

O processo de impeachmente da presidente Dilma Roussef corre no Senado, que já definiu a comissão que vai participar da analise e dar o veredito. Mato Grosso do Sul compõe a comissão especial. Os senadores Simone Tebet e Waldemir Moka, ambos do PMDB, são dois dos cinco indicados pelo partido. Anteriormente, os parlamentares já haviam afirmado ser favoráveis ao afastamento.

 Nesta sexta-feira, a presidente fez uma menção à crise política do Brasil no fim de sua fala na cerimônia de assinatura do Acordo de Paris sobre Mudança do Clima na sede das Nações Unidas, em Nova York.

Ato realizado no dia 31 de março em Campo Grande reuniu cerca de 300 pessoas. (Foto: Alan Nantes/Arquivo)Ato realizado no dia 31 de março em Campo Grande reuniu cerca de 300 pessoas. (Foto: Alan Nantes/Arquivo)

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
12/12/2017 - 08h16
Governador participa de reunião do Codesul em Porto Alegre
30/11/2017 - 09h34
Deputado Dr. Paulo Siufi recebe Prêmio Amigo do Cotolengo
29/11/2017 - 16h00
PL do deputado Dr. Paulo Siufi que proíbe linha chilena em pipas passa em 2ª votação
28/11/2017 - 10h01
Protesto não impede e Assembleia aprova reforma por 13 votos a 7
28/11/2017 - 07h08
Em dia de votação, ‘tropa de choque’ cerca Assembleia e Governadoria
 
Últimas notícias do site
12/12/2017 - 14h30
Produção de grãos em MS cresce 40%, alta acima da média nacional
12/12/2017 - 12h51
Emoção, luzes e alegria marcam a noite de abertura da Vila do Natal em Aquidauana
12/12/2017 - 08h51
Governo divulga resultado dos recursos do concurso da Polícia Civil
12/12/2017 - 08h42
Calor predomina e meteorologistas alertam para baixa umidade do ar
12/12/2017 - 08h16
Governador participa de reunião do Codesul em Porto Alegre
 

zap

88

ZAP NOVO
Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.